Final Fantasy XIII

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Final Fantasy XIII é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, Captain Falcon chega em trigésimo.


AVISO. Esse artigo contêm spoilers como o fato de que Vanille e Fang viram cristal no final para salvar o mundo, e quem fica vivo era quem você queria que morresse, tipo o casalzinho ternura que é o carro-chefe dessa desgraça toda: Homem-gigante-mim-Tarzan e a anãzinha Barbie-estudante-puf-puf-choronazinha-da-Mattel...
Final da Fantasia 13°
Final Fantasy XIII xbox cover.png

Capa da versão comemorativa para Xbox 360, trazendo algumas reviews que o game teve

Informações
Desenvolvedor Quadrado-Eunuco
Publicador Quadrado-Eunuco
Ano 2009
Gênero RPG,Ecchi,Yaoi
Plataformas Jogar-Estação 3; XCaixa 360
Avaliação 50%
Idade para jogar +18 (Sex,Drugs and Rock n' rollViolence

Cquote1.png Você quis dizer: Sexta-feira 13 Cquote2.png
Google sobre Final Fantasy XIII
Cquote1.png Seraaaaaaah!!!!!!! Cquote2.png
Snow sobre Qualquer coisa
Cquote1.png Dois trilhões, quatrocentos e doze bilhões, seiscentos milhões, trezentos mil, novecentos e vinte e cinco dólares e noventa e dois centavos!!! Cquote2.png
Ibama sobre As multas do jogo
Cquote1.png [email protected]#$!!! Que Como é que se joga essa [email protected]##$??..mas que [email protected]#$ Cquote2.png
Ozzy Osbourne sobre O sistema do jogo
Cquote1.png Insert Disc 2 Cquote2.png
Xbox 360 sobre Final Fantasy XIII vir com 3 discos na capa
Cquote1.png Isso deve cagar umas 100 toneladas!!! Cquote2.png
Você sobre aquele titã de Gran Pulse
Cquote1.png Paraíba masculina, mulhé macho sim sinhô!!! Cquote2.png
Gonzaguinha sobre Lightning
Cquote1.png Não gostei, muito linear (Nota 4/10) Cquote2.png
Idiota metido a critico sobre mapa do jogo
Cquote1.png Follow my lead! Cquote2.png
Lightning sobre trocar de Paradigma
Cquote1.png Stay ready for the next fight! Cquote2.png
Lightning sobre humilhar um inimigo

Final Fantasy XIII é um jogo de RPG/rail gun shooter arcade desenvolvido pela Square Enix. Manteve a tradição de todos outros jogos da série, por exibir um personagem negro semi-cômico, proporcionar a criação de fan fics yuri, e por presentear os fãs com horas de histórias realmente chatas e incompreensíveis de enrolação em jogabilidade repetitiva e cansativa, estranhos cortes de cabelo e chefes que parecem ser fruto de alguma mente lisérgica.

Enredo[editar]

Me dá um abraço, aí cacete!!

É difícil a compreensão dessa historinha de contos de fada à lá Cinderela... (na verdade, nem precisa. Ou melhor, nem tente entender, ou sua cabeça explodirá)... Uma vez que os acontecimentos ocorrem sem a menor explicação como se qualquer pessoa no mundo tenha que saber o que é Coocoon, Gran Pulse, l'Cie, Fal'Cie e um monte de novos de coisas, raças e lugares inventados que ninguém faz o favor de explicar o que é. Se você tem apenas um inglês intermediário de merda aprendido no ensino médio, aí que deve esquecer mesmo de entender alguma coisa da história.

Num planetinha não muito distante e bem desgraçado, onde todos são desgraçados (não diferente deste aqui em que vivemos), existem os donos de tudo, (vamos chamá-los simplesmente de FDP, sua sigla entre as milhares de siglas avistadas no jogo) e existem também os camaradas que são empregados dos FDP.

Esses empregados são chamados de l'Cie, que tem esse nome, por terem sidos sacaneados pelos FDP que pegaram eles e colocaram uma erva do demo em forma de tatuagem na pele dos coitados só de sacanagem mesmo, porque são malvados e não precisam de motivos, são do mau e pronto.

