Brain Wave

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Brain wave)
Ir para: navegação, pesquisa
Alexkidd-gen alexkidd jankendance.gif
Brain Wave é da época da Velha Guarda dos Games

e só é conhecido por gamer raiz

 

Brain Wave
Brainwave gameboard.jpg
As duas cabeças gigantes psicodélicas lá na frente não tem nada a ver com a jogo. Mas acredite, é mais divertido olhar pra elas do que jogar o jogo em si.
Desenvolvedor Magnavox
Ano 1971
Gênero Puzzle, ou pelo menos TENTA ser um jogo disso.
Plataformas Odyssey
Avaliação (Dr. Roberto) -100
Idade para jogar 1000 anos, e é necessário um doutorado em nerdice

Cquote1.png Porque fez isso comigo... porque fez isso comigo... PORQUE FEZ ISSO COMIGO? Cquote2.png
Um cérebro humano, depois de uma partida d Brain Wave
Brain Wave, pronunciado Bâim reivi é um jogo bizarro pra caralho do Osyssey. Não, não só bizarro, como PERTUBANTE. Sério, eu juro que depois de ver como o jogo funciona, eu tive pesadelos 5 semanas de que você tinha se tornado alguém que presta e parado de ler a Desciclopédia. Obviamente, nós não gostaríamos de perder nosso maior perdedor leitor, certo? Enfim, vamos falar do Brain Wave. Bem, esse jogo vindo de uma mente problemática consiste em você usar um aparelho que se parece um strap-on, só que na cabeça, pra assim mandar mensagens cerebrais para o jogo com o obejtivo de levar uma bolota branca para certos lugares. Não, isso não foi escrito sobre drogas, o jogo é bizarro desse jeito mesmo.

A 'jogabilidade' desse 'jogo'[editar]

Bem, como eu expliquei na seção acima, você tem que, em primeiro lugar, colocar o strap-on cerebral na sua cabeça, o que vai parecer um daqueles tubos que os pacientes do hospital tem no corpo pra manter eles vivos, mas acredite, o jogo não causa nenhum dano no seu cérebro, somente algumas lesões permanentes na visão, podendo te deixar cego, dores musculares agoniantes, sangramentos internos nos órgãos e diversas diarreias. Agora que você tem o vibrador na sua cabeça, ligue a televisão e coloque aquela capinha das cabeças gigantes psicodélicas na sua televisão. Só tome cuidado, porque do jeito que você é abestalhado, você vai provavelmente jogar a tv no chão no processo.

Agora você deve usar seus neurônios torrados em jogos e filme pornô para controlar aquela bolota branca lá no meio da tela até o meio da tv. PARECE fácil, se não fosse pelo fato deste jogo ter sido criado nos anos 80 por alguns vendedores que nem sabiam como programar pong, o que torna o controle da bola impossível se você não for um medium, macumbeiro, mago ou primo do Gandalf. Alternativamente, você pode hackear o jogo pra poder controlar a bola com o seu próprio joystick, mas como trapacear é coisa de viados, não faça isso caso não queira ser zoado pelos seus colegas de bar pelo resto da vida. Agora vem a parte crucial do jogo: O que é que você ganha caso acabe vencendo o jogo, provavelmente após Deus ter piedade da sua burrice imensa? A resposta é simples: NADA, absolutamente nada, ou você realmente esperava ganhar algo que presta de um joguinhos experimental criado por nerds? Agora pare de jogar essa porcaria e compre logo um Dynavision pra jogar algo que presta!

Fatos interessantes[editar]

  • Apesar de tudo, esse jogo é um dos poucos que existem no mercado que te permite usar o seu cérebro de formiga para controlar o jogo, coisa que não existe em nenhum jogo hoje em dia e que só é possível com a tecnologia da Nasa, tornando ele um dos jogos mais interessantes do mundo (Mas ele continua sendo um lixo)
  • Um garoto que morava no Acre conseguiu, através de diversas macumbas, mover a bola do lugar usando só o cérebro dele. Recentemente, ele foi apreendido pela policia da área 52 para poderem descobrir aonde ele conseguiu todo esse poder mental.
Os objetos do Brain Wave, entre eles o strap-on mental e a forma do jogo que parece ter saído de um jogo de xadrez.
  • Dizem que se você fizer o código da Capcom na tela de início do jogo, o Einstein vai sair de dentro da sua televisão e vai terminar o jogo por você, salvando as horas e horas que você perderia jogando o jogo. O lado ruim disso? Bem, dizem que todos as pessoas que viram isso acontecer, ficaram doidas em questão de minutos. Mas isso não é algo pra se preocupar, certo?
  • O Brain Wave era pra ser um dos 1000 e sei-lá-quantos jogos do Dynavision, só que o jogo seria complexo demais pros pivetes que jogo essa coisa, além dos criadores do console não quererem que os guris sofressem danos mentais jogando o jogo, anulando a ideia.
  • Os criadores do Brain Wave possuem uma estatística que comprova que metade dos utilizadores do Brain Wave colocaram o strap-on mental no saco, que 1/3 dos utilizadores colocaram o strap-on no pé, que 1/4 colocou o stra-on de modo correto só que quebraram a tv com 5 segundos de jogatina e que todos os utilizadores consideram essas estatísticas inúteis.
  • Dizem que o Brain Wave foi enviado á terra por aliens que planejavam fazer um ataque á terra, só que pra enfraquecer o planeta antes disso, mandaram esse jogo para chupar as mentes da população humana. Infelizmente, o resto das informações sobre esse ataque foi confiscado pelos homens de preto. Por sorte nada aconteceu com a gente, afinal de contas, não tem jeito deles me encontrar aqui e...

Cquote1.png Ei você! Olha só pra esse neurolizador! Cquote2.png
Agente K

Cquote1.png Pera aí... neurolizador... olhar... AAAAAAAAAAAAA! Cquote2.png
O Desciclope que está escrevendo

Hã...bem...deu um tilt aqui em mim e acabei esquecendo até a porra do meu nome...argh...vamos continuar com o artigo, sim?

  • O Brain Wave foi o candidato vencedor de uma incrível competição para decidir qual seria o video-game mais chato, mais inútil e que mais causava danos cerebrais ao jogar, ficando na frente de fortes competidores como Bubsy 3D e Big Rigs: Over the Road Racing. Para comemorar a vitória, os criadores do Brain Wave decidiram se jogar de um penhasco após encher a cara para terem certeza de que não lembrariam o acontecimento.

Ver Também[editar]

Cquote1.png Espere aí, Anônimo! Nós ainda temos uma pessoa que precisa esquecer tudo sobre esse pertubado! Olhe profundamente para o neurolizador, sim? Cquote2.png
Agente J