A Lição de Anatomia do Dr. Tulp

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
A Lição de Anatomia do Dr. Tulp.jpg
Brincando com um defunto
Um cara com nome muito difícil de se escrever, 1631
óleo sobre óleo sobre óleo sobre a tela
Mauritshuis (Haia)

A obra A Lição de Anatomia do Dr. Tulp é uma bela pintura, menos pra quem não tem nojinho das coisas, do pintor neerlandês Rembrandt. Essa pintura mostra obviamente uma aula de medicina, o que mostra a falta de educação de Rembrandt, pois medicina é bastante concursada e requer estudos, e dá para observar a desconcentração dos alunos olhando na direção do pintor... De qualquer maneira essa pintura revolucionou o âmbito da arte, pois na época a Igreja Católica (sempre ela) ficava pistola com quem divulgasse a blasfema ciência, principalmente porque ela queria mais é que todo mundo morresse para ela herdar as bufunfas todas...

Análise[editar]

Essa pintura foi feita quando Rembrandt tinha apenas 25 anos de idade, o que é algo bastante impressionante, visto o fato que o máximo que nossas crianças de 25 anos podem fazer atualmente é se afundar numa banheira de Nutella, imitar uma foca e depois provocar fome mundial... Mas o mais impressionante disso tudo é que simplesmente essa pintura é maior do que o pau do Kid Bengala por metro quadrado...

Essa pintura tem duas curiosidades a respeito das pessoas que foram pintadas nela: a primeira é que o defuntado em questão era um ouvinte de sertanejo barroco, e que estava ouvindo num som bastante alto, o que provocou a ira dos mais próximos... Assim seu corpo foi doado a uma ação mais nobre. Além disso o tal Dr. Tulp realmente existiu, e ele foi o primeiro a diagnosticar pessoas com a doença com nome estranho beribéri, que faz as pessoas se transformarem em judeus da Segunda Guerra Mundial...

Detalhes[editar]

A Lição de Anatomia do Dr. Tulp - detalhe1.jpg Nesse detalhe está Dr. Tulp apontando para o braço desmembrado ao estilo Attack on Titan do defunto. Ele está bastante concentrado dando explicações aos seus alunos, enquanto faz um gesto aleatório com uma de suas mãos, talvez porque ele estivesse no momento se mexendo bastante e o pintor não teve paciência para fazer uma pose, então fez uma bugada de uma vez... Já a sua outra mão está enfiando um cigarro dentro do morto, que é uma técnica para medir o grau de glicose dos músculos do morto.
A Lição de Anatomia do Dr. Tulp - detalhe2.jpg Noutra parte da pintura está obviamente o defunto e alguns alunos enfiando suas cabeças, sendo que tais cabeças são aquelas que contém o encéfalo, e não aquela cabeça da terceira perna atrofiada... Um detalhe interessante é que o maluco não tem osso no braço, ou pelo menos tiraram na hora de fazer a pintura, talvez Rembrandt fosse ossofóbico, e não gostava de ossos... Repare também no cidadão que enfiou ainda mais a sua cabeça, e perceba como ele está a invejar a barriga tanquinho zero gordura do cara, até porque ele foi dissecado...
A Lição de Anatomia do Dr. Tulp - detalhe3.jpg E na outra parte da pintura estão os alunos. Dois deles já foram explicados aqui. A maioria deles estão com uma expressão facial do tipo Cquote1.png OMG! Que demais, ai que delícia! Cquote2.png como se uma aula de anatomia fosse ganhar barras de ouro que valem mais do que dinheiro, o que não deixa de ser verdade, pois depois de formado em medicina, você pode escrever livros sobre como chegar a onde chegou e ficar milionário... Existem alguns alunos distraídos olhando diretamente para você, e isso é uma curiosidade que normalmente se dá em sala de aula, mas na realidade ninguém sabe necessariamente porque isso ocorre...