Maserati

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Um maserati passeando na floresta.

Maserati é uma marca de carros italiana muito conhecida por seus preços astronômicos e por criar apenas carros que tentam ser esporte (alguns até conseguem) que mais tarde são usados para atrair interesseiras possíveis esposas para homens ricos. Por isso, você nunca terá uma namorada enquanto não tiver um maserati...

Sim, eles me pagaram para fazer essa propaganda...

História[editar]

A empresa foi fundada em 1 de dezembro de 1914 pelos irmãos Maserati (outra empresa de família narcisista, pra variar...) com o nobre objetivo de desenvolver carros que superassem a Ferrari, porém, ocultando uma birrenta motivação: os irmãos tinham muita inveja de Enzo Ferrari porque ele sempre ganhava os rachas que disputavam com seus carrinhos de rolimã pelas ruas de Bolonha. Isso até foi a inspiração do primeiro protótipo, um carro movido a Toninho molho à bolonhesa para que o carrinho deslizasse legal nas ladeiras e finalmente desse uma vitória aos Maseratis. Não pera, isso é o trauma...

Hoje em dia[editar]

Este carrinho da Hot Wheels possante é mais caro do que você pensa...

Atualmente, a Maserati faz carro só pra gente rica, o que não é surpresa, visto o revanchismo com a Ferrari e o fato de que molho à bolonhesa demora pra caralho pra fazer, aumentando o valor agregado do produto, igual acontece com os vinhos e as MILFs. Logo, é melhor esquecer esse sonho de consumo se você não tiver, no mínimo, as mesmas condições financeiras do Rei do Camarote na balada ou do Eduardo Bolsonaro almoçando.

Outro marco da empresa também foi ser pioneira em cópias, pois utiliza os mesmos motores da Ferrari (e a obsessão continua), então, se você quiser um carro com o poder de luta de uma ferrari e com a metade do preço, esse é o seu carro.

Nas ruas[editar]

Um maserati maligno querendo te atropelar. Esse é o motivo da Maserati não pôr mais inteligência artificial em seus carros...

Um maserati se destaca por fazer qualquer um virar o pescoço ao ver passar, alguns inclusive viram em 180° igual a uma coruja e morrem, no entanto, o sonho de anos da marca foi (e continua sendo) conseguir chegar os pés da Ferrari, o que, segundo muita gente que eu não conheço, é missão impossível. O icônico tridente encontrado no escudo é responsável por fisgar mentalmente seus compradores, fazendo com que eles fiquem possuídos pelo carro, a menos que o comprador seja alguém muito evoluído pra ser dominado por lavagem cerebral...

O sucesso[editar]

A marca faz sucesso na copa Maserati, o que é bem decadente, pra falar a verdade da qual o cozinheiro Edu Guedes participa, aproveitando o melhor do tempero italiano no motor do carro (ou a pura sorte do tempero batizado com o nome dele casar bem com molho à bolonhesa, sei lá). Outro destaque foi convencer os compradores da BMW a largar do sauerkraut e se apegar a um buon fettuccine alfredo, pois é a Maserati que tem carros com verdadeiro "cu-ore" esportivo e "cu-lhões" pra proporcionar o que um cliente da BMW realmente quer: pegar mulher.