Exército Brasileiro

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
MulekeAK47.jpg Atenção, cabo:

Este artigo é militar e possui muita garra para passar pelas adversidades do inimigo! Melhore-o capinando seu mato, mas se vandalizar, você vai pagar 50 flexões!

Cquote1.png Pede pra sair porque você é fraco!!! Cquote2.png
Capitão Nascimento sobre Soldado
Cquote1.png Não preocupa que você reengaja. Você é meu peixe Cquote2.png
Comandante da Companhia sobre Soldado
Cquote1.png É uma vida cheia de aventuras! Venha você para o Exército! Cquote2.png
Alistador sobre Voluntário
Cquote1.png Tá péssimo! Arrêgo! Arrêgo, conscrito! Paga dez!!! Cquote2.png
Comandante de Pelotão sobre Soldado
Cquote1.png Cai logo com dez seu fraco! Cquote2.png
Comandante de pelotão mandando Você pagar para ele
Cquote1.png Eu quero entrar no Exército para ficar rico como você. Cquote2.png
Recruta sobre Soldado
Cquote1.png Só quem tem medo de navio que vai para o Exército Cquote2.png
Marinheiro sobre Exército
Cquote1.png Só quem tem medo de avião que vai para o Exército Cquote2.png
Piloto sobre Exército

Introdução

O Exército Brasileiro um dos 3 órgãos das forças armadas (marinha, exército e aeronáutica) que tem como missão dormir na cuidar da fronteira que o Brasil faz com os nossos odiados amados e cordiais vizinhos sul-americanos. Ele é constituído por 190000 coçadores de saco militares que reclamam do salário, apesar de receberem muito mais que a média nacional (excetuando os mão-de-obra escrava soldados claro).

Procedimento de relaxamento que o soldado brasileiro é submetido

No interior dos quartéis os militares são responsáveis por uma organização própria, gerando um monte de documentos para eles mesmos que não nunca servirão para nada além de amontoar um monte de arquivo. Os combatentes antes de incorporar nas fileiras do nosso odiados amado exército passam por um período de lavagem cerebral, onde passam horas e horas diante um televisor 14" do século passado (pois o exécito não tem recurso para comprar um novo) assistindo vídeos operacionais (assim eles dizem) que faz com que o conscrito imagine que um dia ele possa realizar tais operações também, coisa que nunca vai acontecer pois após entrarem no exército passam por um rigoroso processo de treinamento, onde aprendem a cortar grama, lavar banheiro, capinar entre outras atividades do gênero. Antigamente muitos se alistavam no exército brasileiro com o intuito de comer de graça, fato que não ocorre mais, pois os quartéis têm meio expediente para não ter que dar almoço e jantar aos militares. Para se entrar no E.B. é necessário primeiro passar pela apresentação às Forças Armadas, um processo traumático para muitos recrutas.

História do Exército Brasileiro

Antes de o Brasil ser descoberto pelos portuga, ele já possuía um exército. Tudo começou no ano 64 AC(Antes de Chuck Norris). Um grupo de 12 africanos atravessaram a nado o oceano e vieram parar bem aqui. Desenvolveram diversas atividades: comer, dormir, dançar a dança da chuva, e é claro fuder reproduzir. Logo os 12 viraram 12 milhões no ano de 1500. Eles já se organizavam em várias comunidades e cada uma tinha seu exército. Com a chegada dos portuga em 1500, tivemos nossa primeira derrota histórica!!! Os indígenas foram reduzidos para 2 milhões em menos de 10 anos. Abaixo outras batalhas históricas:

Batalha de Guararapes - 1640 - Os holandeses estavam ocupando o Brasil para a produção de pinga. O comércio de pinga na época tava em alta, valia mais que ouro. Mas os únicos que podiam plantar aqui eram os portuga. Essa batalha é considerada o "início" do ridículo glorioso exército que conhecemos hoje, pois juntou o que tinha de pior das três raças - portugueses, negros e índios. Por mais incrível que pareça, o exército holandês era pior que os três juntos! Foram expulsos, mas levaram com eles modernas (pra época) técnicas de cultivo, e produziam pinga da melhor qualidade nas Ilhas Cayman. Por causa disso tivemos também nossa primeira crise, pois a pinga brasileira faliu. Isso que dá ser administrado por burros e antas portugueses. Espera aí... o Exército Brasileiro nem existia nessa época!!!

