Doutor Estranho (filme)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Doctor Strange
Doutor, eu não me Engano (BR)
Doutor Estranho (PT)
Um Doutor bem Estranho mesmo.jpg
Poster do filme
Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
2016 • Mutíssimo colorido • 2 horas
Direção Diretor de filmes de terror
Produção Marvel na Disney
Produção executiva Kevin Faig
Elenco Benedict Cumberbatch como inglês metido a besta
Chiwetel Ejiofor como negro
Benedict Wong como ele mesmo
Tilda Swinton como David Bowie
CGI como Dormammu
Gênero Drama


Cquote1.png Eu vim barganhar Cquote2.png
Dr. Estranho sobre como vencer um vilão sem dancinha

Doutor Estranho é uma grande animação gráfica (CGI) adaptada como "filme", sendo o 13º lançamento do UCM, introduzindo a este mundo - tão rico já povoado por guaxinins falantes, robôs assassinos, monstros verdes e ladrões que encolhem - agora também o drama da dependência química de drogas (ou "mundo místico" como gostam de dizer às crianças), e não à qualquer droga, mas sim a mais pesada que você pode imaginar (o vício incompreensível por animes). É assim que Doutor Estranho será apresentado às telas do cinema, um homem que era um cirurgião renomado de brilhante sucesso, que vai sucumbir ao vício por Naruto num caminho sem volta.

Produção[editar]

Após tantos filmes dos mais diversos gêneros, desde policial com Capitão América, comédia romântica com Homem-Formiga, space opera com Guardiões da Galáxia, assalto com Homem-Formiga, ou simplesmente lixos como Thor e Homem de Ferro 3, faltavam poucos novos gêneros a se explorar. Um filme de faroeste foi descartado porque criar um super-herói indígena iria contra as políticas de Hollywood. Um filme de ficção também foi descartado porque quem assiste filme de herói não possui QI o bastante para compreender algo tão complexo. Um filme terror também foi descartado porque esses filmes são todos pra crianças (ou jovens-adultos com mente infantilizada). Então o gênero inédito escolhido para um novo filme foi o drama. A ideia seria transmitir ao espectador todo o drama de uma pessoa que, outrora normal, começa a assistir animes (sobretudo Naruto) e entra num declínio moral e social que em determinado momento crítico se torna irreversível ao ponto da pessoa tornar-se um lolzeiro cosplayer que não há psicólogo que resgate mais.

Recepção[editar]

O filme do Doutor Estranho foi amplamente aceito como "um filme ok", cujo único êxito foi conseguir representar visualmente, de modo magistral, como é a cabeça de um narutard. O filme foi portanto feito 95% em animação gráfica para ser o mais fiel possível a uma cabeça retardada de um fã de anime, e esses efeitos visuais são sem dúvida o grande ponto do filme porque em termos de roteiro, atuação e todos esses negócios, aí é só mais um filme genérico de heroi.

Enredo[editar]

Briga de otakus[editar]

O filme começa com um grupo de otakus se imaginando no filme Inception do Leonardo DiCaprio, uma modinha do momento, e uma coisa que otakus amam é modinha, estão sempre seguindo uma. Na sua brincadeira de porradinha no meio da rua todos estão devidamente trajados como Changeman e fazer coreografias remetendo clássicos geek/otaku, como golpes de Hadouken, Shoriuken, Meteoro de Pégasos e muitos e muitos jutsus. Destacam-se nesse meio de loucos, ignorados solenemente pelos transeuntes é claro, um hermafrodita (a Anciã) e um cara malvado (Kaecilius) que estão se batendo pela posse de um mangá. A edição número 1 do original em japonês de Clannad e por isso a porradaria está franca entre os dois, porque aquilo ali vale uma pequena fortuna de satisfação pessoal (dinheiro mesmo jamais que essas porcarias valem de algo, tanto que todos os colecionáveis que esses narutards vão reunir ao longo do filme não vão usar nenhuma dessas quinquilharias para vender e fazer algum dinheiro). No fim, Kaecilius arranca as páginas que melhor o interessa, ou seja, as partes com ecchi, e foge com sucesso.

A queda de um cirurgião renomado[editar]

No auge de seu otakismo, Strange está irreconhecível após uma semana sem banhos apenas jogando LoL e maratonando animes..

Enquanto algumas pessoas competem a Corrida Naruto lá fora feito completos retardados sem pai nem mãe, num hospital um cirurgião está realizando o seu trabalho brilhante de operar pessoas brilhantemente. Um exemplo de dedicação, estudo, conhecimento, técnica e destreza, é o cirurgião Dr. Stephen Strange, que até então jamais assistiu 1 episódio de anime em toda sua vida e por isso conseguiu dedicar-se a ter uma carreira brilhante e galgar na sociedade por um posto de sucesso. Conhecemos o seu auge, onde conhecimento e técnica convergem e aquele homem se torna alguém altamente prestigiado. Um grande vitorioso!

