Libra (cantor)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gothar.jpg Este artigo foi possuído e agora é seguidor do Arquiduque das Trevas e Imperador do Mal,
Lord Göthar Tenebrian
.

Vamos desejar e admirar o Profeta Tenebrian!

Cquote1.png Louvem-me, aceitem o Goticismo!!! Cquote2.png


Bolsa delícia.jpg CRIME OCORE NADA ACOTECE FEIJOADA

Aí, mermão, este artigo aqui, ó, é brasileiro, tá ligado? Só fala de futebol, come feijoada, exporta travestis, puxa o saco dos EUA, paga imposto pra caralho e põe a culpa no governo pela corrupção da sociedade.


Cquote1.png ah!!!!! AxXx MuSicaxXx DEle SAUM Mtu FOfINHaxXx!!!!! Cquote2.png
Emo sobre Libra
Cquote1.png Oi, como vai você? Cquote2.png
P.C. Siqueira que não tem nada a ver com esse artigo sobre Libra
Cquote1.png Você traiu o movimento emo pseudo-gótico, véio!!! Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Libra

Não é emo?

Libra (Jacinto Ferdinandez da Silva) é um cantor emo pseudo-gótico brasileiro que, por não saber ingrês, resolveu cantar em português mesmo. Não passa de um emo enrustido, mas continua pensando que é gótico.

Porque "Libra"?[editar]

Libra é um artista solo brasileiro que intitula seu estilo sonoro como "Dark Rock". Influenciado por estilos como o Gothic/Doom Metal (Paradise Lost, My Dying Bride, Anathema) e o Pop Eletrônico da década de 80 (A-Ha, Depeche Mode, Duran Duran), Libra lançou em agosto de 2008, pela gravadora Sony Music, seu primeiro CD intitulado "Até Que A Morte Não Separe". Seu nome é "Libra" porque ele é libriano. Dããããh...

História[editar]

Libra entrou no mundo da música aos 4 anos, quando ganhou o primeiro teclado de seus pais. Aos 8 começou a fazer aulas de piano, mas logo largou por pegar um certo trauma das partituras. Os próximos passos foram aprender, sozinho, a tocar teclado, guitarra, baixo e bateria. Durante a infância, Libra ouvia muita trilha sonora de filmes e era um grande admirador do trabalho de John Williams. Ao mesmo tempo, já ouvia pop europeu, como A-Ha, Depeche Mode, David Bowie. Com cerca de 13 anos, Libra começou a ouvir heavy metal e música mais pesada. Foi quando começou a aprender a tocar guitarra. Durante esta época teve bandas de heavy e death metal. Uma grande transformação em sua vida veio aos 15 anos, quando ele conheceu a banda Paradise Lost, uma grande influência no seu trabalho artístico até hoje.

Discografia[editar]

Até que a Morte não Separe é o álbum de estréia do cantor brasileiro de dark rock, Libra. Foi lançado em 30 de Agosto de 2008, pela Sony Music.


  • Disco - Até que a Morte não Separe

1. "Intro" (Instrumental) 2:03

2. "Sangue Frio" 3:33

3. "Eu Sei" 4:12

4. "Desaparecer" 4:21

5. "Âncora" 4:18

6. "Cinderela" 3:50

7. "Eletricidade" 3:43

8. "Na Minha Pele" 5:13

9. "Quando O Mundo Acabar" 4:04

10. "Ninguém Ama Ninguém" 5:02

11. "Passagem" (Instrumental) 3:11

12. "Meu Inverno Nunca Vai Ter Fim" 6:00

13. "aDeus" (Faixa Escondida) 5:41

Ao se observar o teor das musicas, constata-se que ele é meio psicótico.