Índio se preparando para a Batalha de Guararapes

Guerra de Independência - 1822 - Agora sim !!! A verdadeira origem do Exército Brasileiro. O país na época estava numa epidemia de burrice. Se transmitia burrice pelo ar, isso tudo graças ao portugueses. O maior transmissor era o medrosão Rei de Portugal, que decidiu passar umas férias de 10 anos aqui na colônia. Dizem as más línguas que o Rei dos Portuga na verdade estava fugindo de Napoleão, isso porque ele desrespeitou o Boquete Continental. Aqui ele teve um filho viado, o príncipe regente Dom Pedro. Brasileiro como era, se achava muito malandro e queria o Brasil só pra ele. Se rebelou, se aproveitou que o povo tava puto com a burrice portuguesa e usou o Exército Brasileiro contra o Exército Português. A guerra estava ganha. Dom Pedro pra comemorar liberou o cu pra todo o exército e deu o famoso gritinho do Ipiranga.

Guerra da Cisplatina - 1825 - Os portugueses remanescentes da guerra da independência, se rebelaram e foram para onde Judas perdeu as botas a área da cisplatina. O exército perdeu a guerra pois ainda estava sobre efeitos da epidemia da burrice.

Guerra do Paraguai - 1864 - Na época Paraguai era o menos miserável mais desenvolvido da América do Sul. Isso porque as muambas não tinham os preços de hoje. Isso incomodava mais ainda os gaúchos, pois os vibradores eram comprados a preços exorbitantes, então eles tinham que comprar os vibradores pequenos que mal entravam na metade do cu. Dom Pedro I rapidamente com sua lábia de brasileiro malandro se uniu ao Uruguai e a Argentina. 80% dos homens paraguaios morreram. Dizem as más línguas que foram torturados por gaúchos sadomasoquistas. Até hoje Paraguai vende vibradores aos gaúchos a preço de banana (barbaridade, olha o trocadilho, tchê).

Força Expedicionária Brasileira (FEB) - 1944 - Foi a patética gloriosa participação do nosso odiado amado exército na segunda guerra mundial. Por pressão dos EUA na luta contra os Emos liderados por Hitler, o Brasil treinou às pressas alguns militares e mandou para uma das sedes mundiais dos Emos na época, Itália. A comitiva era ridícula e patética. Usavam equipamentos (quando usavam) arcaicos e armamento dos homens das cavernas. Logo foram mandados pelos EUA para um ponto nada estratégico, para que morressem da mesma forma que um pião de xadrez. Os Emos mandaram também seu pião (12 soldados) para combater a FEB. O exército brasileiro derrotou milagrosamente e foram recebidos como heróis aqui no Brasil. Com certeza comeram muita gente.

O Exército no Haiti - 2004 - Fingindo estar ajudando, pois na verdade queriam uma vaga na ONU, o Brasil integra uma força de paz. O resultado já era de se esperar, um grupo de amadores que não vê guerra a tempos que fica o dia todo cortando grama só podia dar no que deu, não mudou em nada o Haiti estourou com os gastos públicos queimou o filme na ONU.

Armamentos

Fuzil 7,62 mm - Uma arma muito boa na sua categoria, mas depois de ser montada e desmontada um milhão de vezes pelos recrutas nos quartéis, falha constantemente na hora do tiro. Para um renda curta, mais conhecido como recruta, é feito apenas uma vez na vida o estande de tiro. Onde o referido atira com o FAL apenas uma vez na vida. Se disparar um tiro por capricho em algum dia de serviço, ele vai para o P8 (Prisão), tem sua reputação arrasada e é como sempre, chamado se Bizonho.