Mas acontece o acidente. Enquanto dirige seu carro, Stephen Strange recebe um telefonema oferecendo-o a possibilidade de restaurar a coluna vertebral do War Machine que foi abatido pelo Visão no filme anterior. Strange obviamente nega o serviço alegando que ele é importante demais para operar um mero coadjuvante, e que só aceitaria operar protagonistas. Neste momento Strange decide ligar uma música em seu carro, um Chopã, porque é isso que pessoas requintadas escutam, mas não contava que havia sido trollado e seu MP3 adulterado, e o que escutou foi o Gemidão do Zap. Incrivelmente desconcertado e envergonhado, ele se distrai do volante e capota o carro, caindo com ele num abismo, afinal ele dirigia na Pedreira da Toei. Com o acidente ele fere as mãos permanentemente.

Ao acordar do coma alguns dias depois, descobre que por ter se acidentado na Pedreira da Toei, um local sagrado para os otakus, ele contraiu Mal de Parkinson e que portanto ele nunca mais vai poder bater uma punheta na vida. Uma notícia que arrasa qualquer homem, até mesmo um homem britânico que aparentemente é polido e educado, mas acredite que até os britânicos se masturbam, e uma notícias dessas o afetou profundamente. O mundo de Stephen Strange desabou e ele perdeu o propósito de vida. Não conseguia mais trabalhar. E o que as pessoas desesperadas fazem nesses momentos de crise? Sucumbem às drogas. E assim Strange começou a assistir animes. Primeiro coisa leve, um Cavaleiros do Zodíaco, mas logo já estava numa Sailor Moon, aí já começa a assistir um Chobits, e quando menos se espera já está no fundo do poço, jogando LoL o dia inteiro gastando o dinheiro dos pais em skins, assistindo Naruto sem parar e passando a ter Fandangos e Guaraná Dolly como dieta, porque Coca-Cola e Doritos já eram caros demais pro pai bancar, enquanto veste uma fralda geriátrica para não perder kill por ter ido ao banheiro. Em menos de uma semana ele estava um maltrapilho irreconhecível que mal foi reconhecido pela ex-assistente Christine Palmers, que aliás, foi expulsa do apartamento dele a pontapés, porque uma vez que se começa a jogar LoL como Strange começou, você automaticamente perde o interesse em mulheres reais de carne e osso. Strange estava no fundo do poço.

Aprendendo a ser um Estranho[editar]

Doutor Estranho e seus amigos na Corrida Naruto.

Strange chegou a um ponto crítico da otakice onde apenas passar os dias inteiros em casa assistindo porcarias já não era mais o bastante, ele decidiu ir para um evento de anime, mais especificamente para participar de um campeonatinho de cosplay, e para tal viaja ao Nepal após ouvir os conselhos de um renomado cosplayer chamado Pangborn, alegando que lá há pessoas que acreditam veementemente serem personagens de Naruto. Chegando no Nepal Strange conhece então a Anciã, um ser andrógeno que descobriu o segredo de fazer cosplays de todos os seres possíveis, do Mestre do Ar ao David Bowie ela já representou a todos. Além disso ainda revela à Strange os episódios secretos do Chaves e Chapolin, algo apelidado de "Projeção Astral", que abriu a mente de Strange para um mundo novo e agora irreversível. Ele havia se tornado um otaku de meia-idade, o ser mais desprezível da sociedade ocidental.

Uma vez acolhido por um templo nepalês repleto de otakus, Dr. Stephen Strange começa o seu treinamento. Assistiu todos os fillers de Naruto, passou a correr sempre com os braços esticados para trás. Passou a treinar como elevar seu cosmo ao infinito, despertar o sétimo sentido, decorou todos jutsus, treinou como arremessar Beyblades, descobriu como digivolver e até encomendou uma Varinha Sakura Card Captors no Mercado Livre. Um aluno exemplar que lia mangás todos os dias sem parar, inclusive os mangás secretos como Bastard!!. Um aluno prodígio que logo se destacara em relação aos demais.

Além desse treinamento todo, ainda descobre a existência do Olho de Agamotto, uma das Sete Esferas do Dragão às quais Thanos deseja tanto coletar. Strange, todavia, é alertado que aqueles artefatos são raros demais e devem ser guardados apenas para o dia que Goku morrer, para ressuscitá-lo. Nesse mesmo momento Dr. Strange descobre que a missão dele e de seus amigos otakus não é só ficar o dia inteiro brincando como estavam fazendo, mas sim a missão de proteger a Terra de ser dominada por grupos anti-otakus, que são os metaleiros do black metal melódico. Para se defender desses seres que odeiam animes de corpo e alma, os otakus criaram três "Sanctums", o Anime NYC em Nova York, o London Anime & Gaming Convention em Londres e o Ani-Com & Games Hong Kong.

