Fernandópolis

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Mazzaropi02.jpg Enxada-1.png Esti artigu é caipira, sô!! Enxada-2.png

Este tar di artigu pareci caipira, foi escritu purum caipira, ô ele é de fato
CAIPIIIIRRA!!!

Num istraga eli naum, si não nóis crava a inxada pra riba docê!


Cquote1.png Você quis dizer: Festa Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis
Cquote1.png Você quis dizer: Federópolis Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis
Cquote1.png Você quis dizer: Fernandrópis Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis
Cquote1.png Você quis dizer: Portal do Inferno Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis
Cquote1.png Você quis dizer: Local que Deus criou com a bunda Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis
Cquote1.png Você quis dizer: Vila Pereira Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis
Cquote1.png Você quis dizer: Buraconópolis Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis
Cquote1.png Você quis dizer: Cafundópolis Cquote2.png
Google sobre Fernandópolis

Cquote1.png Conheço! É um bairro de Votuporanga! Cquote2.png
Cidadão de Votuporanga falando de Fernandópolis
Cquote1.png Boooom diaaaa!!! Mas bom dia meeeeeesmo! O inverno dessa vez é mais fresco: média de 32° e máxima de 38°! Cquote2.png
Rafa da Mais FM falando do clima e do tempo de Fernandópolis
Cquote1.png Já joguei vários clássicos pelo FFC Cquote2.png
Maurinho, jogador do São Paulo, falando de sua terra natal (Fernandópolis_
Cquote1.png Já fui! Adoro as praias de lá! Cquote2.png
Carla Perez sobre Fernandópolis
Cquote1.png Nunca esqueço dessa terra! Foi nela em que Deus salvou minha vida e me trouxe para o microfone! Cquote2.png
Asa Branca Locutor de Rodeios, que encerrou sua carreira de peão após um grave acidente na Exposição de Fernandópolis
Cquote1.png Quando eu morava em São Paulo, o pessoal me mandava pro inferno e eu não sabia aonde era, agora eu sei! Cquote2.png
Paulistano que mudou-se para Fernandópolis
Cquote1.png A porta da minha casa. Cquote2.png
Capeta sobre Fernandópolis
Cquote1.png Deus colocou um pé em Jales, outro em Votuporanga e cagou no meio, daí surgiu Fernandópolis. Cquote2.png
Votuporanguense e Jalesense sobre Fernandópolis
Cquote1.png O Região Noroeste é um site muito imparcial e confiável Cquote2.png
Asno sobre Fernandópolis
Cquote1.png Paisagem maravilhosa a dessa cidade! Cquote2.png
Stevie Wonder sobre Fernandópolis
Cquote1.png Concordo plenamente! Cquote2.png
Ray Charles sobre citação acima
Cquote1.png Fernandópolis tem muitas opções de bares noturnos: tem o Bartô, o Bartozinho, o Bartolomeu, o Bartoshow... Cquote2.png
Gutinho Sisto sobre Fernandópolis
Cquote1.png Afinal, quem foi esse Bartolomeu? Manjava das putaria? Cquote2.png
Filósofo de buteco sobre o comentário acima
Cquote1.png Vamos jogar o lixo lá, descarrega os caminhões... Cquote2.png
Prefeitos de Votuporanga e Jales sobre fazer de Fernandópolis um aterro sanitário

Fernandópolis é um município situado no farwest paulista próximo a São José do Rio Preto (110 km). Formada a partir da união da Vila Pereira e Vila Brasilândia em decreto assinado por Fernando Costa. Pela falta de cultura e criatividade local associado à babação de ovo política, deu-se o nome tupiniquim como município de Fernandópolis.

Economia:[editar]

A economia local baseia-se em 2 grupos de xerifes, o primeiro é o dos "arakakiris,e o segundo o dos matatias " embasados em obter o monopolio a qualquer custo ao seu favor. os agro-negócios estão a beira da falência, arrendamento de terrenos para as usinas de cana (nos casos que já faliram nos agro-negócios),um shopping que mais parece um barracão abandonado de maquinário pesado, comércio e serviços até 17hs(após as 17hs tudo fecha). A implantação de 2 faculdades na cidade impulsionou o mercado, sobretudo o imobiliário, e o açougueiro também : galerinha faz churrasco na republicas de segunda a segunda. Almofadinhas filhinhos de papai rico migraram em bandos na ilusão de um diploma pago e os imóveis tiveram certa valorização. Hoje a cidade conta com cerca de 10 edifícios e alguns dificeis de serem acabados em construção OU SEJA quase caindo.

