Enrico Maxwell

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Mafiapre.jpg PORCA PUTTANA!!

Questo articolo è 100% made in Italia ed è sotto il controllo di Cosa Nostra! Perciò sta' bene attento a dove metti le tue manacce zozze o i nostri amici verranno a casa tua per spezzarti le gambine!


Enrico Maxwell
Cquote1.pngPorcos protestantesCquote2.png
Enrico Maxwell2.jpg
Morra Hellsing
Informações inúteis
Nome Completo Enrico Maxwell
Nacionalidade Italiano
Família Alexander Anderson (Pai adotivo), Heinkel e Yumiko (Colegas de orfanato)
Afiliações XIII Divisão Iscariotes
Parceiros Baioneta Anderson
Técnicas Mandar na divisão
Pessoas mortas por ele Todas as que ele mandou.


Cquote1.png Você quis dizer: Darth Bento XVI Cquote2.png
Google sobre Enrico Maxwell
Cquote1.png Experimente também: Padre Quevedo Cquote2.png
Sugestão do Google para Enrico Maxwell
Cquote1.png Garoto problemático. Cquote2.png
Alexander Anderson sobre Enrico Maxwell.
Cquote1.png Chefinho. Cquote2.png
Yumiko Takagi sobre seu chefe o Bispo Enrico Maxwell.
Cquote1.png Porco católico... Cquote2.png
Integra Hellsing sobre Enrico Maxwell.
Cquote1.png MWAHAHAHAHAHA! Cquote2.png
Enrico Maxwell sobre protestantes.
Cquote1.png Cê traiu o movimento católico véio Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Bispo Enrico Maxwell
Cquote1.png ARCEBISPO!!!! ARCEBISPOOOOOOOO!!! Cquote2.png
Enrico Maxwell sobre os comentários acima

Enrico Maxwell ou o Bispo Enrico Maxwell, mais tarde Quase Cardeal Enrico Maxwell é um personagem fictício do surreal mangá/anime de mensagens sociopatas Hellsing.

Infância[editar]

Enrico e sua turminha do barulho.

O pequeno Enrico nasceu na bela região da Sicília, ao sul da bota, filho de um cozinheiro especializado em panquecas e de uma "mama" que adorava preparar aquela macarronada. A vida do garoto tinha tudo para ser tranquila e feliz, pais que o amavam, comida da melhor possível, mas não o foi assim o destino do garoto. Logo aos quatro anos de vida seu pai acabou se envolvendo com a máfia italiana, inicialmente foi bom para a família, mas depois tudo desandou, numa operação do BOPE o pai do moleque foi pego para interrogatório e nunca mais voltou, para garantir que não seriam dedurados a máfia decidiu abotoar o paletó de madeira da mãe do garoto, restando ao pequeno Enrico a mais pura e simples solidão.

O garoto acabou indo parar no orfanato para crianças de problemas psicológicos do Titio Alex onde conheceu duas amigas mentalmente muito saudáveis, a extremamente feminina Heinkelzinha e a meiga e equilibrada Yumiko. Com essas novas amizades o garoto estava pronto para se meter nas mais loucas aventuras num clima de muita curtição.

Com essas companhias não podia sair nada diferente do que aconteceu o moleque cresceu e foi se tornando cada vez mais egomaníaco e desenvolvendo complexos destrutivos contra os não-católicos.

Vocação[editar]

Enrico, um bispo precoce.

Seguindo os passos de seu tutor nrico também se ordenou sacerdote e ninguém sabe como logo foi promovido a bispo, como um recém ordenado é promovido assim tão rapidamente? Nomeado bispo ele logo foi posto na direção da mais detestada das seções do Vaticano, a XIII Divisão Iscariotes, a parte responsável por continuar o trabalho da Inquisição Espanhola.

Seu mais novo trabalho envolvia a caça às mais desprezíveis criaturas da face da terra, isso incluí diversas coisas como:

E muitos outros seres desprezíveis como sua mãe.

Uma pessoa equilibrada.

E o garoto sentia-se bem com esse trabalho, sentia-se como um super-herói, combatendo o mal nas suas piores formas, leia seguidores da Igreja Universal.

A única coisa que o deixava desgostoso era a sua concorrente protestante, a Organização Hellsing, o espinho na sua garganta.

Participação efetiva na história[editar]

A participação de Maxwell na história de Hellsing resume-se a chamar a Integra de porca protestante e fazer maquinações para que a sua organização secreta mundialmente conhecida tomasse as rédeas sobre a situação dos freaks ingleses.

Os três chefões, na ordem: Integra Hellsing, Montana Max e o Enrico Maxwell.

Maxwell aparece algumas poucas vezes no decorrer da história sendo as mais significantes menos insignificantes as partes em que ele chama a Integra para um almoço e depois um passeio no museu, pena que ela não joga nesse lado. Ele também aparece quando o furry do Schrödinger chega com a televisãozinha dele para passar a mensagem do Major para o pessoal da távola Redonda.

Cquote1.png Ninguém me avisou nada. Cquote2.png
Rei Arthur sobre mensagem para a távola redonda.

A melhor participação dele é quando ele tem um ataque egomaníaco e é mandado para o além pelo Baioneta que não o via mais como um servo do Altíssimo e, sim, como um cara psicótico, ególatra e com uma sede de poder maior que o número de foras que Anônimo já levou. Sua aparição na guerra do oitavo episódio num Papamóvel içado por helicóptero foi a gota dágua para os Iscariotes.

Agravantes[editar]

Abaixo, confira uma gravação feita pelo sistema de segurança papal do Vaticano, ripada pela Hellsing. Acredita-se que a decisão de fulminar Maxwell não partiu só de Anderson

Cquote1.png Quem levou meu Papamóvel? Cquote2.png
Bento XVI ao entrar no estacionamento do Vaticano.
Cquote1.png Foi o Maxwell!!! Eu ví!!! Cquote2.png
Coroinha Puxa-saco dedurando Maxwell
Cquote1.png FDP!!! Me liguem com Anderson Agora!!! Cquote2.png

Só na mente dos fãs...

Fatos[editar]

  • Enrico, no mangá é loiro e tem olhos verdes.
  • Já nos OVA's o cabelo é prateado e os olhos violeta (WTF?)
  • Enrico foi criado pelo Anderson, mas o trata como um empregado.
  • Enrico e a Integra formam um dos pares mais bizarros da história das Fanfics.
  • Ele foi ordenado Bispo com uns 30 anos, ele é precoce.

Ver também[editar]