Caverna da Cuca

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Caverna da Cuca é uma parte do Sitio da Dona Benta onde vive um parente do Bowser, mas que não gosta muito de raptar princesas, embora algumas vezes goste de encher o saco de uma menina do bumbum nariz arrebitado, que é princesa de certa forma, mas o Reino das Águas Claras não é conhecido oficialmente, então Narizinho não é oficialmente princesa. A cuca neche o saco dele, entre outras coisas, apenas por falta de ter algo melhor pra fazer.

Fixações[editar]

Cuca e suas poções benéficas.

A caverna da Cuca é onde ela vive e prepara suas poções, isso até onde um jacaré pode preparar alguma coisa. A Cuca algumas vezes é vítima de sua própria caverna(que na verdade pertence á Dona Benta), pois se na casa da Cuca tiver uma goteira, ela fica com aquela porcaria pingando na testa e não consegue se livrar. Bom, eu não entendo muito da noia de Lobatinho de crocodilianos para entender porque cargas ela não consegue sair debaixo deum pingo d'água e, porque caralho isso a incomoda tanto, com aquela casca dura de jacaré.

Após concertada a goteira, a Cuca voltou a fazer o que sempre fez... Boiar no rio? Não, armar tretas pra cima dos netos da Dona Benta. Isso também não se sabe porque. Ela ainda invoca mais com a Narizinho que, ao menos é a mais educada(pra não dizer que é a única que tem educação), não se sabe porque, talvez porque a Cuca quer ser a dona do rio, mas rio não tem dono. Ela acha que, por ser o lugar onde a Narizinho goste mais de brincar, a Narizinho é a dona do rio, e assim, deve querer o rio pra ela, mas por enquanto a Cuca só tem sua caverna.

Dona Benta nunca cobrou aluguel da Cuca, pois embora a caverna esteja dentro de sua propriedade, ela nem liga pra essa parte, não lhe vê utilidade nenhuma. Dessa forma a Cuca acabou morando aí, pode ser por ter medo dos habitantes do Reino das Águas Claras, que são amigões da Narizinho, o que a faz detestar mais a guria. Na caverna a Cuca estava bem sossegada até que um grupo de macumbeiros(mais precisamente feiticeiros) pediu pra fazer excurções na caverna, claro que, a Dona Benta todo gentil acabou permitindo. A partir de então aquele jacaré que só tentava atacar se alguém chegasse a menos de dois metros dele, passou a ser a Cuca: A caverna foi palco de pesada sessões de feitiço, isso acabou atingindo o animal e após eles acharem outro lugar para seus rituais, a caverna ficou enfeitiçada, a Cuca morando aí, também acabou por ser atingida pela quizomba.

Disso tudo, a caverna, cheia de velas pretas e vermelhas, cristais estranhos, ervas de nomes mais gozados que chá de picão, nunca mais foi a mesma, bem como sua habitante jacaré, que foi possuída por maus espíritos e, por isso acaba por fazer feitiços e cismar com o rio e seus habitantes, acaba sobrando também pra Narizinho que brinca na beira do rio e ainda tem amizades no Reino da Águas Claras, quando vai pra dentro dele. A Cuca não consegue mesmo pegar ninguém, mas sua cisma e sua macumba estão sempre ecoando na caverna.