Adventure Time: Socrates Wish

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Dalhe negao thumb.jpg I M A G E N S|||F O R T E S

Neste artigo são exibidas imagens fortes. Caso você possua doenças cardíacas ou seja menor de 18 anos, idoso, gestante, fresco, patricinha ou emo, não leia este artigo.

Quevedo25on.gif Este artigo trata de coisas que nón eczisten!

Este artigo trata de algum mito, lenda, conto, história de pescador ou desculpa esfarrapada. Tome cuidado, pois você pode espirrar e ter sua alma levada pelo capeta caso alguém não fale saúde.

Suposto Titlecard do episódio.

Babel fish.gifTraduzindo: Aventura Tempo: O Desejo de Sócrates
Babel Fish sobre Adventure Time: Socrates Wish
Cquote1.png Tenso! Não dormi por uma semana Cquote2.png
Fã de Hora de Aventura sobre Adventure Time: Socrates Wish
Cquote1.png Fraco! Cquote2.png
Fã de creepypasta sobre Adventure Time: Socrates Wish
Cquote1.png Já vi coisa pior no rule 34 Cquote2.png
Outro alguém sobre Adventure Time: Socrates Wish
Cquote1.png Quem diabos é esse Sócrates? Cquote2.png
Você sobre o enredo
Socrates Wish é uma comédia creepypasta, feita para dar medo nos fãs de Hora de Aventura, e mais uma vez essas teorias macabras de desenho animado que são modinhas atacam novamente. Por ser uma creepypasta, você já saca que não é verdadeiro, e é uma das piores já feitas pela humanidade. Se fosse verdadeiro, seria o 3º episódio da 4ª temporada, e seria também o último, como o dinheiro no bolso dos produtores fala mais alto, eles não seriam nem loucos de matar seus personagens. Por enquanto...


Enredo[editar]

Nota: Agora você verá a história completa, sem cortes, sem censuras e sem fontes seguras:


O episódio começa no Reino Doce, com Finn e Jake correndo para as portas principais do castelo. Eles empurram a porta violentamente, e a cabeça do Mordomo Menta havia sido mordida por algum tipo de dragão que estava ao seu lado. Sangue esguichava do pescoço dele, e o dragão olhou para Finn e Jake. Rapidamente, o dragão em questão voou para longe.

O maior desejo de Sócrates antes de morrer, matar o Finn de uma vez por todas.

A dupla anda pelo castelo, se deparando com todos os tipos de cidadãos do Reino Doce mortos, ou apenas sentados, sorrindo ameaçadoramente. Eles passaram ao lado de Canelinha, que estava sentado e sorridente, quando de repente, ele agarra a perna de Jake. Finn tentou jogá-lo para longe, mas não conseguiu. Jake, então, ficou completamente marrom, e alguns barulhos de esmagamento podem ser ouvidos, enquanto ele caía no chão duro como uma pedra. Depois de alguns segundos encarando o corpo de Jake, Finn, cauteloso, continuou a andar pelo castelo.

Ele chegou à parte principal do palácio. Princesa Jujuba pode ser vista vista sentada em seu trono.

Esse cartão de título não é desse episódio, mas sim, de um episódio normal.

“Oh, Finn, obrigada por ter vindo! Todos os meus cidadãos se transformaram em zumbis!”, disse ela.

Mal pode-se entender isto, devido ao fato de que o áudio está um pouco distorcido.

“Sem problemas, princesa. Mas acabei perdendo Jake no caminho pra cá… Alguma chance de você ajudá-lo?”, disse Finn. O áudio se distorce novamente.

“Finn, não podemos ajudar as pessoas no Japão, podemos?” Finn se aproxima.

“No Japão? Mas o que...“. De repente, o trono gira rapidamente, revelando outro trono por trás dele. Nele, estava a Princesa Jujuba, toda esverdeada e com metade de seu corpo faltando. Ela pulou em direção ao Finn, mordendo violentamente sua cabeça. Muito sangue escorre de sua ferida, até que Finn cai, morto.

Uma música estranha de violino (parecida com a música de abertura, só que mais lenta) começa a tocar enquanto alguns zumbis carregam os cadáveres de Jake e Finn pra fora do castelo. Eles atiraram-os de um penhasco, e em seguida, comemoraram. De repente, eles voltaram ao normal, mas pararam segundos depois e fixaram para o penhasco, sem se moverem, então o episódio acaba.

Análise[editar]

Apesar de ter sido um enredo legal, mas, what the fuck? Como o sangue esguicha no pescoço do Mordomo Menta se nem pescoço ele tem e o dragão mordeu a cabeça, além disso criaturas doces não tem sangue. Então depois Jake morre porque Canelinha agarrou a perna dele (GENIAL!). Finn vê seu irmão morto e resolve continuar andado (boa Finn).

Aprovantando a macabrocidade, esse cartão de título realmente foi feito pelo produtores de Hora de Aventura. Mas foi substituído por Finn segurando um pão com o Jake vivo e inteiro. Perdeu a graça.

Em seguida Finn encontrou Princesa Jujuba sentada na privada no trono. Ela agradece (do que?) e diz que seu povo virou zumbi (já vi isso antes[1]). Finn respondeu: "Sem problemas, princesa. Acabei perdendo Jake no caminho pra cá, mas tá tudo bem".

Então a princesa cor de rosa pergunta se podemos ajudar as pessoas do Japão... japão? JAPÃO!? JAPÃO!!!??? (confesso que ri quando li esse trecho). Tá, eu tenho uma teoria pra explicar isso; o Japão está perdendo os otakus americanos por causa desse desenho alienado, então se matarmos o desenho esses fãs vão voltar para os animes. Huumm... parece que já sabemos aonde essa creepypasta foi feita (made in Japan).

Voltando para o enredo sem sentido o trono gira e revela a Jujuba verde (já vi isso antes[2]) com a metade do corpo (meio que já isso antes[3]) e mordeu Finn como se ela fosse um zumbi (já vi isso antes[4]) muito sangue escorre (caramba, foi só uma mordica e com a metade dela) até que enFinn cai morrido no chão (no teto é que não vai cair).

Os zumbis jogam o cadáveres no penhasco e comemoram (viva!) e do nada eles voltam ao normal; de acordo com meus conhecimentos sobre zumbis... zumbis não voltam ao normal, a não ser com o soro desmortizador que Will Smith (diz ser a lenda) inventou, que Princesa Jujuba copiou e foi parar no corpo de Jake the Dog Müller.

Uma dica pra quem inventou essa joça: Se for fazer uma creepasta, pelo menos faça com mais lógica!

Referências[editar]