Fuzil 5,56 mm - Uma arma que, embora menor, consegue ser mais pesada que o 7,62.

Pistola IMBEL 9mm - Arma de empunhadura ruim, nunca vi um milico falar bem.

Faca de trincheita - Bastante utilizada como enfeite de milicos em formaturas, fora isso não serve pra nada.

CC (carro de combate - tanque é onde a tua mãe lava roupa)M41 - Blindado bastante utilzado pelos exércitos da II Guerra Mundial e atualmente pelo Brasileiro!

CC M60 A3TTS - Outro trambolho descartado pelos seus criadores (EUA). Alta capacidade de destruir as estradas por onde passa.

CC Leopard 1A1 - Versão obsoleta dos carros europeus. É o grande tesão do pessoal da cavalaria! O Exército está comprando a versão 1A5, um pouco menos obsoleto.

M113 - Outro trambolho que tem a finalidade de transportar recrutas.

M108 - Material de artilharia fabricado em 1970, de alcance ridículo. Os artilheiros têm vergonha de admitir que ele existe. Pouquíssimos ainda atiram.

M109 - Outro material de artilharia com alcance ridículo. Parece que foi comprado em algum saldão ou brechó internacional.

105 M1A1 - Material muito utilizado na II Guerra. Parece incrível, mas é a única arma confiável da artilharia!

Light Gun - Outro material de artilharia, esse é inglês, seu tiro é extremamente caro, e o Brasil não tem condições de fabricar. Como é que conseguiram comprar isso????

Organização

  • Soldado - Basicamente os pé rapado do exército, apesar de que se não for eles não haveria exército, pois fazem tudo e no final o sargento ou tenente que ganham o mérito. São os que ficam lá no cu de toda a organização, são mal pagos, analfabetos, ralam que nem cães e por incrível que pareça há os que gostam do que faz.
Típico soldado em mais um árduo e estressante dia de trabalho. Esse daí é o famoso Recruta Zero.
  • Cabo - Os soldados que fazem uma quarta série forte conseguem ser promovidos a Cabo. São conhecidos como soldados melhorados. Começam a ganhar um pouquinho mais. O que estraga o Exército é o Cabo: Não cumpre por que não é soldado, e não ordena por que não é Sargento.
  • Sargento - Se você conseguiu fazer uma 6ª série forte, pode passar no concurso para sargento, a prova requer do candidato alto teor de conhecimento. veja uma das questões da prova. 1) Quem descobriu o Brasil?

Pedro Alvarés Ca.. a)bral b)brel c)bril d)brol e)N.D.A Após o término da formação, torna-se uma classe que merece um destaque entre as demais, pois se trata de um caso muito curioso. Os sargentos formam um grupo bem peculiar, quando reunidos e distantes de oficiais, após alguns minutos falando de mulher, porque sargento se acha comedor, começa sempre o papo de “meter o pé” do exército, pois a força é isso, é aquilo... difamam o exército de todas as formas , esses assuntos surgem na maioria das vezes no refeitório “rancho” ou em qualquer momento em que eles se trombam pelo quartel, coisa que é muito fácil de acontecer pois sargento vive andando de um lado para o outro com uma prancheta cheia de papel em branco e uma caneta na mão para simular trabalho, na sua grande maioria os sargentos de carreira, aqueles que entram concursados, são os que mais reclamam e também os que menos fazem algo para sair , na medida em que 10 oficiais saem da exercito uns dois sargentos fazem o mesmo. Outra curiosidade é que sargento é tudo ruim das pernas em relação a dinheiro , na sua grande maioria são promovidos a subtenente, momento em que jogam a toalha e desistem de sair do exército assumindo a própria incompetência.