A cidade conta com uma infraestrutura de primeiro mundo em termos de urbanização(água, luz , esgoto, asfaltamento, praça, escolas públicas e hospital). Em relação a maioria das cidades interioranas brasileiras dá um show. Na emergência do hospital local espera-se apenas de 1 a 5 horas para atendimento! Muitas vezes o doente já está curado quando chega a vez, ou já encontra-se no velório municipal.

Também tem um ambiente muito bom, dizem ter ganhado o selo verde por ter muitas árvores mas na realidade só tem uma árvore a cada 500 metros no centro. A praça da Matriz é uma vergonha, a igreja da Matriz parece uma caixa de sapato. E em termos ambientais também passa vergonha, se você tentar ficar lá durante o período em que o sol está quente (ou seja das 05:00 da manhã até as 21:00 pois o clima é bem agradável) pegará uma insolação, pois os únicos e poucos bancos com sombra disponíveis das poucas árvores que tem nessa praça horrorosa, estão totalmente lotados de idosos que vão para lá fofocar e jogar dominó o dia todo das 06:00 da manhã até as 18:00, obrigando o restante da população a ficar no sol escaldante

Cidade:[editar]

Inverno em Fernandópolis.

Fernandópolis, Cúdumundopolis ou Findimundópolis é uma cidade termal(Água Quente, Vento Quente e Inverno Quente) do estado de São Paulo. Localiza-se a noroeste do estado (Quase MG e MS), estando a uma altitude de 535 metros. Sua população estimada em 2004 era de 64.470 habitantes, era, porque diminuiu, porém nos feriados prolongados volta a ter os 64.470 habitantes com a volta dos fernandopolenses que foram para a capital, que 8,5 horas após se espremerem na Barra Funda desembarcam na rodoviária reclamando do calor. Só de Estudante são mais de 8 mil! Imagina se tem festa.

História:[editar]

Guerra de Fernandópolis. Brasilândia x Vila Pereira

Segundo Livros de História, Carlos Barozzi fundou a Brasilândia e Joaquim Antonio Pereira a Vila Pereira. As guerras entre as duas Vilas eram intensas! Era Flecha da Brasilândia e Tiro da Vila Pereira.

Até que um belo dia, um cabo eleitoral do Governador chegou a essa terra, ele se chamava Fernado. Conversou com o Barozzi, com o Pereira e decidiram acabar com a Guerra e se unir, agora pensavam em Guerriar com Jales e Votuporanga. Em Homenagem a esse homem que trouxe a Paz entre os povos dessa terra, colocaram o nome de Fernandópolis, que Guerria até hoje com suas cidades vizinhas.

Em uma dessas Guerras, Soldados de Fernandópolis bateram em atores da Globo por engano na Praça do Jacaré em Jales, achando que eram Soldados Jalesenses. No Final da batalha tinhamos: 12 presos, 3 feridos, 1 atropelado, 2 carrinhos de cachorro quente destruidos e um jacaré desaparecido.

A tambem o desenvolvimento das periferias como CDH,Araquaia,Paulista entre outros bairros terriveis, contro desses bairros e de total participação dos traficantes como Angelão(atualmente PRESO)Yuri,Fernando `Here´entre outros...Avioezinhos

População:[editar]

A cidade possui em torno de 70 mil habitantes constituídos de 50% por peões boiadeiros e 20% descendentes de italianos carcomanos linguarudos,falidos que se acham ricos, 20% espanhóis sem graças e mais feios que cão chupando manga, e os 10% de portugueses mãos de vaca e "super inteligentes" . Existe uma parcela de mineiros, também chamados de João sem braço devido a aparência e comportamento de mulambo, porém alguns bem afortunados financeiramente. Recentemente houve uma migração de alunos burraldos ,ignorantes e tapados iludidos dos estados vizinhos , onde so se pronuncia ""nois vai " , "nois foi" com os dois escalões de nível superior, (que deixa no ar um tom meio duvidoso: neguim sai mais burro do que entrou) instalados na cidade.

Diversos:[editar]

Fernandópolis é uma cidade muito festeira, principalmente porque possui muitos estudantes e o dono de uma cervejaria diz que nasceu lá(o próprio nasceu em brasitania,conjunto de 3 ruas e um sitio vizinho). Dizem que em Fernandópolis rola festa de segunda a segunda obrigatoriamente para agradar estudantes e o dono da cervejaria. Segundo dados do DataFolha, Fernandópolis é a cidade com o maior consumo de álcool por habitante (é possível mesmo!). Isto leva em conta, principalmente, os estoques (sempre baixos, mas constantes) das geladeiras das dezenas de repúblicas de universitários da cidade, adolescentes que se acham adultos e a maçante propaganda da cerveja do dono da cidade (entendeu?).

