Jabaiano

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Jaspion metaltex.jpg

Made in Japan
Este é um artigo com tecnologia do sol nascente né.
E usa um uniforme azul com desenhos vermelhos ou azul claro no Sakka.

Nova Bandeira da Bahia-Desciclopédia.PNG Colé moral, essi negoçaqui é da terra do dendê. O tio qui feiz issáqui é cuncerteza baiano, intõ, sinhá disgraça de lá do sul da minha caceta, num méxi nas porra daqui nã, vu? Ô vô rumaladsgraça e inda chamo a barrêra pá ti pancá, seu comédia.


Jabaiano é um homem com os olhos quase fechados, dotado de pênis minúsculo e grande pequena capacidade mental. Diferente dos japoneses, o jabaiano possui cabelo ruim, audição limitada, e acredito que vivem até os 40 anos na casa de seus pais. Não conseguem se desligar de hentais, e relacionamentos on-line, como é parte dos seus antepassados (os japoneses abrasileirados).


Origem[editar]

Os jabaianos geralmente são feitos em dias chuvosos, debaixo , de um padrão de energia. Durante o coito que quase não ocorre, por já conhecermos os impecilios, é feito em pé. É o cruzamento genetico entre um japonês e uma baiana. Estimamos que a chance do nascimento de um jabaiano seja de 1 em 100.000. Lembrando que para que o processo de procriação dê certo, deve se seguir o processo acima.


Comportamento[editar]

Geralmente é um consumista em potencial. Não consegue se desligar do seu gadget, a procura de promoções (bastar ter o nome promoção na frente do anuncio).

Os finais de semana geralmente são passados na frente do seu console, isto mesmo, console (não é consolo). Não basta apenas curtir hentai, mas também conseguem ficar ligados a um console por até mesmo 36 horas consecutivas sem esforço algum. Uma curiosidade interessante é que eles fazem estoques, dentro de gavetas especificas em suas tocas (ou mais conhecidos como quartos), possuem mantimentos para um mês inteiro. Havendo casos que seus progenitores, não conseguem dizer se sua cria ainda está viva. Eles procuram viver no escuro, comendo, e nunca incomodam ninguem.

Geralmente quando conseguem encontrar um trabalho, são aplicados até certo ponto (comodismo), evitando contato com os colegas de trabalho alegando surdez, ou apenas conectando seu gadget aos fones de ouvido.

Possuem audição seletiva, ou seja, só escutam o que lhe convém e que é interessante.

Não há relatos de agressividade, são doceis, e educados, as vezes lhe atribuem nomes simbolicos de origem japonesa. E até mesmo de grandes executivos no ramo de generos alimenticios a base de milho ou amido.

Houve relatos que, sobre grande stress, começam a passar mal quando se sentem ameaçados, e são facilmente manipulaveis. Possuem um processo de defesa igual aos das grandes cobras, recogitando o alimento ingerido nas ultimas horas ao fato ocorrido.

Geralmente possuem um senso de humor um tanto quanto psicopata, piadas sempre envolvem a morte de alguem. E seus colegas de trabalho sempre se sentem inseguros, imaginando que realmente ele acabe virando um psicopata e matando todo mundo.


Alimentação[editar]

Se alimentão com a base de sua outra linhagem, a parte baiana, adoram farinha com tudo, na verdade a base da alimentação deles é farinha (farinha com alface, farinha com macarrão, farinha com farinha). Parecem pedreiros na hora das refeições, o prato sempre parece menor do que realmente é. Geralmente se a carne não estiver pingando gordura, não estã nos padrões para consumo destes seres peculiares.

Relacionamentos[editar]

Como seus antepassados japoneses, são muito ligados a hentais, e relacionamentos on-line (badoo,tinder etc). Porém há casos que eles criam laços com seus colegas de trabalho, namoram por anos sem que seu parceiro tenha conhecimento real do relacionamento. Se apaixonam extremamente facil, e não se magoam nunca, pois sabe que melhor lugar para fantasias são na sua cabeça.

Observação Final

Tirando todo o lado ruim, são seres muito bons para se conviver.