Alex Badboy

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Pensador trabalhando.jpg Alex Badboy é um filósofo
Portanto também é um deficiente mental...

Este é mais um desocupado que não tinha porra nenhuma pra fazer além de contemplar a empolgante vida sexual dos caramujos-de-jardim. Se você é uma pessoa provida de um pouco de sanidade mental, vá procurar algo melhor para ler, como uma bula de remédio!

Cquote1.svg A diferença de uma mina pra uma travesti é só a frente Cquote2.svg
BADBOY, Alex

Alex Badboy entregando a peça que você queria pro Alemão consertar o seu carro. É claro que o conserto não andou, pois o mecânico acabou trabalhando e relaxando com Alex Badboy.

Alex Badboy é um futebolista amador, filósofo e marmita de travesti brasileiro, um macho até debaixo de outro macho que se considera hétero, pois é até casado, dando o cu apenas pela arte. Assim como Alexandre Senna, ele sabe separar o pessoal do profissional, por isso ser arrombado sete vezes por semana não o torna menos macho, apenas um profissional que leva sua profissão a sério. Assim como o Mangueira Boy, Alex Badboy está sempre de boné, e não tira o acessório nem pra dar o cu.

História[editar]

Alex Badboy nasceu em Cu Pequeno, na Bahia, mas diferente de seus conterrâneos, nunca se considerou um macho virgem, pois não sentia atração por homens, apenas por mulheres pirocudas. As vezes ele chupa a birola de outros atores, e em situações excepcionais ele come o cu do caboclo e deixa que ele coma seu cu cabeludinho de macho também, mas isso é apenas pela arte e um pouco pela brotheragem, nada de viadagem. Alex Badboy sempre se identificou como macho até debaixo de outro macho, pois deixava ser penetrado apenas por travestis bem dotados que se parecem com mulheres. Assim, mesmo enquanto estava sendo arrombado por uma piroca bem veiuda de trinta centímetros, ele não deixava de ser muito macho.

Após cursar filosofia na USP e ser aluno de Erick Munhoz, Alex Badboy chegou a uma conclusão filosófica que revolucionou a área da viadagem, que a diferença de uma mina pra uma travesti é só a frente, a parte de trás é igualzinha. Por essa frase filosófica, a melhor desde o "travesti é que nem mulher, só que com bônus", Alex Badboy foi aclamado como o maior pensador genital contemporâneo, superando até mesmo o Wesley Safadão de Família e sua çabedoria sobrenatural. Também foi em seu período como acadêmico que Alex Badboy repensou os seus conceitos, chegando a mais uma conclusão imprecionante, que a diferença de um homem pra uma travesti é nenhuma, a parte da frente e a parte de trás são iguaizinhas. Por isso, ele passou a abrir o cu peludo para a entrada de homens também, permitindo até mesmo dupla penetração, mas lembrando, sem nunca deixar de ser muito macho, afinal na vida real ele até tinha uma namorada bem bonita e pirocuda.

Pelada, Alex Badboy e Amigo[editar]

Alex Badboy com seu melhor amigo, mandando a frase que entrou nos anais da história e da filosofia travequeira.

Após assistir a transmissão da Pelada G pela Rede Globo, Alex Badboy ficou com vontade de bater uma bolinha na Arena Delícia também. Porém, por não conhecer os atores da Ícaro Studios, assim não conseguindo formar times, ele convidou para a pelada apenas seu melhor amigo, o irmão do Douglas "Yeah Men" Torres. Os dois pularam a cerca e invadiram o estádio localizado em Cu Pequeno, e começaram a brincar de troca de passes, ao menos até o joguinho ser interrompido por gemidos misteriosos.

Curioso com a origem dos gemidos, Alex Badboy começou a investigar, e viu que eles estavam partindo de dois travestis que estavam brincando de empalamento com a katana orgânica. Achando as duas bem gostosas e querendo participar daquela brincadeira deliciosa também, Alex Badboy chamou o seu amigão para ir com ele abordar os travestis. A princípio, o amigo não queria muito ir lá não, pois não curte muito travestis, o que ele queria era relaxar só com o Alex Badboy mesmo. Porém, para convencer seu parceiro, o filósofo soltou a sua frase de maior efeito Cquote1.svg a diferença de uma mina pra uma travesti é só a frente, a parte de trás é igualzinha Cquote2.svg. Ao ouvir isso, o amigo repensou os seus conceitos e aceitou participar da suruba com os travestis, e assim como Alex Badboy, foi enrabado e bateu sua meta diária de proteína, bebendo quase dois litros de leite.