Lambada Escandinava

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Three blind mice lg nwm.gif Não tou vendo imagem nenhuma aqui? E você tá vendo?
Por favor, tire a cegueira dos nossos três amigos e coloque novas imagens aqui. Ou chame um curandeiro pra isso.
Viking.JPG Ek est årtikkel Norsk!

Este artigo desfruta do melhor IDH do mundo! O autor bebe hidromel, ouve black metal, nada em petróleo, é descendente de vikings e mora perto de um fjord.

Lembre-se que foi Leif Eriksson quem descobriu a América.

Cquote1.png Você quis dizer: Lambida Escandinava Cquote2.png
Google sobre Lambada Escandinava

A Lambada escandinava surgiu na Suécia, através do ilustre Joán Ångström Martinez de la Costa.

Descrição segundo Joán Å. Martinez de la Costa[editar]

O ritmo envolvente da lambada escandinava causa nas pessoas um efeito muito mältid-framgång. Aqueles que deixam o corpo bailoar como um förtjäna são muito gutår skål, no entanto hälsakking sundjøt, por definição, ao mesmo tempo ylipsnål i sølv og med både me deixa louco!

Forväntaa kjør bygga maå o movimento.

Levnad lycklig, amigos!

Hino da lambada escandinava[editar]

Letra de Paranauê paranauê Estocolmo

Paranauê, Paranauê, Estocolmo

Jag kommer att berätta för min fru, Estocolmo
Capoeira jag vann, Estocolmo


Hon bröt att företaget fot, Estocolmo
Detta har inte skett, Estocolmo


Ô Paranauê, Estocolmo, Estocolmo,
Paranauê, Estocolmo


Och sommaren att Hill, Estocolmo
Flyttade till staden, Estocolmo


Det har Batuque varje dag, Estocolmo
Mulata kvalitet, Estocolmo

Grandes nomes[editar]

  • Adolfo Ljungbergsson
  • Stig-Daål Melendez
  • Manolo "El Diablo" Gronkjsson
  • Lindberg Morales de los Ríos
  • Francisco Hernández Hjërnedød y Hjërnøded

Instrumentos Tradicionais[editar]

Hakon Svedgeborg Ñaparriquoretaz-Mallorca desenvolveu variações na corrente de campo harmônico menor em utilizando apenas um caco de fio-dental embebido em hidromel com leite de lhamas, que variavam suas tonalidades do marrom glacê para piruetas mentais em isotermas da linha do metrô.

Alfredo Enrique Sosa-Ånvtergaards e seu fagote transparente com palheta dupla, esbanjando o quinto harmônico.

Clarineta Svarahlberg-ångstrom, de Lucho Svarahlberg foi um marco na Scandinaviskalåmbad nos anos 80. Este grande sueco (na minha opinião o maior, excetuando-se os Norgestomb (como era chamados os lambadistas noruegueses - também conhecidos como "Los Norgeablos", na cidade montanhosa de Lillehammer, de onde vieram muitos dos grandes nomes da Norskenlambåd)