Ataque aos Sanctum[editar]

Obviamente que o vilão principal aguardou o protagonista ter todo seu treinamento concluído antes de executar seu grande ataque. Kaecilius era um ex-otaku que nutria grande rancor por sua ex-mestra que o obrigou a assistir tantos animes merda por nada, e agora ele reuniu um grupo de black-metaleiros e está decidido a atacar e destruir todos os eventos de anime conhecidos, inclusive a Comic-Con de San Diego que não é necessariamente de anime mas odiada por Kaecilius mesmo assim. Ele então virou aprendiz de Dormammu, um grande vocalista de outra dimensão, mentor de Dee Snider, que menosprezava completamente aquela música lixo de anime que mais parecia ser cantada por cantoras com uma beterraba enfiada no cu. E Dormammu queria destruir a Terra.

Neste ataque de Kaecilius, Dr. Strange acaba encontrando uma cortina mágica, que o auxilia na batalha. Mas como otaku é tudo retardado ele acaba gravemente ferido e precisa ir pro hospital onde em forma de shinigami repassa todas as instruções para a sua antiga escrava auxiliar para ele fosse revivido. Ele não consegue, porém, salvar sua mestra Anciã, que morre.

Dormammu! Eu vim barganhar[editar]

Doutor Estranho enfrentando um CGI gigante.

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...

Kaecilius e sua gangue de rockeiros anti-otakus continuam atacando todos os eventos de anime ao redor do mundo, e agora dizimam a cidade de Hong Kong, matando a sangue frio vários cosplayers. Chegando lá para tentar salvar o mundo otaku. Dr. Strange e seu amigo negro descobrem que a Dimensão Negra (Black Dimension) é a responsável por arruinar os mundos, o que deixa Mordo furioso por achar aquilo um grande racismo. É então que surge Dormammu, um imenso CGI tão decepcionante quanto o Galactus-Nuvem, mas pelo menos colorido artificialmente com 274 cores diferentes, e ele está furioso, como qualquer anti-otaku sempre fica quando vê um Narutard tentando explicar que Naruto é bom porque nos traz lições de moral e amizade. Dormammu mata esse narutard sem nem pestanejar, assassinando Dr. Strange. Mas...


CHEEEEEEEEEGA!! Desesperado, Dormammu decide escutar o que Dr. Strange tem a dizer, e promete que vai deixar o filme acabar, porque a essa altura já está com uma puta vontade de fazer xixi e não aguenta mais matar aquele otaku. Ele vai embora e só não se sentiu mais humilhado assim porque 1 ano antes outro vilão genérico já havia sido derrotado de modo ainda mais ridículo, com uma dancinha. Dr. Strange então faz um cosplay de Auron de Final Fantasy X e passa a morar numa mansão em Nova York.

Cena pós-créditos[editar]

No final percebemos que Strange abriu um pub no centro de Nova York, onde Thor foi um de seus clientes.

Personagens[editar]

  • Dr. Stephen Strange / Doutor Estranho (Sherlock Holmes Benedict Cumberbatch) - Ex brilhante cirurgião, um renomado doutor dotado de grande conhecimento médico e habilidades precisas com as mãos, acompanhamos a decadência de sua vida ao tornar-se narutard e começar a se fantasiar e saltitar por aí feito um louco varrido. De habitante da alta classe, reduz-se ao chorume da sociedade ao sair por aí fazendo jutsus e outras palhaçadas imbecis.
  • Karl Mordo (Chiwetel Ejiofor) - Amigo de Strange. Embora seja narutard, ele é mais contido e durante o filme percebemos como vai crescendo nele uma vergonha alheia que o vai deixando gradativamente mais e mais revoltado com os seus amigos otakus. Alvo de injúria racial no final do filme, quando dizem que a Dimensão Negra é a origem de todos os males, ele se revolta completamente e deixa de ser otaku no final.
  • Wong (Wong) - Chinês genérico que deveria estar cuidando de uma biblioteca cheia de mangás raros, mas está distraído demais escutando Beyoncé.
  • Kaecilius (Mads Mikkelsen) - Seus olhos estão queimados como um grave efeito colateral de quando ele maratonou todos fillers de Naruto em apenas um fim-de-semana, algo que lhe causou olheiras irreversíveis e fritou suas córneas. Revoltado, agora ele é um anti-otaku e sonha destruir todos os eventos de anime do mundo e para isso se alia aos integrante do Twisted Sister, declarados odiadores de animes.
  • Anciã (David Bowie, sob o pseudônimo Tilda Swinton) - Transexual andrógeno de orientação pansexual responsável por ensinar Dr. Strange todas as loucuras que ele usará no filme. É fã de drogas e está sempre bebendo um chá alucinógeno. No final descobrimos que ela tem AIDS e por isso tem esse corpo cadavérico e está morrendo lentamente.
  • Dormammu (CGI gigante) - Entidade extradimensional que além de ser um CGI gigante multicolorido domina a habilidade de falar inglês fluentemente mesmo pertencendo a um mundo onde sequer o tempo existe, o que dirá linguística. Quer destruir todos os otakus do mundo, e para simplificar esse trabalho, decidiu querer destruir o mundo todo. Mais ou menos porque sim.