Audi TT

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Audi TT, ou TurboTem, é um modelo esportivo de carro produzido pela Audi.

Desempenho[editar]

Audi TT antes de pegar fogo e virar papel carbono.

O Audi TT é um roadster que foi reformulado em 2008 e logo após em 2014, sendo o presente modelo (2016) vendido tendo a motorização 2.0 Turbo como mais vendida. Em sua época de lançamento contava com tração integral nas 4 rodas e foi muito vendido no Brasil para a zelite. Como o pobre não pode ter um carro destes, o Audi TT é relativamente pouco encontrado, e quando alguém o vê confunde até com outros modelos como Lamborghini ou até Ferrari, mostrando o quanto o brasileiro sabe sobre carros esportivos importados.

O Audi TT possui certa estabilidade pra fazer curvas e é usado para rachas nas ruas esburacadas do Brasil com um alto índice de sucesso, principalmente nas versões (mais antigas) com motor 3.2, fazendo com que ele seja também usado para ir a baladas e a apostar racha com Camaros amarelos conversíveis e perder feio em corridas de arrancadas de até 500m. O forte do carro não é aceleração, tampouco estabilidade, mas possui velocidade limitada à 250km/h, que pode ser quebrada por preparadores especiais, se for o foco do dono de perder a garantia de fábrica de um carro de (quase) meio-milhão de reais.

O Audi TT foi dito ter competido com o Mazda RX-7 e ter perdido pela Mazda ter sediado a corrida em sua pista em Tsukuba e de apenas uma volta, fazendo o Audi TT largar em segundo e sendo fechado sempre nas curvas da pista no Gran Turismo 6. Como o Audi TT virtual não era tunado, não se pode averigüar se ele ainda estava na garantia (ou não) e o Mazda levou a melhor, uma das primeiras e últimas vezes que o motor Wankel poderá ganhar alguma coisa numa corrida de verdade. Diz-se que esse Audi começou a pegar fogo logo que chegou ao final da prova, o que infelizmente não pode ser verificado mais uma vez pelo fato de isto nunca ter acontecido. Diz-se que o imprevisto foi pelo fato de o piloto ter tentado dar um burnout no seu carro e ao invés disso, seu plano de ir para a lua acabou falhando quando o carro virou de ponta cabeça e a força da gravidade o puxou de volta para o planeta Terra.