Elio de Angelis

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Robert Kubica de Angelis

Dark-Art-Grim Reaper 01DesktopNexus.jpg

Elio de Angelis já morreu!

E deixou um monte de dívidas pra família pagar!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno


Elio de Angelis foi um piloto de Fórmula 1 italiano, e o primeiro italiano a jurar que nunca correria na Ferrari.

Ele correu pelas equipes Shadow, Lotus e Brabham, sua última equipe antes de bater as botas definitivamenbte.

Morte[editar]

Em 1986, correndo pela Brabham, uma equipe que estava caiiiiindo, estava como substituto de Nelson Piquet. Estava num Skate da Brabham correndo (já que o Senna ganhava com um monocíclo sem roda) na pista em testes, quando a asa do carro caiu, fazendo com que o carro perdesse o controle da velocidade e andasse a 584 km/h, levantasse voo, chegasse em 1º para largar, acertado 3 aviões da Air France, explodido em pleno céu, dando 86 voltas em torno do sol em 31 minutos, caísse de volta na pista, capotando 69 vezes por trás, dando ré e voltando a fazer todas as coisas feitas agora na velocidade de 899 km/h, batendo num tanque de gasolina, capotando, explodindo de novo e pegando fogo. O impacto não fez com que ele morresse, mas, como os bombeiros da França estavam em greve, demoraram 30 minutos para serem convencidos a salvar Elio de Angelis, e a insuficiência nasal, provocada quando ele estava em um caminhão da Petrobras pegando fogo, fez com que ele parasse de respirar, matando-o sufocado, mas sem nenhum arranhão.

Talento musical[editar]

De Angelis era famoso por ser um pianista de nível profissional, tendo aulas com Elton John e Ray Charles, chegando a tocar ele enquanto uma greve entre os pilotos acontecia na África do Sul em 1982, tocando Führer Elise ao contrário na velocidade 86, de costas em um piano da CAZZO.

v d e h
Pilotos da Fórmula 1