  • Subtenente - Os sargentos após muuuuuuiiiiitos anos de serviço, e após muuuuuuuuuuuitas lambeções de saco dos oficiais, são promovidos a subtenentes. Conhecidos carinhosamente por sub, são coroas tarados frustrados profissionalmente e se arrependem por não terem estudado mais quando eram soldados.
  • Tenente - Aqui começa a posto dos oficiais. É um posto facilmente atingido para os que tiveram uma 7ª série forte. Há basicamente dois tipos: os de carreira e os temporários (ficam até 7 anos e depois pé na bunda). Ambos são mal formados. O cúmulo é que o exército forma os tenentes temporários num período de 1 ano em regime de meio expediente (de 8 da manhã as 13 horas), enquanto os sargentos de carreira são formados num período de internato durante 4 anos. Conclusão: Incopetente no comando. 99% do efetivo de militares são a favor de acabar com os tenentes temporários, a fim de diminuir o grau de imcopetência e mocoronguice do exército. Incrivelmente os tenentes de carreira, mesmo após formados num período de 5 anos de duração, não se diferem muito dos temporários, mostrando também muita imcompetência e bizonhice. Os tenentes em geral morrem de medo dos capitães mas tentam dar umas de fodásticos com os sargentos e soldados.
  • Capitão - São militares que sempre são os últimos a saber o que está acontecende em sua Cia ou seção e não sabem os procedimentos a fazer. Quando fazem algo de errado, colocam a culpa logo no mais moderno. Também são os militares que são especialistas em tomar processo de soldados que foram alvos de algum castigo físico ato contra a sua integridade moral ou física. Os capitães morrem de medo disso, e imploram para os tenentes e os sargentos pegarem leve com os soldados, mas na primeira oportunidade os tenentes e os sargentos botam pra fuder com eles.
  • Major - São os reis da faxina do quartel, pra mostrar pro comandante como ele pode mandar também, sem contar com o foda-se que eles fazem no serviço ou no PDA. Após o capitão esperar 300 anos por causa dos processos tomados (que congelam a carreira), eles são promovidos a Major. geralmente após a promoção eles tendem a querer ser caxias e não querem aliviar mais pra ninguém incusuve pro capitão amigo dele a um dia atrás antes da promoção, sem contar que esse mesmo capitão não pode mais chama-lo pelo nome (como era antes da promoção) sem colocar o nome de major anteriormente. São um belo exemplo de gasto público inútil.
  • Tenente-coronel - Há ainda um ser infeliz chamado Tenente Coronel... esse sim se fode... devido à abreviação do posto (TC), são conhecidos como "Teu Cú". Também tem a missão de comandar ou subcomandar alguns quartéis, daí são exigidos esse alto grau de escolaridade. Levam esporro dos coronéis e generais, tentam fuder os majores (que comem a mulher dos TCs) e ganham a mesma porra que os majores.
  • Coronel - Quando o militar fez a ensino fundamental com sucesso, ele é promovido a Coronel. Os coronéis são responsáveis por fazer porra nenhuma comandar ou subcomandar alguns quartéis, daí são exigidos esse alto grau de escolaridade. São em sua maioria puxa-saco de general.
  • General - A maior satisfação do militar é chegar a esse posto. O coronel depois de lamber muitos sacos de generais, eles se tornam um general. Eles trabalham (e ganham) o dobro de um coronel (dobro de zero é zero).
Sniper "padrão" brasileiro e sua visão de 360º

Palavreado Militar

O militarismo é marcado por ter um costume idiota palavreado próprio. Entre eles:

