Danse Macabre

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Realmente, macabro...

Danse Macumba Macabre é uma composição do organista e compositor (nem era necessário ter citado isso) Camille Saint-Saëns que tem esse nome já que ela se inspirou em uma antiga lenda medieval, até porque se é medieval só pode ser algo antigo, ou não. A lenda fala principalmente sobre a morte, algo muito comum naquela época, mas isso não é o assunto desse artigo, então foda-se, o importante é que essa composição foi inspirada nessa lenda, que literalmente tem o mesmo nome que a composição, só para provar o quão criativos são os compositores...

História[editar]

Essa ideia de "dança macabra" já vem desde a idade média, quando logo depois da peste negra ter quase matado a população inteira da Europa, além das muitas guerras, o povo começou a ficar sismado com essa ideia de morrer, talvez foi aí que começaram a aparecer os primeiros sadboys do Mundo. E com essa ideia de morte, coisas do capeta e etc foram que fizeram surgir a Dança Macabra, que de dança não tem nada, além algumas pinturas de africanos esqueletos.

E foi a partir dessa "lenda" que a composição foi criada. Originalmente foi-se criada como uma obra cantada, mas depois arregou-se a ideia, e então a versão instrumental prevaleceu. A composição foi escrita em 1872, mas só em 1874 que ela ficou 100% pronta, isso porque teve aquele poeta que tentou transforma-la em cantada, mas não conseguiu...

Sobre[editar]

A composição dura algo em torno de sete minutos, então nem dá para ficar entediado e sair da música na metade, até porque Rap God tem seis minutos, então é algo aproximado. Além disso ela é bem agitada, o que dá ainda mais motivos para não escutar-la por inteiro, pois não se trata daquelas obras super monótonas. Contudo, todavia, porém ela é muito repetitiva, então terá uma chance altíssima que ela grude na sua cabeça, por conta disso é aconselhável escutar-la somente algumas vezes por ano, talvez umas duas...

Não só isso, porém ela utiliza alguns instrumentos inusitados, tal qual o xilofone, e isso significa que não é um pizzicato que fazem nos violinos, e sim xilofones, mas tenho quase certeza que você não tenha nem um pingo de ideia do que seja um pizzicato.

Cultura pop[editar]

Na cultura pop em geral, essa composição não é a mais famosa de todas, mas não deixa de ser até bem famosinha. Um fato curioso é que vários jogos já usaram essa composição como trilha sonora, principalmente os de terror, como Alone in the Dark, Hitman, que não é de terror, mas o protagonista se parece com o slenderman. Além desses também existem outros que já o usaram, na verdade tem uma chance bem grande que apenas mais dois jogos usaram essa composição como trilha sonora...