Frangalho

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Não quer entrar para tomar uma xícara de frangalho? Cquote2.png
Dona Florinda sobre frangalho.

Frangalho não tem nada haver com frango, mas deve ter haver, talvez com o jeito espalhafatoso desse bicho, que além de tudo sai soltando penas e fazendo um barulho estranho chamado de pio. Deve ter haver com isso, mas em geral se refere a um pedaço roto de alguma coisa. O seu Madruga não merecia ser comparado a isso, mas já lhe chamaram de coisas piores, mas sim, ele foi chamado de frangalho humano.

O frangalho[editar]

Frangos confusos ao ouvir "frangalho humano".

O frangalho não é nem nunca foi o Seu Madruga, mas ele foi chamado disso pelo professor Girafales, mas o Mestre Linguiça falou em um momento de raiva, como sempre por um mal entendido. Sendo o excelente profe que é, ele sabe que o Seu Madruga não é um frangalho, e ainda que ele tenha acrescentado humano, ainda assim é bastante ofensivo, ainda pior que farrapo de gente ou espantalho ou até, tripa escorrida. Pois frangalho lembra ou frango desfiado que, além de tudo é para ser comido, também lembra frangos vivos, oque não muda muito, porque são essa figuras espavoridas já descritas.

Bruxa do 71 ajudando a Dona Florinda a preparar a xícara de frangalho.

Se o frango está no terreiro ou na granja, não importa, os mais descentes não chegam a ser algo de que se possa comparar a um ser humanos, menos ainda ao grande Don Ramon. Se você for desfiar frango, daí melhor ainda poderá entender, olhe o aspecto que fica frango desfiado, aquilo sim é frangalho. E qualquer coisa desbagaçada e som péssima aparência, em trapos dependurados, sim podem lembrar frango desfiado, mas cara, chamar alguém disso é foda, apenas o Seu Madruga, que tem toda a paciência do mundo(com o Chaves também é pedir demais), pode levar de boa um xingo desses.

Ainda eu o Seu Madruga ande com roupas quase de mendigo e seja magro, não é um frangalho, e ele pode andar com roupa de espantalho porque ele consegue inspirar moral do mesmo jeito... Bom, moral inspirada, mas não imposta, por isso tantos abusam da paciência dele, principalmente a velha coroca.

Xícara de frangalho[editar]

Foi o que a Dona Florinda ofereceu ao Mestre Linguiça, em seguida ao que chamaram o Seu Madruga disso, mas ela queria então servir o Seu Madruga na xícara? Pois só faltava ela fazer isso mesmo, já enfiou ele na fonte, num saco, numa caixa, não duvidaria da Dona Florinda servir o Seu Madruga numa xícara ou o sangue dele, mas chega que isso já está ficando macabro. A xícara de frangalho, na verdade seria xícara de café, aquela de sempre, porém dá o que imaginar, mas deixemos o sangue do Seu Madruga em paz, a xicara de frangalho pode ser servida ao Mestre Linguiça com qualquer outro frangalho.

Ela poderia servir, ao invés do café, uma xícara de frangalho, consistindo em qualquer coisa, já que qualquer coisa retalhada pode ficar parecida com frangalho, mas não deve servir qualquer tranqueira, mas prometeu tem que cumprir: A xícara de frangalho do Mestre Linguiça poderia ter frangalhos de chocolate raspado, frangalhos de canela, frangalhos de morango, qualquer coisa afrodisíaca assim, não é porque a palavra é feia pra caraleo iguais aos frangos mesmo, que os frangalhos de qualquer outra coisa tem que ser ruins, nada disso, se a Dona Florinda ficar em dúvida, ainda pode pedir auxílio à Bruxa do 71, que pode fornecer até frangalhos em poções mágicas. e talvez com uma xícara de frangalho dessas(medo), o Mestre Linguiça casasse com ela, coisa que a xícara de café comum, nunca o fez.

Ver também, se quiser[editar]