La Toya Jackson

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Big foot-girl.png Este artigo pode levar-te para o Lado Azul da Força!

Este artigo contém fatos sobre sapatas e coça saco imaginário.

Tatu 7.jpg
Elavamosnos.gif Este artigo é sobre uma bruxa!

ou algo tão feio e horripilante quanto uma bruxa...

Ajude este artigo invocando o outro gato Satanás.

Cquote1.png Você quis dizer: Plastificada Cquote2.png
Google sobre La Toya Jackson
Cquote1.png Experimente também: Michael Jackson Cquote2.png
Sugestão do Google para La Toya Jackson


Latoya sem photoshop

Historia[editar]

Latoya Jackson nasceu em 300 antes de Cristo, nesse tempo ela já tentava ser uma imitação barata (e plastificada) do Michael Jackson, com 380 anos ela junto com seus irmãos e alguma pessoa que ninguém conhece Latoya fazia um programa de domingos e se achava a rainha da cocada Preta. depois em 1976 tentou seguir carreira como seu irmão Michael Jackson, e fez uma música (que ninguém se lembra ou sabe ao menos o nome), Latoya fez um clipe de 20 minutos (o clipe era tão chato que as pessoas dormiam após 5 segundos de iniciação) que Latoya resolveu lançar um CD e fez sua primeira plástica a do nariz de Michael Jackson fez 20 plásticas até conseguir o nariz de plástico versão black.

Latoya pedindo seu copo de cachaça

A morte com o rei do pop[editar]

Latoya diz que sabe de muita coisa na morte do rei do pop, mais na verdade foi ela que matou com sua caixa de disfarces mal feitos ela se mascarou de médico do rei do pop pra ser a principal Rainha - rei do pop.

Objetivos[editar]

  • Matar Madonna
  • Gravar outro cd depois de décadas sem lançar um (que seja suportável)
  • Vender 20 cópias
  • Matar a Janet Jackson

Single Home (casa)[editar]

o single que ela revela tudo que ocorreu na casa do Michael, desde quando o médico (ela) matou o rei do pop, Latoya tenta dar uma de boazinha imitando Britney Spears em 1999, nesse meio tempo ela mostra uma garotinha que como se fosse ela (coitada da criança) quando pequena, ela se balança, brinca de esconde-esconde com si mesma, entra na casa da árvore ou seja um clipe que vai ficar na história dos cheiradores de gatinhos (nenhum ser vivo - exceto Latoya - sofreu agreção física ou mental - exceto a garotinha).