Recebendo essas tatus (tatuagem, pra você que é burro e não entendeu o que significa tatu), esses coitadinhos ganharam o poder de invocar bichinhos, mas eles precisam usar esses bichinhos para ajudá-los a resolverem um problema qualquer que NINGUÉM diabos sabe qual é (NEM ELES MESMOS).

E se eles não fizerem essa missão que eles não sabem qual é, nem em que lugar é, em um determinado tempo que também não sabem quanto tempo é, eles não irão morrer! (entenderam alguma coisa? Não? Nem eu...)

Continuando essa tragédia toda... É por isso que os camaradas que colocaram essas tatuagens nos l´cie, são chamados de FDP (não necessariamente nessa mesma ordem... o F por exemplo, pode vir depois do P e antes do D e vice-versa)...

Um desses pobre-coitados portantes desta verdadeira bomba-relógio no corpo, (as tatus) ficou de saco-cheio daquilo, e sabendo que iria morrer mesmo (pois não sabia o que tinha que fazer, pois os FDP não avisam pra eles, lembram?) esse tal infeliz criou uma cidade, pra ele curtir o fim da vida medíocre dele e dos seus amiguchos pobre-coitados com uma tatuagem de bomba-relógio, para que todos dançassem a dança da bomba que explode até que a bomba de todos exploda mesmo... e morram... e fim... triste... muito triste... Esse l'Cie chamou a cidade que construiu de Fal'Cie... É uma bela cidade, daquelas de cair o queixo... E é para lá que os personagens do jogo começarão a correr. Eles acreditam que lá encontrarão a resposta para tudo... (vai que cola?)

Lighting está sempre cercada por imbecis retardados...(mas não tanto quanto ela)

Lightning e Sazh são os primeiros a começarem a corrida para lá. Ambos são ex-soldados inimigos dos soldados da psiu.com.br e estão presos com outros presos num caminhão de presos. E como em todo filme, preso consegue fugir, aqui não foi diferente. Ambos saem dali, depois que abrirem as correntes ultra-mega eletrônicas do veículo apenas com catarro, dois fios de cabelo e um palito de dentes. Eles então vão pelo caminho e se esbarram repentinamente com outros rebeldes pobre-coitados com a marca do tatu, que iam atrás de outros com a mesma marca do tatu por algum outro motivo... E no fim os outros se encontram com os uns e fica tanta gente, que você nunca saberá quem colocar na frente da sua maldita equipe.

Snow é o típico jogador de futebol americano do colégio, reconhecido por sua burrice. Ele é declaradamente um pedófilo e não esconde de ninguém que pega uma garotinha de 15 anos toda cuti-cuti, é Serah, irmã mais nova de Lightning, que óbvio não aprova esse relacionamento sem vergonha, mas com o passar do jogo começa a gostar do Snow e termina forever alone como cunhada encalhada.

Depois disso é uma enrolação só, para dar a falsa impressão de que o jogo é longo com horas e horas de ação e uma história bem intrincada, fatos sem sentidos começam a ocorrer aleatoriamente um atrás do outro até chegar num momento que qualquer um, inclusive eu, para de prestar atenção na história e nem sabe porque continua jogando ainda.

No fim um chefão em formato de bilau é derrotado e todo mundo fica feliz, a dupla de lésbicas morre, e o casal ternura se reencontra. As marcas de tatu saem por magia (Le-se: porque os criadores quiseram e você não tem nada com isso.).

Gráficos[editar]

Mantendo a tradição da franquia, Final Fantasy XIII traz gráficos completamente lisérgicos e epilépticos. Ao longo de sua jornada o jogador se deparará com tudo que todo bom Final Fantasy pode oferecer em termos de cenário: Construções impossíveis de serem construídas, bodegas flutuantes iluminadas que simplesmente ignoram as leis da física, e gente extremamente bonita que não importa o que comam nunca engordarão ou ficarão peludas cheias de espinhas e pelos encravados. Todo mundo tem narizinho perfeito é jovem, super bem alinhado e feliz, com maquiagem Avon eternal fixante 188.1, cabelo cortado, penteado, galera depilada, bem arrumada, dentes brancos e hálito de balinhas de hortelã, o dia inteiro (inclusive aos domingos), muito diferente de games como God of War, onde se sente o fedor e o mau hálito do Kratos mesmo sentado na poltrona (ou no chão, pra você que é pobre).

