Bolsa de Valores de Brasília de Minas

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Desnoticias logo.png PLANTÃO DESNOTÍCIAS ECONOMIA INFORMA:

O Índice Bolsa de Valores de Brasília de Minas opera em ALTA de 3,19% (150.067 pontos).

Mais informações a qualquer momento, aqui.


Falling graphics.jpg



Funcionários em frente a filial estrangeira da BRASDAQ.
Vista do centro financeiro da cidade.
"Rua Brasilinha" - Homenagem dos EUA a Brasília de Minas, sede da BRASDAQ.
Tabela de valorização da BRASDAQ - De 1890 até 2010.

A BRASDAQ - Brasilia of Minas Securities Dealers Advanced Quotation System (em inglês:Sistema Avançado de Cotação de Intermediários de Valores de Brasília de Minas) é a principal bolsa de valores da cidade. A sede da BRASDAQ está localizada no Bairro Andú a "Wall Street brasilminense" no centro financeiro do setor norte do Templo Maior e se converteu curiosamente numa atração turística para os visitantes que vão à cidade. Na BRASDAQ são transacionadas ações das maiores empresas brasileiras e americanas, principalmente. A BRASDAQ foi fundada em 23 de agosto de 1890 pelo então prefeito Zé-de-mel, alguns dias após a emancipação da cidade. A Bolsa de Valores de Brasília de Minas tem uma longa história de serviços prestados ao mercado de capitais e à economia brasileira. Até meados da década de 10, a BRASDAQ e todas as demais bolsas brasileiras, eram vinculadas aos governos estaduais. Porém, com a instantânea autosustentação, além das impressionantes altas de suas ações, que ocorreram em setembro de 1890, o estado optou por privatizá-la, uma vez que se sentiu ameaçado de impediro crescimento da mesma. Cerca de 50 anos depois, incentivadas pela BRASDAQ, as outras bolsas também assumiram a característica institucional que mantêm até hoje, transformando-se em associações privatizadas.

Desde a sua fundação, tem sido constante o desenvolvimento da BRASDAQ, seja no campo tecnológico, seja no plano da qualidade dos serviços prestados aos investidores, aos intermediários do mercado e às companhias abertas.

Em 24 de outubro de 1929, a BRASDAQ dá um golpe futurista, e inicia a venda de ações da TV a cores, que teve seu surgimento em 1954, deixando os EUA chocados com tamanha visão futurista, essa atitude desencadeou o que seria chamado de "quinta-feira negra",ou início da Grande Depressão.

No dia 1º de janeiro de 1971, a BRASDAQ foi a primeira bolsa brasileira a implantar o pregão eletrônico no Brasil. Mas pelo fato da globalização ainda não ter surgido, no dia 8 de fevereiro, a BRASDAQ foi forçada a montar uma sede nos EUA pra facilitar os contatos. A sede, batizada por NASDAQ - North-Miner Affiliation Securities Dealers Automated Quotation System(em inglês:Filial do Sistema Eletrônico de Cotação de Intermediários de Valores Norte-Mineiro) está alojada no edifício de Times Square número 4, em Nova Iorque. Infelizmente, devido as calúnias de que a BRASDAQ não seria brasileira, o título de 1º pregão eletrônico foi dado a BOVESPA,apenas em 1972.

Atualmente, a BRASDAQ é o maior centro de negociação com ações da América Latina, destaque que culminou com um acordo histórico para a integração de todas as bolsas brasileiras em torno de um único mercado de valores - o da BOVESPA (devido a lenda da BRASDAQ ser internacional). Desde o início da década de 80 a Bolsa de Valores de Brasília de Minas opera somente em pregão eletrônico.

Alguns dias atrás foi anunciada a compra da BM&F, que é a Bolsa Mineira e Falsificações.

Empresas listadas na Bolsa de Valores de Brasília de Minas[editar]

Além do próprio Brasil (BRA), várias outras empresas também são listadas na Bovespa:


Eixo Cartesiano do Mal
NazismoComunismoCapitalismoVandalismoBolsa de ValoresGravidadeAlemanhaCoréia do NorteIrãHugo ChávezUnião SoviéticaEstados UnidosACMABNTLinuxHerbalifeWikipediaTelefónica de EspañaRede GloboCMI Brasil
v d e h
ARTIGO COMPLEMENTAR
v d e h
Jornal2.jpg
Não entende este artigo? Acha que é humor privado? Antes de fazer alguma besteira nesta página, leia o artigo Brasília De Minas para ter sentido e volte aqui para entender e achar engraçado (ou não).
Jornal2i.JPG