Iris West

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
250px-Wario WWare.gif Este artigo é sobre um personagem secundário!

Quase ninguém sabe da existência deste zé ruela que só serve pra encher linguiça na trama e provavelmente está morto. Se bobear, nem no Google tá!

Clique aqui para ver gente que só fãs alienados conhecem.

Cquote1.svg Você quis dizer: Lois Lane Cquote1.svg
Google sobre Iris West
Cquote1.svg Você quis dizer: Mulher do The Flash Cquote1.svg
Google sobre Iris West
Cquote1.svg Já comi! Cquote2.svg
The Flash sobre Iris West
Cquote1.svg Eu também! Cquote2.svg
Lanterna Verde sobre Iris West
Cquote1.svg Mas que caralho, Hal?! Pensei que tu era meu parceiro! Cquote2.svg
Flash puto sobre Lanterna Verde
Cquote1.svg Calma, rapazes! Eu dou pros dois! Cquote2.svg
Iris West sobre as citações acima
Cquote1.svg Já tentei comer, mas não deu certo... Cquote2.svg
Professor Zoom sobre Iris West

Iris West é a mulher de Barry Allen, o O Feixe. Ou seja, ninguém dá a foda para ela, pois não basta ser secundária, ela é secundária do Flash! Aparece de vez em quando para dar apoio moral ao corredor escarlate.

O passado (ou seria futuro?)[editar]

Iris West lavando a roupa suja do marido.

No século XXX, estava ocorrendo vai ocorrer uma guerra nuclear em Central City. Diante disso, um cientista (equivalente a pedreiro no século futuro) e sua mulher que havia acabado de dar à luz uma garotinha estavam escapando vão escapar do holocausto e encontram uma máquina do tempo de autoria do cientista. Vendo que só havia espaço para uma pessoa, o cientista sugere que a mulher vá com a filha. A mulher recusa e bota somente a filha lá, e fica com o marido.

Acho que já vi essa história antes em algum lugar...

Chegando ao presente, a menina é encontrada por, olha que coincidência, um cientista falido chamado Ira West, que estava chateado pois o filho dele que estava prestes a nascer de sua mulher (ora, seria de quê?) foi cagado para fora quando a garota se materializou no nada. Sendo esse o universo DC, em vez de ficar com um puta cagaço, ele adotou a garota e colocou o nome dela como uma auto-homenagem: O nome que está no título do artigo.

Agora, finalmente ele poderia viver feliz com sua família!

... Aí a mulher dele morreu.

Tá foda essa vida, hein?

Mais tarde, Iris iria descobrir toda essa história e passaria a visitar seus pais verdadeiros do futuro regularmente, até começar a morar lá definitivamente com seu marido mongolzão.

Vida adulta[editar]

Profissão e namoro[editar]

Sendo ela mulher de herói na DC Comics, ela tinha três possibilidades de carreira: Ser heroína, ser jornalista ou ser nada. Ela escolheu a segunda opção pois era a única que dava dinheiro. No meio disso tudo, ela conheceu um cara muito lesado, mas que de alguma forma conseguiu se tornar doutor em Química. E foi por causa da química que os dois começaram a namorar, pois de outra forma ela simplesmente mandaria o cara ir se foder. Era o Barry Allen, ainda sem ter conseguido os poderes de correr pra caralho.

Por mais que o namorado se atrasasse um pouco para os encontros, ela gostava do rapaz. Embora ela dedicasse mais homenagens ao Flash durante as suas noites solitárias.

Casamento[editar]

Iris West foi uma das primeiras mulheres a se casarem com um herói na DC quando o mesmo ainda não havia se tornado um velho cansado. O fato é, porém, que o casamento quase não ocorreu, porque o seu esposo, mesmo sendo o homem mais rápido do mundo, é também o mais lento do mundo e, por isso, demorava para pensar pensar nisso. Mas, enfim o dia do casamento chegou. E ocorreu tudo bem, o padre mandou os dois prometerem que não vão se prostituírem e disse se alguém tem uma objeção fale agora ou cale-se para sempre, essas coisas clichês, é óbvio que nada diferente ocorreria.

Eis que subitamente aparece um herói de vermelho e amarelo dizendo que ela estava casando com o homem errado! Aquele que aparentava ser Barry Allen era na verdade seu arqui-inimigo do futuro, Professor Zoom!

É, sem que Iris soubesse, Barry Allen, o Flash, tinha sido enrolado pelo seu rival, Flash Reverso, que queria tomar o lugar do tal e comer sua esposa. Os dois velocistas brigam, o viado do futuro retorna para lá de onde ele nunca deveria ter saído, e Barry casa com sua amada. Finalmente eles podiam transar em paz!

Curioso é notar-se que Barry não contou para Iris que ele era o Flash. Ele demorou um ano para contá-la e quando ele contou, ela disse que já sabia disso desde a primeira Lua de Mel deles. Como? Não, não é porque ele é demasiadamente rápido demais na cama, é porque o loiro fala dormindo. E sejamos francos, um dos poderes do Flash é atravessar objetos sólidos, então durante aquela noite duas coisas realmente ocuparam o mesmo lugar no espaço.

Ver também[editar]

v d e h
O incompreensível mundo do Universo D.C.