Jogabilidade[editar]

Combate e Paradigm[editar]

Final Fantasy XIII nos traz um sistema de combate muito simples, prático e funcional, baseado em massacrar o botão X repetidamente exaustivamente, deixando o AutoBattle fazer todo o serviço de atacar as fraquezas e pontos fracos de inimigos dementes. O que você tem que fundir o cérebro para entender a história, na hora da batalha raciocinar é desnecessário.

Você tem disponível 6 personagens, que na verdade são 3, porque 3 ficam encaixotadas e você só pode usar 3 que nem são 3 porque as outras duas não fazem exatamente o que você as manda fazer, então você joga na verdade com uma pessoa só.

Ao entrar numa batalha com sua equipe de 3 personagens, o que você controla, beleza, é só ficar apertando X até ter câimbra nos dedos. Mas os outros 2 membros que estão com você lutando apenas fazem algo qualquer das opções de coisas que existem no caderninho deles automaticamente. Poder, você só tem poder total sobre a pessoinha que é a principal na equipe.

Se você quer que a Vanille use ininterruptamente a magia Death, jamais vai conseguir isso se não pega-la como principal, pois se ela for do time automático ela só usará a magia uma vez, nunca ou quantas vezes ela bem quiser e você que se dane! Para conseguir o feito, você terá que jogar com ela como principal, mesmo sabendo que ela é ruim pra cacete como membro principal e morrerá mais rápido que os outros dois companheiros te fatalizando com um Game Over. Para facilitar isso, em caso de morte, você retorna no mesmo ponto, isso faz os jogadores de Dark Souls rirem.

Apesar da falta de controle, pelo menos você pode mudar o caderninho de magia do seu grupo, o problema é que, enquanto fica estampada na tela PARADIGM SHIFT, os membros do time ficam fazendo pose pra sair na foto enquanto tomam porrada de todos os lados. Tal burrice foi corrigida no caça-níquel Final Fantasy XIII-2.

Crystarium[editar]

Cópia idiota e totalmente sem graça do sistema de level up de Final Fantasy X que consiste em usar XP ganho em batalho para navegar num tabuleiro tridimensional completamente desnecessário que pdoeria ser todo automático por ser linear.

E você também não vai para onde quer. E pior que isso! Nunca chega onde quer. Para completar essa desgraceira toda, você precisará de cerca de 150 horas de jogo (estamos falando sério).

Personagens[editar]

Lightning[editar]

Always I wanna be with you! And make belive with you!

Não é o Cloud, que fique bem claro! Ela se faz de marrenta, mas na verdade é virgem e por isso sente inveja da irmã mais nova que senta na piroca do Snow, mas o malandrão é tão pedófilo que não percebe as indiretas de Lightning nunca. São indiretas tão diretas, que dá até dor de cabeça! Numa delas, Lighting declara que não queria que ele ficasse com Serah, bem na cara dele com todas as letras, só faltando ela dizer "PORQUE EU TE AMO, SEU PORRA!". Mas ele como sempre, não percebeu nada! É até por isso que Lightning deve ter ido para o exército.

Possessa da vida por nunca conseguir uma paixão, Lightning virou uma freira frígida e assexuada, mas por isso ela é a única personagem pensante do jogo, e por isso gosta de dar porrada em todo mundo e está pouco se lixando se não gostam dela. Ditas todas as qualidades da moça, parece que o único que tem uma chance de aturar ela é o muleque psicopata.

Após toda sua saga, como Final Fantasy é feito para crianças em geral, ela não vai consolar o cara e ficar com ele no final, afinal a Barbie anã não morreu mesmo depois de congelada e embalada a vácuo para ser vendida como galinha sem peito e sem bunda da Perdigão (ninguém entende o porquê) e fica tudo por isso mesmo...

Para a alegria da mesma, foi lançado o Final Fantasy XIII Versus, no qual o protagonista é um Emo-Traidor do movimento Punk: Noctis Lucis Caelum, e tudo se passa no mesmo mundo, mas como tudo tem seu preço, os 2 personagens nem se encontram.

Snow[editar]

Não é o Seifer, que fique bem claro! Loiro boa pinta deficiente mental de 2 metros que ao invés de procurar uma mulher da sua altura e mais gostosa (leia-se: Fang), foi caçar uma garotinha de 14 anos aparentes de idade e 1,45m que pesa metade do peso dele e provavelmente morrerá dando a luz ao filho do troglodita que deverá nascer com uns 35 quilos mais ou menos.

