Água Boa (Mato Grosso)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Água Boa é mais uma cidade gaúcha no Mato Grosso localizada no Vale do Araguaia.

História[editar]

Fusca Cross, a grande atração da cidade é uma corrida de latas-velhas.

Região originalmente habitada pelos índios xavantes, que até hoje ainda vivem tribos em algum lugar por ali. A origem do nome Água Boa vem de uma lenda, quando os primeiros bandeirantes ali chegaram e ao beber da água do córrego acharam aquele gostinho azedinho muito bom. Com o tempo descobriram que os índios mijavam lá no alto do rio.

Povoado fundado oficialmente em 1976 quando o governo doou 100.000 hectares de terras para alguns agricultores falidos do sul do país, que frustrados com a falta de fertilidade do solo sulista foram obrigados a se mudar para o Mato Grosso e aproveitar para contribuir com o plano federal de colonizar o interior do país. Apesar de ser uma típica cidade de meia-dúzia de habitantes que jaz numa poça de tédio, até que lá era melhor que o Sul, o que eles plantavam nascia, isso era incrível para aqueles fazendeiros que mal conseguiam plantar uvas no pobre solo do sul.

A região atravessou grande desenvolvimento durante a década de 80 (tá bem, não é aquilo que se possa dizer: "Nossa mas que grande desenvolvimento!" Mas os fazendeiros plantavam e vendiam abacaxi, era o suficiente para ter um dinheirinho para comprar cachaça). Até que em 1989 a crise da soja atinge Água Boa, e 95% dos seus fazendeiros entram e falência e se tornam posseiros e grileiros que venderam suas posses para o MST e voltaram correndo para receber bolsa família no interior do sul.

Atualmente Água Boa é uma pequena cidade (com nada de bom pra fazer), pacata (tediosa), de população humilde (pobres miseráveis) e que ninguém conhece (ninguém se importa).

Economia[editar]

Economia que se destaca na agricultura de arroz e palmito (economia de cidade pobre).

Água Boa orgulha-se do seu famoso leilão de gado, reconhecido como o maior do mundo no ramo. Fazendeiros de todo estado se reúnem em Mato Grosso para comprar esperma de touro por milhões de reais...

Turismo[editar]

Água Boa se destaca por seu turismo rural, que é literalmente um programa de índio. Os turistas que caírem na cilada de visitar Água Boa no intuito de visitar suas grutas e cachoeiras, só vai encontrar mato e mosquitos.

Em julho acontece o Expovale, um festival bem caipira de exposição de vacas, bois e touros. É quase como uma festa junina prolongada. Dizem que muita mulher bonita vai lá, mas na prática o que se vê são um monte de barangas disfarçadas com quilos de maquiagem na cara.

Há ainda o famoso Fusca Cross, a maior corrida de enduro de ferro-velho do Centro-Peste.

Natal e Ano-Novo nem pense em querer ver alguém lá, o povo some tudo,ou melhor não vá nunca lá, o povo sempre fica camuflado em casa.