Fatos que notabilizaram Fernandópolis recentemente:

- estudante de Medicina morre ao confundir buzina de carnaval com descongestionante nasal 
- calouro passa mal ao beber álcool de carro no lugar de gasolina comum
- vereador fica preso 56 dias por ter cobrado propina de funcionário da Câmara 
- cobra de 1,2 metro é encontrada sozinha no centro da cidade 
- juiz(Evandro Viadim) pega menores de 16 anos com garrafa de Coca-cola de alto teor 
alcoólico

Fatos que notabilizaram Fernandópolis antigamente:

- vereador sugere instalar mata-burro na porta da Câmara
- estádio de futebol é inaugurado com show de samba e não com jogo
- promotor é pego em pleno boquete com secretária dentro do Fórum

- médico mata a mulher e é abssolvido

Entretenimento:[editar]

Em termos de entretenimento temos 1 boate onde as bandas de sertanejo da região e as vezes axémusic tocam 1-3 vezes semana. Cuidado para não tomar porrada em vistas que o sangue espanhol e italiano que ascende a etnia da população esquenta os machões que muitas vezes já vão pra festa a fim de arrumar confusão. Se você resolver se integrar com a galera recomendo o uso de chapéu de caubói e botinas. No restante a cidade é dividida em termos de diversão em duas fases: 6 meses se programando para ir a exposição agropecuária e 6 meses se lembrando da exposição agropecuária.

A Fernan-EXPÔ (que de exposição, não tem mais nada) é um grande evento (o único) para os moradores locais(parece parquinho de diversão de subúrbio das metrópoles). Ocorrem grandes shows de música sertaneja onde os habitantes locais prestigiam em massa. Os ricos ficam nos camarotes enchendo a cara e os pobres ficam na arena(a mesma em que ocorre a prova de montaria)pisando na lama. Para variar, o cardápio dos restaurantes é a típica picanha em manta variando entre outros cortes em manta também. ah.. Vale lembrar que tem aqueles que para aparecer, compram camarotes caríssimos. Quase o preço de um carro, e que estão com as gavetas lotadas de carnês atrasados para pagar.o comercio apos o termino da expo fica parecido com o deserto do saara "vazio". Vale ressaltar que Jorge e Mateus tem contrato vitalício com a festa, estando ou não no auge, sempre cantando as sextas. Isso acontece pq o organizador é amigo e compadre do Jorge. Há quem comenta que vão mudar o nome da festa para "ExpôJorge". A expô deu uma falida em 2019, pedindo ajuda pra quem organiza a festa de Santa Fé do Sul ajudar a organizar (que tbm não é aquelas coisas).


Uma das principais atrações da população mais desfavorecida de dinheiro,é visitar o incrível centro da cidade e andar nas muitas ruas importantes e "movimentadas" do centro ou seja só a Rua Brasil. A parte mais divertida da andança é ficar olhando as 10 vitrines da uma dúzia de lojas, e tem mais, o ápice do passeio no centro, é tentar sair vivo sem tomar um choque elétrico pois nem é possível ver o céu de tantos fios e postes presentes, visualmente parecer ser um ninho de rato.

Outra grande atração em Fernandópolis é o posto BR. Inexplicavelmente as bombas de gasolina exercem uma atração pelos jovens e brotos onde eles permanecem aos bandos e aos altos brados. O passeio de moto é tradicional onde o motoqueiro fica indo e vindo na mesma avenida(a única) até ficar tonto, que é quando param no posto. Talvez o cheiro de gasolina melhore a tontura ou tal vez para abastecer e continuar com o rolê! Outra tese também é que motos e carros sejam objetos de desejo entre os jovens e não passar no ITA ou na USP! Esses jovens estão fadados a morar e morrer no interior paulista com vidinhas mediocres e limitadas eternamente!!

Um rolê muito apreciado pelos jovens de idades entre 05 a 15 anos, é ir para praça da Matriz de sexta/sábado sozinhos pois já são muito adultos. Lá ficam andando em círculos, com suas novinhas e seus moleque chave. O Consumo de drogas e Catuaba entre a criançada é o principal atrativo do rolê na praça. Turistas que vem visitar essa incrível cidade dizem que a praça a noite mais parece uma creche pela imensa quantidade de crianças.