Sem nenhum vestígio de massa cefálica naquela cabeça imensa, vive dando mancada e levando porrada de Lightning, que está sempre falando a coisa certa, mas como ele é burro, entende tudo errado.

Cínico pra cacete, vive choramingando que ama sua Barbiezinha anãzinha de paixão, mas se ela batesse as botas, iria correndo tentar dar em cima de qualquer uma das protagonistas do jogo, pois odeia ficar sozinho. Deu muito em cima da mãe de Hope, o que irritou o moleque no começo.

Sazh[editar]

Em mais um anúncio de Prestobarba...

Homem afro-descendente, que fora posto para cotar a cota de afro-descendentes que os games devem ter, uma vez que sua participação seria totalmente dispensável.

Ele é o Jimi Hendrix disfarçando o fato de sua morte e se juntando ao grupo para ver se consegue dinheiro para drogas e mulheres da vida.

E como todo Final Fantasy deve possuir pelo menos 1 gordo, 1 branco, 1 índio e um negro para cada 10.000 japoneses de olhos coloridos, criaram então os 10.000 japoneses de olhos coloridos, o Sazh que é o negro, o chefe de Lighting que é o gordo. O Snow o branquelo. E não se sabe até agora onde se encontram o índio do jogo...

Sazh anda com um pinto fedorento que mora em seu black power e faz todas suas necessidades lá dentro mesmo.

É um pai solteiro (racismo detected), e tem uma quedinha por Lightning, que por ser frígida sequer percebeu isso, mesmo que Sazh tenha dado pelos menos umas três encoxadas nela no jogo.

Hope[editar]

Não é o Tidus, que fique bem claro! Mulequinho multi-milionário criado a leite com pera pela mãe e calado, que na realidade é um tremendo safadão maquiavélico-assassino-terrorista-criminoso-psicopata que anda com uma faca escondida. Até usou-a no Snow que quase foi pra PQP por ter pensado que matou a mãe dele e porque quis matar mesmo. É também um adolescente pervertido, perseguindo Lightning e espiando a bunda da mesma constantemente, até mesmo a Vanille não escapa da sua faquinha.

Ele está sempre com aquela carinha de inocente, mas se der moleza ele te esfaqueia quando você estiver pendurado na sacada de um prédio prestes a cair, arranca os órgãos e os come com ketchup! Cuidado! Você pode ser a próxima vitima! Portanto nunca se esqueça de desligar o aparelho NA TOMADA, ou retirar o jogo do console após jogá-lo, ou ele matará os outros membros de sua equipe antes de matar você. O FBI agradece.

Vanille[editar]

Vanille fazendo suas poucas vergonha, a jailbait do jogo.

Não é Selphie, que fique bem claro! Ela é uma mocinha muito lindinha, conversativa e alegre, que vive saltitando e agarrando garotinhos de 14 anos achando que pode solucionar todos problemas da vida apenas com o poder da amizade e do pensamento positivo.

Ela acha que a vida é bela e já que no mundo de Final Fantasy não existem estupradores ou tarados para lhe molestar sexualmente, ela consegue viver em plena paz e felicidade com suas sainhas curtas e seu corpinho perfeito para um bom hentai. Ela pode inclusive, como uma de suas primeiras atitudes depois de acordar de um sono de séculos numa carbonita criogenizada, decidir entrar sozinha numa floresta acompanhada apenas de um negão, e nem uma mão boba aconteceu, a vida é mesmo bela.

Fang[editar]

Neta de Laguna Loire de Final Fantasy VIII ou de Seymour Final Fantasy X (ou dos dois, quem sabe...) é o sonho das yuris escritoras de fanfic, a personagem mais lésbica do jogo e talvez de toda série Final Fantasy, pois não para nenhum segundo sequer de dar em cima da Vanille, e não tem vergonha de ficar alisando, apalpando, abraçando, beijando e colocando no colo o seu sonho de consumo sexual que é a Vanille. Fang não dá mole para ninguém, bebe pra cacete e tem uma força fora do comum.

