Jardinópolis (São Paulo)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome-searchtool blue.png Jardinópolis (São Paulo) é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Esse ano chegou internet lá... Internet discada.

Sciences de la terre.svg.png
Carroca1.jpg Enxada-2.pngEsti artigu é caipira, sô!!Enxada-1.png

Este tar di artigu pareci caipira, foi escritu purum caipira, ô ele é de fato
CAIPIIIIRRA!!!

Num istraga eli naum, si não nóis crava a inxada pra riba docê!


Cquote1.png Você quis dizer: Simioni Cquote2.png
Google sobre Jardinópolis (São Paulo)

O que seria essa porra?[editar]

Você sempre se perguntou o que havia dentro daqueles barracos de Jardinópolis não é? Não, que coisa inútil Só mesmo nesse buraco pra ter um sofá de batatas. Pobre é foda.

Jardidrogas, também conhecida como Jardinópolis, é uma cidade feudo corrutela que fica na região de Ribeirão Preto, sendo na prática quase como um bairro de lá.

Este lugarejo é conhecido por ser um refúgio, em especial para os doidos, os malandros e pobres provenientes da "cidade" vizinha, que em geral sofrem de graves problemas mentais, por conta do uso de Gardenal, Maconha, Cocaína, Gatinhos e Crack, dentre outras tantas drogas.

O fato é que este lugarejo é conhecido como a cidade-presídio por ser um lugar de difícil acesso, coisa comprovada pela distância da mesma das pistas que saem de Ribeirão Preto.

Maiores feitos da cidadela[editar]

A cidadela é conhecida por ser um prolongamento dos bairros populares de pobres provenientes de Ribeirão Preto, sendo que em especial por estar próxima do Acre, chega a ser considerado quase como se a mesma não existisse.

O fato é que a cidadela é tão distante dos centros urbanos que nem sequer a Telefônica funciona por aquelas bandas, fato que ainda hoje é desacreditado por muitas pessoas que não conhecem o lugarejo.

Além disso, há informações provenientes do jornal "Acidente" que dizem que há planejado para a mesma a construção de 4 presídios, especialmente dedicados a abrigar os bandidos mais perigosos do país, tais como Fernandinho Beiramar, Suzane Von Richthofen e Marcola.

Ainda que nada disso ainda esteja confirmado, hoje em dia já há especulações de que já há em construção um presidio de segurança máxima para abrigar os bandidos da cidade, que segundo as revistas de fofoca, já perfariam mais da metade da população da mesma.

Também é conhecida por feitos nada comuns, aposentadoria de pangaré e criação de discos voadores com o único intuito levar seus habitantes para a capital Acre.

O nome original "Gadernápolis" é proveniente, na realidade, da quantidade de doidos que moram na "vila" e que necessitam tomar o Gadernal. Entretanto, como a nomenclatura foi tomada como pejorativa, os próprios moradores da cidadela, não contentes com tal termo, deram um migué, passando a chamar a região de "Jardinópolis", afirmando que o nome "Gadernápolis" na verdade teria se originado da palavra "Garden" (do inglês, Jardim), e não de Gadernal.

Quem mora lá[editar]

Os tipos que podem morar lá (ou não) são os seguintes:

Como vocês podem ver, esta é uma cidade que é uma atração turistica apenas para os masoquistas (ou não).


Dado Dolabella diz que este artigo é um esboço que traiu o movimento punk.
Faça que nem o João Gordo e mande-o SUMIR DAQUI!