  • Bizonho - Poucos sabem, mas esse termo é erradamente usado para chamar outro militar de burro. Na verdade o militar bizonho é o que é inexperiente. Seja qual for usado, todo o exército brasileiro é bizonho, pois por um lado não possuem experiência de guerra (o exército brasileiro levou ferro na sua minúscula e risível participação na Segunda Guerra Mundial), e por outro o exército brasileiro é todo burro.
  • Arrego - Termo usado por um militar bizonho quando vê um mais bizonho ainda cometer um ato de burrice. Ex.: Quando um tenente vê um soldado que após 5 anos de serviço ainda não aprendeu o básico: marchar, ele diz - Arrêgo soldado!!!
  • Mocorongo - É o bizonho experiente mas que continua sendo muito burro.
  • Padrão - É dito padrão quando uma coisa é muito bem feita ou bonita. Quando o mão-de-obra escrava soldado bate uma punheta na guarita é porque ele viu passar na rua uma mulher padrão. Quando mandam o mão-de-obra barata soldado aparar o campo de futebol do quartel para o coronel jogar futebol ele tem que fazer o serviço no padrão. O militar padrão possui um corpo físico invejável, é bom atirador, estrategista e líder nato, controla formidavelmente suas emoções, além de possuir uma excepcional inteligência, logo esse militar deve ser americano (como Rambo), pois brasileiro nunca será.
  • Cagar o Pau - Quando um militar erra feio é o que chamamos de cagar o pau. Nada a ver com seu entendimento no literal, que lembra um emo viado cagando no pau de outro emo viado. Ex.: Quando um mão de obra desvalorizada soldado chega atrasado ao expediente do quartel, ele cagou o pau.
  • Brasil - É dito quando o militar, geralmente um infante, concorda, discorda, tá em dúvida, responde algo, afirma, nega, tem algo a dizer, tem nada a dizer, cumprimenta, descumprimenta, elogia, xinga, etc... Brasil é falado pra qualquer coisa.
  • Torar - Significa dormir, exercício bastante praticado pelos militares.
  • Papirar - Significa estudar, exercício bastante repudiado pelos militares.
  • Exemplo de dois militares conversando:

Militar 1 - Os recrutas quando chegam são bizonhões e cagam o pau direto.

Militar 2 - Brasil.

Militar 1 - E esses mocorongos só vão ficar padrão daqui a uns dois anos.

Militar 2 - Brasil.

Militar 1 - Mas até lá vão cagar muito o pau. Arrêgo pra eles!!

Militar 2 - Brasil.

Por que escolher o exército e não a marinha ou a aeronáutica?

A marinha só tem viado.

A aeronáutica só tem nerd.

O exército só tem homem, mas pode ter travesti também.

No exército pra ir pra reserva remunerada basta dizer que é gay e dar piti.

No exército você aprende muito mal a atirar.

A marinha só tem bichona.

O exército possui quartel até no Acre.

A aeronáutica só tem nerd.

No exército você invade favela, vai para o Haiti, faz Comandos, guerra na selva, coisa de macho.

Na marinha só tem gays.

No exército, quando a carcaça não aguenta, a moral sustenta.

No exército quem é gay fica famoso.

Já disse que na aeronáutica só tem nerd????

O soldado mais famoso é o Rambo

O piloto mais famoso é o Tom Cruise (ui!)

O marinheiro mais famoso eu não sei, mas deve ser bicha!


Obs: O marinheiro mais famoso é o Johnny Deep (por causa do Capitão Jack Sparrow ... se bem que o Jack Sparrow é meio afetado)