Não corre atrás de homens porque gosta de mulheres (ela é sapatão) e chega mais perto de pegar a Lightning do que Sazh. Vive saltitando feito uma desequilibrada mental com Vanille pra lá e pra cá depois que foi contaminada pela doença da ruiva, conhecida em Gran Pulse como "Doença da Falta de Macho" . Por causa disso, ficou maluca igualzinho a Vanille e frequentemente surta querendo trair o time por estar rodeada de homens demais para o gosto dela.

Serah[editar]

Serah. posando pra playboy

Serah que vai chover é o rostinho mais lindinho e corpinho de tabuinha sem bundinha, nem peitinho, tudo inho, porque ela é inha bem pequenininha mesmo. É a japinha dos sonhos dos otakus tarados.

Irmã de Lightning, ela é a personagem principal do game. Tudo gira em torno de salvar ela, inclusive todo mundo vai atrás do loiro gigante retardado que jura que mesmo depois de congelada, Sarah retornará aos seus braços, para que ele a abrace e quebre sua espinha dorsal. É até meio ridículo ver o casalzinho ternura junto... Snow mais parece um jogador de futebol americano pedófilo com uma criança de 14 anos de idade...

Sonhadora otária que acha que tudo é lindo e dará certo, mesmo depois de saber que não dará (mas pior que deu). Ela foi transformada em cristal e destransformá-la é o grande objetivo de todos.

Todos pensam que ela é uma santinha por conta daquele rostinho de menina moça, mas na verdade todos sabem que ela é uma vadia que trai o Snow com a Lightning e já até posou para a playboy, havendo muitos hentais aí pela internet para provar isto.

Chocobos[editar]

pintos gigantes comestíveis que estão mais bonitinhos e nojentinhos!! Eles agora bicam você se não forem com a tua cara.

É por essa razão, que é preferível que você ande sem essas criaturas chatas que só prestam para subirem em montinhos e pularem laguinhos... Servem também para encontrarem coisas. O problema é que um monstro safado sempre te agarra e faz com que você perca uma maldita pena (confiança) só de sacanagem mesmo...

Outras pessoas[editar]

Há outros personagens não muito importantes, sejam elas peitudas de óculos clones de Sephiroth, ou clones de Vincent Valentine turco, Seymour velhinho vestido de papa ou qualquer outra casseta que irá morrer por algum motivo ainda mais idiota do que o motivo que você está pensando.

Armas[editar]

São uma beleza!! Mas para evoluí-las precisará dar uma grana e tanto nas lojas de artigos caros e idiotas que existem nos seus save games...

E nem pense em vender aquele artigo caro! Pois quem sabe, precisará dele no futuro... Resumindo: Você terá que mentalizar meios de se obter dinheiro! Rodar a bolsinha, lavar roupa pra fora... Depois de 342 horas de jogo, você notará que isso não passa de pegadinha!!

Ou você se lasca para não vender o artigo ou vende o artigo e fica lascado...

Lugares[editar]

Cocoon[editar]

Lugar especial que os Fal'Cie acham que é legal e que é a única esperança para desgraçados infelizes como eles, mas não passa de uma luazinha quebradinha no meio e toda verdinha...

Os velhinhos do filme Cocoon devem viver por lá, mas nunca dá para achá-los...

Cquote1.png Cocoon's nothing to you? Cquote2.png
Lightning sobre Barthandelus

Bodhum[editar]

(Ou Bode 1) – Cidade onde uns imbecis lançam fogos de artifício que outros imbecis ficam assistindo 24 horas por dia porque lá todo mundo é imbecil e ninguém tem mais nada pra fazer na vida.

Todos lá, se vestem como babacas e ninguém dá em cima de ninguém, pois apesar de usarem trajes de prostitutas de baixíssima categoria, as garotas de lá são super comportadas mentalmente falando e os garotos parecem ser cegos mentalmente falando e não enxergam mentalmente falando as roupas de prostitutas que as garotas usam, tampouco o “mole” que elas dão pra eles mentalmente falando.

Foi lá que Snow e Serah se conheceram, formando o casal de namoradinhos mais anticriativo, sem sal e idiota de todos os Final Fantasys, deixando pra trás Squall, Rinoa, Zidanne, Dagger, Cloud e Sephiroth que até tempos atrás, batiam recorde de casais-chatisse!!