Deslistas:Bandas que nasceram, apareceram e morreram

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Deslistas.gif

Este artigo é parte do Deslistas, o sumário livre de conteúdo.

Índice

A[editar]

  • Akundum: O auge desta banda foi em 1900 e lá vai pedrada, quando apareceram em vários programas de televisão, inclusive no Faustão, através da música “Emaconhada”, chupada de uma música do Inner Circle. Mas depois, como a maioria das bandas ruins do Universo, Akumdum tomou no Akundum.

C[editar]

  • Carrapicho: A banda apareceu em tudo que é programas por causa da tosqueira "Bate forte o tambor, que eu quero tic tic tic tic tic tac". Até na Rússia a música foi plagiada. Depois, a balinha tic tac da banda acabou e levou consigo a fama. Como todo carrapicho, a banda ainda tentou resistir gravando outras músicas, mas não teve jeito. Morreu!

M[editar]

  • Malta: Essa banda apareceu com o "Diz Pra mim o que eu já sei" no primeiro The Voice Brasil, mas não deu alguns meses a banda já estava esquecida e vinham gravando outras músicas que ninguém escutou ou lembra.

O[editar]

  • O Espírito da Coisa: Uma das primeiras tentativas pré-Mamonas Assassinas de banda que faz música para contar piadas. Estouraram em todo o país nos anos 80 com o hit “Ligeiramente grávida”. Mas a banda acabou devido ao assassinato de seu vocalista — provavelmente obra de algum crítico de música.
  • O Surto: Este é um caso extremo. A banda O Surto gravou a música do "Pirou o Cabeção" e depois sumiu do mapa. A banda hoje é tão desconhecida que o autor desta lista teve uma ajuda do Google para lembrar o nome.
  • Os Ostras: Esta banda apenas nasceu. Depois morreu. Nem teve tempo de aparecer. Maior aposta da banda, a música "1, 2 ou 3 (punheta)" não emplacou. Como não tiveram chance de ficar famosos com alguma música, a queda no ostracismo foi menos dolorosa. Na verdade, o nome da banda não deixa dúvidas de que já foi criada para acabar. Nunca aparecem no Gugu.

P[editar]

  • P.O. Box: Uma música da banda ficou famosa no Brasil todo, mas ninguém nunca sabia o nome da banda. Por causa dessa musiquinha, a banda começava a tocar nas radiolas do Brasil. Esta musiquinha, "Papo de Jacaré", era cantada pelas gurias retardadas de todo o Brasil. Depois a música, como qualquer outra, perdeu o mojo. E a banda virou esterco.

R[editar]

  • Restart: Esta ainda não sumiu, infelizmente, mas este dia chegará! (Opa! Já chegou!)

S[editar]

  • Só No Sapatinho: Grupo FAIL de pagode do filho do Zico (se bem que todos grupos de pagode são FAIL). A banda só tinha uma música, "Só No Sapatinho". Como qualquer banda de pagode que se preze, Só No Sapatinho teve um fim merecido — o ostracismo.

V[editar]

  • Virguloides: Mesmo caso do P.O. Box. Com uma musiqueta despretensiosa, lograram grande êxito nas FMs e na boca da galera. Todos cantavam "Eu acho que o bagulho é de quem tá de pé" mas ninguém sabia a p%££@ do nome da banda. Então, a banda faleceu e levou consigo sua musiquinha.