Diana (League of Legends)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png A lua vai se erguer e a noite será eterna! Cquote2.png
Diana demonstrando ser uma fã de My Little Pony
Cquote1.png Eu já fui uma lunari também. Cquote2.png
Zoe sobre Diana
Cquote1.png A lua me traiu... Cquote2.png
Joelma sobre Diana
Cquote1.png Você traiu o movimento Solari, véio. Cquote2.png
Dado Dollabela sobre Diana
Cquote1.png Quem disse que vou matá-la? Só quero contar algumas coisas pra ela. Cquote2.png
Leona sobre Diana

Dianaros.png

Diana é uma lunática guerreira que venera a lua. É uma campeã de League Of Legends que atualmente anda esquecida pela Riot Games, já que eles só lançam alguma coisa para ela quando os jogadores começam a encher o saco da empresa. Diana é uma lutadora de dano mágico que por não possuir uma itemização adequada, age como mais uma assassina no jogo cujo papel é fazer seus inimigos desaparecer em um truque de mágica. Antes do 6, ela não faz muita coisa, depois do 6, ela põe terror nos atiradores de Summoner's Rift. Leona é a principal rival de Diana, porque a Leona representa o sol e Diana representa a lua, mas todo mundo sabe que na realidade rola algo a mais entre elas.

História[editar]

Diana nasceu órfã no Monte Targon, seus pais morreram de frio literalmente. Ela teve a sorte de ser encontrada por uns fanáticos pelo sol do Templo Solari. Eles a levaram até esse templo, mostraram ela para o sol oferecendo-a como oferenda, no entanto, a sortuda não foi aceita pelo sol como janta e então foi nomeada como Diana em homenagem à Mulher Maravilha, sendo que a ideia original era chamá-la de Dilma. Eles trataram de ensiná-la sobre o sol e tentaram de todas as maneiras torná-la mais uma fanática pelo sol como eles tentativas fracassadas. Ela também foi colocada para treinar com guerreiros fanáticos pelo sol chamados Ra-Horak para lutar pelo sol se fosse preciso, afinal eles eram bem capazes de se matar pelo sol.

Esses Solari veneravam o sol e queriam que Diana fizesse o mesmo. Ela ouviu muitas lendas sobre o sol, todas contando que o sol é o sentido da vida, que ele criou tudo, ele é o centro do universo e outros mitos sem fundamento que toda civilazação ignorante tem para explicar como surgiu tudo. Apesar de serem fascinados pelo sol, ironicamente, Astronomia não era estudada por eles, preferiam inventar historinhas sem nem cabeça do que estudar seu grande ídolo. Tentaram pôr a ideia em Diana de que a lua não prestava, tinha uma luz medíocre comparada ao sol, contudo, Diana por ser do contra não só gostava da lua e sua luz medíocre, mas também achava a luz lunar mais bonita que a do sol. Diana sabia que não poderia deixar ninguém saber de sua admiração pela lua ou seria linchada por todos os Solari. Sendo uma garota esperta, fingiu adorar o sol como os retardados (era assim que ela enxergava) ao seu redor.

Só que essa encenação não durou muito tempo. Diana já não conseguia segurar mais seu fanatismo pela lua e discutia com os anciãos sobre suas "verdades" sobre o sol. Numa dessas discussões, ela xingou um ancião que colocou ela de castigo. A garota rebelde teve que varrer uma biblioteca inteira. Durante seu castigo, ela encontrou um livro que falava sobre Lunari, que são nada mais, nada menos do que fanáticos pela lua, opostos aos Solari. Com sua nova descoberta, ela viu uma oportunidade de poder venerar a lua sem correr o risco de ser estrangulada pelos Solari. Ela leu o livro inteiro cogitando que nele estaria a localização desse povo, todavia ela estava enganada, o livro só contava lendas sobre a lua ser o centro do universo, ou seja, os Lunari eram tão burros quanto o povo Solari.

Ela frustrada por não saber onde esse povo vivia, resolveu sair para caminhar, até encontrar uma velha sem dente que se apoiava em um pedaço de pau e era manca. A velhota queria subir até a montanha que era sagrada para os Solari, a montanha que Diana sempre quis subir, porém era proibida. A velha chamou Diana para subir a montanha junto com ela, porque ela sozinha sendo manca não daria conta. Diana queria muito, só que os anciãos pregavam que só poderia subir quem fosse digno, e quem não fosse digno morreria na escalada. A velha além de banguela e manca também era caduca, porque disse que queria subir antes do sol nascer, uma coisa que Diana e todos os Solari acreditavam ser impossível.

