Alessandro XVIII

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Atenção: Este personagem é apenas um sock puppet, controlado pelo Cardeais Francesco di Medici e Catherina Sforza. Se quiser mandar alguma mensagem para Alessandro XVIII, deixe-a na caixa postal de algum dos Cardeais, que receberá uma resposta o mais rápido possível

Assinado: Cardeais Francesco di Medici e Catherina Sforza


Alessandro XVIII é tão afeminado que esse cosplay feito por uma garota ficou perfeito.

Alessandro XVIII é apenas um pirralho que, por incrível que pareça, conseguiu se tornar papa aos 14 anos. Isso mesmo, diferente dos dias de hoje, em que apenas os senhores rabujentos com mais de 300 anos nas costas conseguem se tornar papas, na época em que se passa o anime hentai Trinity Blood, qualquer um consegue se tornar o líder maior da Igreja Católica.

História[editar]

Gn.gif Nenhum resultado encontrado para "História de Alessandro XVIII"
Google sobre Alessandro XVIII

Assim como praticamente todos os pesonagens de Trinity Blood, Alessandro XVIII não tem uma história. O passado de Alessandro XVIII é tão desconhecido que ninguém sabe sequer onde essa criatura foi parida. Bem, mas isso não é importante. A única coisa que importa é que, quando completou 14 anos, Alessandro XVIII recebeu uma proposta para ser o sock puppet papa, pois todos achavam que ele possuia um talento natural para exercer a função, talvez porque ele não tinha vontade própria e aceitava qualquer coisa. Como Alessandro XVIII concorda com tudo que os outros dizem, mesmo não querendo entrar nessa furada, ele aceitou, e começou a exercer o cargo imediatamente.

Após isso, Alessandro XVIII, que já estava praticamente morto, acabou morrendo definitivamente. Ele não podia mais nem cagar sem que tivessem uns trocentos padres em sua cola dando uma de manja-rolas. Mesmo perdendo definitivamente a liberdade, Alessandro XVIII nem se importou, pois pensava que, como papa, tinha uma obrigação com o mundo, que era a de acabar com as guerras entre os povos GLS e Nazis.

Segundas intenções[editar]

Como colocaram um pirralho meio emo na função de papa, todos pensavam que os Cardeais Francesco di Medici e Catherina Sforza tinham ficado completamente doidos. Isso é bem compreensível, pois o líder maior da Igreja Católica deve ter a capacidade de liderar todos os milhões de fiéis alienados ao redor do mundo - Em outras palavras, ele deve ter carisma.

Porém, no decorrer do anime, é revelado que, na verdade, o que os Cardeais queriam era evitar que o Arcebispo Alfonso D'Este se tornasse papa. Se isso acontecesse, seria um desastre para a Igreja Católica, pois como Alfonso era liberal, ele iria liberar o uso da camisinha. Além disso, colocando alguém sem vontade própria como Alessandro XVIII no poder, os Cardeais poderiam continuar controlando tudo.