Bóhrio

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Bóhrio
Bohrio.jpg
Bóhrio usado para abrir um portal pro Reino do Caos
Símbolo, número Bh, 107
Série Transição
Principal isótopo 264Bh
Propriedades atômicas
Massa atômica 264 cus
Dureza Desconhecida
Nível de radioatividade Fortíssima
Nível de toxicidade Desconhecida
Propriedades físicas
Comestível? Melhor não
Inalável? Não
Posso passar na pele? Só em Goiânia
Onde encontrar Birigui
ponto de fudição Dado irrelevante
ponto de rebuliço Dado irrelevante
Coisas de quadrinhos
Probabilidade de te transformar num super-herói Nula


Babel fish.gifTraduzindo: Boring
Babel Fish sobre Bóhrio

Bóhrio é um desses elementos químicos inventados em laboratório depois que cansaram de estudar os da natureza. O dito cujo é mais conhecido pelo alto grau de confusão que seu nome causa em relação ao bário e boro, até deixaram aquele "h" feioso ali no meio pra diferenciar.

História[editar]

O bóhrio (não esqueça o h) foi sintetizado pela primeira vez em 1976 em Dubna, por uma equipe de químicos soviéticos que naquele momento tentavam criar um sabor novo de miojo, para o deleite do camarada e grande líder Leonid Brejnev (estamos falando aqui de quantidades de comida astronômicas). Nisso acabaram achando o isótopo Bh-261 somando 204 do bismuto com 54 do cromo; como chegaram nesse número 261 eu não faço ideia, mas o produto vivia apenas de 1 a 2 minutos, quase o prazo de preparo de um macarrão que eles tavam tentando cozinhar. Porém, em 1981 uma equipe de pesquisadores trolls de Darmstadt confirmou as pesquisas soviéticas mas criando um isótopo totalmente diferente, e já tentaram patentear, o mundo capitalista mais uma vez tapeando os bravos pesquisadores soviéticos.

Os alemães que pegaram carona no serviço alheio sugeriram esse nome bóhrio em tributo ao físico dinamarquês viciado em chocolates Niels Bohr, pois se ele complicou a vida dos estudantes com seu modelo atômico, eles queriam que todo mundo também sofresse com esse indivíduo imortalizado na tabela periódica. Mas os soviéticos queriam que esse nome fosse ao elemento 105 que hoje é o dúbnio, pensa num pessoal que gosta de brigar por nada.

A questão só foi decidida em 1994 pois a fila de elementos novos para confirmar tava grande, com esse nome feio da porra acima sendo confirmado e o símbolo atômico Bh adotado em referência subliminar à capital de Minas Gerais.

Características[editar]

O bóhrio é um elemento radioativo, transurânico, de aspecto prateado, provavelmente metálico, provavelmente sólido e verdadeiramente inútil. Poucas propriedades são sabidas com certeza pois é um elemento limitado e caro de fazer e ninguém quer investir nessas pesquisas inúteis a menos que saia um Godzilla dali.

O isótopo mais estável conhecido é o Bh-262, com meia-vida de 102 minutos - dá para sintetizar isso, fazer uma pipoca, assistir um filme, voltar e essa porra ainda está lá. O que o torna extremamente durável comparado aos outros sintéticos do número 100 adiante, ou seja, pouca mídia e muito futebol.