Diana em uma de suas visões durante o efeito da droga

Diana querendo realizar seu sonho de subir essa montanha "sagrada", foi junto com a velha iniciar a escalada. Foi difícil, a coroa era um fardo enorme, uma cruz pesada que Diana teve que carregar até o topo. Quando ela chegou no topo desmaiou de tão cansada que estava de carregar aquela velha inútil. Quando acordou viu que lá era a Disneylândia de Monte Targon, havia uma orgia de cores nunca antes vista. Talvez a velha tenha drogado Diana durante seu tempo desmaiada, só que a velha já não estava mais ali, ela drogou e fugiu. A roupa da velha estava jogada em cima de Diana, a velha caduca fugiu pelada, realmente ela era uma doida.

Então aconteceu algo inédito, Diana sentiu uma energia fluir pelo seu corpo, era prazeroso, era isso que ela queria a vida inteira um orgasmo. Ela atordoada pelo efeito da droga, desceu meio zonza feito bêbada pela montanha até cair em um buraco. Nesse buraco havia um salão que em seu fim jazia uma armadura e uma espada em forma de lua que Diana adorou. Magicamente, ela vestiu essa armadura e empunhou a espada se tornando uma total fanática pela lua. Seus cabelos antes negros, agora eram brancos como de uma idosa.

Ela teve visões de vidas passadas, o efeito da droga ainda não havia acabado. Acreditando que essas visões eram "verdadeiras", foi até o Templo Solari para contar a viagem que tinha feito e as loucuras que viu. Obviamente ela não sabia o que drogas podiam fazer. Quando chegou lá, a própria Leona a recebeu e a levou para os anciãos para dizer o que queria. Os anciãos ficaram assustados com o que Diana contou. Xingaram ela com todos os piores palavrões que existiam, chamaram ela de herege por adorar a lua sendo do Templo Solari. Mandaram matar ela. Diana ficou puta da vida com a burrice dos Solari, testou seus novos poderes que havia ganho nos Solari e sobrou até para Leona. Ela matou todos os anciãos e derrubou Leona que se mostrou uma completa inútil na tarefa de proteger seus anciãos.

Vendo a cagada que fez, ela fugiu sabendo que ia ser caçada. Os Solari agora a odiavam e queriam a cabeça dela numa bandeja. Colocaram os Ra-Horak para caçar a Diana e uma recompensa para quem trouxesse a Diana viva ou morta, de preferência morta. Diana agora era uma fugitiva cujo objetivo era fazer os Solari e os Lunari (ela nem sabe se existe e onde estão) serem amiguinhos.

Habilidades[editar]

Tecla Habilidade Imagem Sobre
Passiva Espada de Prata Lunar
Pasdia.png
A cada três ataques que ela der, recupera mana e dá mais dano. Sempre que ela usar uma habilidade, vai ter mais velocidade de ataque pelos próximos três ataques. Duas passivas em uma só.
Q Golpe Crescente
Qdia.png
Lança um poderzinho em forma de meia lua, afinal sendo a lunática adoradora da lua como é, até seus poderzinho tem que ser em forma de lua. Se os inimigos não estiverem invisíveis são revelados, ou seja, só revela inimigos que Diana já enxerga.
W Cascata Lívida
Wdia.png
Ela invoca três esferas que flutuam ao redor dela causando dano ao atingirem um inimigo e ganha um escudo. Se ela detonar todas as esfera em um inimigo, o escudo dobra.
E Colapso Minguante
Edia.png
Passivamente essa habilidade faz você bater mais rápido. Quando ativar ela, Diana faz uma mandinga com seu poder da lua, fazendo brilhar em volta dela revelando inimigos e puxando todo mundo para pertinho dela.
R Zênite Lunar
Rdia.png
Ela avança muito rápido para cima de um inimigo querendo quebrar ele na porrada. Se você avançar num inimigo que tiver sido acertado por seu Q alguns segundos atrás, você poderá usar essa habilidade novamente.

Ver Também[editar]