Frases corriqueiras do exército

  • Cquote1.png Some daqui, soldado! Paga dez! Cquote2.png
  • Cquote1.png Arrego soldado! Paga dez! Cquote2.png
  • Cquote1.png Que é isso, eu não faria isso com você, meu peixe! Agora paga dez! Cquote2.png
  • Cquote1.png Seu bizonho! Já deixe dez aí! Cquote2.png
  • Cquote1.png A paz queremos com fervor, a guerra só nos causa dor, porém se a pátria amada for um dia ultrajada lutaremos sem temor! Cquote2.png
    Canção do Exército Brasileiro, bonita na teoria, mas eu só queria ver na prática...
  • Cquote1.png IN-COM-PE-TEN-TE!!! Cquote2.png
  • Cquote1.png IN-COM-PÊN-TÊN-TÃO!!! Cquote2.png
    Versão mais entusiasmada da frase mais acima
  • Cquote1.png Vocês sabem que na guarita não se pode fumar, cantar, comer, beber, descansar, respirar, olhar, pensar, escutar, ouvir e nem falar. Se na minha ronda eu pegar alguém fazendo isso, é xadrez! Cquote2.png
  • Cquote1.png Droga, tô de serviço amanhã... Ô escala dos inferno! Cquote2.png
    Soldado após descobrir que está de serviço no sábado
  • Cquote1.png Vou meter o pé dessa porra!!! Cquote2.png
  • Cquote1.png Tudo pelo soldo! Cquote2.png
  • Cquote1.png É sim senhor, não senhor e quero ir embora! Cquote2.png
  • Cquote1.png Agasalha o pirocão! Cquote2.png
  • Cquote1.png Cacete, eu tô arranchado! Cquote2.png
  • Cquote1.png FOOOooôôOOOdááâããã-se! Cquote2.png
  • Cquote1.png Carioca maldito! Cquote2.png
  • Cquote1.png Gaúcho maldito! Cquote2.png
  • Cquote1.png Sargento filho da puta! Cquote2.png
  • Cquote1.png Soldado, você é a Carla Perez com a bunda na janela: todo mundo vai querer enfiar o dedo no teu rabo! Cquote2.png
  • Cquote1.png Primeira Parte - Serviços Diários, Escala de serviço para sábado domingo e segunda Cquote2.png
  • Cquote1.png Quarta Parte - justiça e Disciplina... Cquote2.png
  • Cquote1.png Lá na Marinha só tem viado... hahahaha Cquote2.png (frase dita em raros momentos de lazer)

Nomes de Guerra Estranhos

  • Ten Tenente
  • Sd Da Hora
  • Maj Goblin
  • Sd Caboclo
  • Al Immaginario
  • Ten Zão
  • Gen Guerreiro
  • Sd Pinto
  • Cel Zambão
  • Sd Lima Pinto
  • Gen Brochado
  • Cb Lixão
  • Gen Conforto
  • Gen Retumba
  • Ten Cabo
  • Asp Negão
  • Al Médio
  • Sd Jesus
  • Sd Patriota
  • Sd Brasil
  • Sd Da Paz
  • Sgt Faminto
  • Al Durão
  • Sd Tarifa
  • Sd Grilo
  • Al Rego Barros
  • Cap Caverna
  • Sd Amores
  • Cap Pestana
O Exército Brasileiro sempre é obrigado a improvisa, não importa o que irá acontecer.
  • Cb Amizade
  • Sd Popowsky
  • Ten Pinke
  • Cb Carioca
  • Sd Bingulim
  • Ten Vulcão
  • Cap Caceta
  • Gen Cocedeira
  • Sgt Coronel
  • Tc Marika
  • Sd Madona
  • Sd Peixe
  • Sd Hilário
  • Sd Parada
  • Ten Viola
  • TC Salgado
  • ST Boa Morte
  • Sd Feliz
  • Asp Bizarro
  • Sd Cadete
  • Cb de Guerra
  • Cap Rostirolla
  • Ten Botelho Pinto
  • Sgt Chaves
  • Sd Laranjeira
  • Sd Puff
  • Sd Jardim
  • Sd Barroso
  • Sd De Paula
  • Sd Pirete
  • Sgt Alcione
  • Sgt Noé
  • Cel Oriente
  • Sgt Marcelo Pinto
  • Maj Kiryu
  • Cap Azambuja
  • TC Lacõrte
  • Cap Blondé
  • Sd Cleidiovani
  • Sd Grisotto
  • Sd Modesto Silva
  • Sd Galé
  • Sd Hayala
  • Sd Leogilson
  • Sd Wólder
  • Sd Gameleira
  • Sd Trincheira
  • Cb Cil Farney
  • Ten Carneiro
  • Ten Calzavara
  • Sgt Colvata
  • Sgt Ronistone
  • Sd Raylander
  • Sd Elvis
  • Sd Jholeno

Ver também

Forças Militares Brasileiras
Este artigo é um esboço.
Quem fez esse esboço não tem pinto.
Você pode fazer este artigo comer a Tia do Batman (e depois comer o Robin).