Algumas vezes entidades beneficentes realizam uma querrrrmesse. Ao contrário das quermesses de todo o resto do país, onde se encontram pratos típicos de festa junina. A querrrrrmesse fernandopolense constitui-se de leitões assados e devorados em cenas dantescas com as próprias mãos. Normalmente não há banheiros nem guardanapos.

Uma grande atração não muito lembrada é a água viva (que de viva não tem nada). Hoje em dia há boatos que virou despejo de esgoto, alguns dizem que foi tomada pelos animais da região como por exemplo jacarés, pássaros e até dinossauros. Mas como ninguém mais vai lá não da pra saber ao certo a verdade.

Língua:[editar]

A língua local constitui-se de pessoas muito linguarudas,que sabem muito bem mesmo é cuidar da vida alheia , e falar mal dos outros , coisa tipica de vilinha provinciana !tambem possui um dialeto local onde tem-se a impressão das pessoas estarem com pigarro na garganta devido a fonalização expressiva dos R das palavras. A letra L também tem som de R. Por exemplo fala-se futeborrr(futebol).As vezes o R é pronunciado de forma tão exagerada que adquire som da letra L. Por exemplo:Mulrrta (murta). Leva-se em torno de 1 ano para começar a conversar fluentemente com os nativos aborigenes tuipiniquins da localidade.

Gastronomia:[editar]

A gastronomia local constitui-se essencialmente de churrasco em manta de preferência picanha ou cupim. Manta é o termo local para designar cortes tipo bife, onde a carne assa mais rápido. Inclusive nas festas de final de ano (natal e ano novo) é o que se come. Possui 5 restaurantes mas nenhum abre segunda feira ou tem feijão incluído no cardápio. Se voce não almoçou até as 14hs esqueça só vai conseguir comer se você mesmo cozinhar ou esperar o jantar. Atenção que exceto sexta, sábado e domingo você tem que jantar fora estourando até as 22hs senão estará tudo fechado. O creme de milho também fazem parte dos pratos locais.

Com o decorrer do tempo Fernandópolis recebe restaurantes de diferentes tipos de culinária, que tentam chegarem perto do verdadeiro gosto da culinária à qual aparentam ter.

Curiosidades:[editar]

  • Maior Orgulho do Fernandopolense: Deliciar-se dos lanches dentro do Maravilhoso Mc Donald's da cidade , enquanto os votuporanguenses , aproveitam na calçada a refeição caridosa preparada pelo Mc Donald's com os restos dos clientes Fernandopolenses. Esse é um movimento muito humano criado para ajudar a população votuporanguense que em geral passam fome no município. Detalhe : Dia 11/09/2016 até mesmo o prefeito de Votuporanga foi flagrado comendo dos restos no lixo do Mc Donald's.
  • Sonho do Fernandopolense: Se mudar para São José do Rio Preto.
  • Cachorro Husky-siberiano que perambula a cidade nos bares e restaurantes em busca de restos e migalhas, porém tem dono. Deve ser porque a ração tá cara hoje em dia.
  • Só toca Jorge e Mateus no Bartô
  • Para comprar um corolla ou fazer revisão no mesmo ou em qualquer carro da TOYOTA, deve-se ir a Jales ou Votuporanga, pois em Fernandópolis não tem concessionária.
  • Situação impossível de acontecer: Se perder em Fernandópolis-a cidade é um ovo."de codorna"!
  • Os católicos são subordinados a Jales, pois a Diocese é de Jales.
  • Trivia: Quantos Policiais Fernandópolenses são necessários para bater no Paulinho Vilhena? R: 12 resolve
  • Império Cárfaro... o novo local para Ricos habitarem em Fernandópolis !!!
  • Esporte: F.F.C. conquista o título da 123º divisão do campeonato da vila brasilândia.
  • A Educação anda a mihõesl.... Negativo, claro: FEF abriu falência e UNIJALES estuda a possibilide de comprar o campus para montar um deposito de livros antigos de sua biblioteca. UNICASTELO está sendo mantida respirando por aparelhos.
  • 90% da família Arakaki tem nome incluso no SPC/SERASA.
  • Reza a Lenda que Euphly Jalles anda assombrando os arredores da Mercearia Sakashita
  • Contrabandear em Fernandópolis ficou mais fácil, já que a sede da Polícia Federal se encontra na cidade vizinha de Jales
  • Para se tirar passaporte é necessário dar uma passada por Jales.