História do Botswana

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é relacionado à história.

Lembre-se que a Igreja Católica fodeu o progresso durante 1000 anos.

Hitler e Alien.jpg

Cquote1.png Para que possamos compreender todos os eventos socioeconômicos e militares que acontecem agora, precisamos necessariamente passar pela história deste país tão importante para a humanidade. Cquote2.png
Professor de História sobre História do Botswana

Câmera em tempo real da capital do país

A história do Botswana se estende à milhares de anos atrás, até mesmo antes de inventarem o fogo, a roda ou a internet.

Era Pré-Humana, Visão Criacionista[editar]

No começo, não havia nada. Então, surgiu um certo Alguém e pensou:

Cquote1.png Que tal criar algo nunca antes criado no lugar do nada, a partir do nada? Cquote2.png
Ele

E assim se fez. Veja só: enquanto você passa um ano estudando para passar em uma provinha e nem é capaz de passar, Deus consegue criar um planeta inteiro em apenas seis dias!

Ele criou a luz (primeiro de velas, depois resolveu criar a energia elétrica para ligar sua TV novinha), depois a noite (para que estupradores, pedófilos, gurias retardadas e playssons pudessem se misturar). Então, criou tudo o mais: as árvereses, os pássaros, as larvas, os rios, a seca, o homem.

O homem descobriu sua ferramenta no segundo dia, e descobriu o onanismo. Mais dois dias passaram-se, e então percebeu que ele não tinha motivos para praticar o referido onanismo. Então, ele pediu algo que ele pudesse usar para satisfazer suas vontades.

E assim surgiu a mulher. E depois da mulher surgiram a pia, o fogão, etc.

O homem e a mulher, começaram a viver primeiramente no Éden, que na verdade fica no Oriente Médio. Como a mulher parou de cumprir suas obrigações destinadas a seu sexo, tais como: fazer comida e limpar a casa jardim, e ficava de sacanagem com o homem, Deus resolveu banir ambos do lugar, os levando a um lugar qualquer na África para se virarem como puderem, e transformar o Jardim em um campo de guerra. O casal acabou caindo no lugar que hoje é chamado de Deserto do Botswana (lamentamos, mas os cientistas do Grupo Centralizado de Pesquisa Arqueológica Descíclope não foi capaz de ser mais abrangente que isso. Mas quem se importa? É tudo areia mesmo...)

Era Pré-Humana, Visão Evolucionista[editar]

Antes existia o nada, com um pontinho com tudo. O tudo acabou explodindo, e se transformando em mais coisas. Um monte dessas coisas acabou se juntando, formando as galáxias, os sistemas e os planetas. Um desses planetas é a Terra. No começo, havia um monte de fogo. Do nada, surgiu a água. Um dos vulcões da Terra, o Quilimanjaro, em um certo dia acabou expelindo mais magma, caindo em cima de uma poça de água milhares de quilômetros distante. A colisão fez com que uma célula fosse criada. Esta célula acabou se replicando, e assim sucessivamente.

Como não tinham mais nada a fazer além de replicar, resolveram se juntar para ver no que dava. E assim surgiram as criaturas, tal qual no Spore. Essas criaturas, com o passar do tempo, criaram pernas e braços e resolveram povoar a terra. Foram desevoluindo até chegar nos macacos.

Certa vez, um macaquinho sem-vergonha encontrou uma gilete no chão, e resolveu brincar com o objeto, até se cortar todo. Outro macaco, rindo da cena, outro dia pegou no mesmo gilete e resolveu que aquilo deveria servir para outra coisa. Resolveu se depilar. Assim surgia o primeiro humano.

Recém-nascido de Botswana

Semanas depois, o primeiro humano, por sentir a falta de outra humana, resolveu ensinar uma macaquinha a se depilar. Então, formavam-se o primeiro casal de humanos, no local em que chamamos de berço da humanidade, mais especificamente, na África, em Botswana.

Pré-História[editar]

Enquanto não sabiam escrever, e enquanto não existiam outras coisas para se divertir, tais como a Desciclopédia, os humanos começaram a se multiplicar. Alguns mais, outros menos. Com o passar do tempo, começaram a desenvolver várias tecnologias inovadoras, como a matemática, a botanofilia e o idioma babuíno. Ao passo em que tais coisas ocorriam, as famílias começaram a sentir que aquela região era muito pequena, e resolveram partir para outros locais desconhecidos. Assim, desenvolveram os barcos para chegarem à Eurásia, e o avião para chegar às Américas e à Oceania. Quem sobrou, inventou a escrita para registrar o que ocorreria depois.

Idade Antiga[editar]

Com a região só para eles, o rei de 243 d.C resolveu povoar tudo, com a seguinte ordem:

Cquote1.png Bugaa UgaAAAAAA hhHAAAAArrr! Cquote2.png
Rei Botswani

Porém, por não existirem plaquinhas nem nada do tipo, delimitando as regiões, acabaram se instalando em locais como a África do Sul e Madagascar. E continuaram se espalhando, pelo Deserto do Saara até o Egito e Marrocos.

Idade Moderna[editar]

Como ninguém explicou que a África, e em especial, aquela região, não era uma coisa infinita, aconteceu que o povo - que agora é dividido em várias etnias, como os negros, os morenos escuros, os de cor, os zulus e os carvões - começou a entrar em conflito entre si.

Mais especificamente, no ano de 1864,32², as tribos Khar-Vam e Pleto-Nes resolveram sair do deserto do Kalahari, já que não tinha nada de interessante lá, fora os camelos e a areia fofa. Ambos foram em direção para o centro de Botswana, que no momento estava ocupada de holandeses.

Cquote1.png Ei, espere um pouco... O que holandeses estavam fazendo aí? Cquote2.png
Você

Soldado Holandês se Preparando para Morrer - Debret, Alho e Óleo, 1899

Eu não sei! Eu não era vivo naquela época. Bem, vendo aquele monte de africano atacando suas vaquinhas holandesas, seus pés de maconha holandesa e as moças de família holandesas, eles tiveram que pedir arrego na África do Sul, que no momento estava ocupada pelos britânicos. Como não havia carro nem nada, os britânicos demoraram 21 anos até chegar lá, tempo suficiente para que todos os holandeses fossem mortos, e que os invasores tribais tivessem fumado toda a maconha, facilitando para o lado dos britânicos, que anexaram todo o país sob sua proteção.

Século XX[editar]

Quando os britânicos resolveram fazer um mapa para delimitar seus territórios no continente, em 1910, perceberam que não era esteticamente bonito a anexação de Botswana como parte da África do Sul. Como lá não tinha nada mais que prestava, resolveram deixar que as tribos de lá se unissem e se auto-proclamassem independentes. A esta altura, a Primeira Guerra Mundial já acontecia na Europa, o que aumentasse ainda mais o desinteresse do povo de lá pelo sagrado solo de Botswana.

Atualmente[editar]

Desde então, o país não participou em nenhuma guerra com outro país, tanto porque ninguém se importa em invadir aquilo, tanto porque o Exército não possui armamento atualizado (os novos Estiligues de Cactus SC-45f ainda não chegaram).

Flag-map Botswana.png Botswana
HistóriaPolíticaSubdivisõesGeografia
EconomiaCulturaTurismo