MeruPuri

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Humm... Boiola!
MeruPuri chupa um picolé!

Este é um típico artigo Yaoi, que menciona coisas gays que só gays yaoístas curtem. Se você é cabra omi e odeia Yaoi, NÃO LEIA este artigo, pois ele pode levá-lo para o lado rosa da força, mas se carapuça serve, sente, digo, sinta-se à vontade.


Kawaii!!^^
Nyaaa!!!
MeruPuri é algo relacionado a Shoujo

MeruPuri passou a série inteira tentando beijar com um loirinho e quando conseguiu ficou chorando por 50 horas.
Não tente vandalizar, ou Haruhi vai te perturbar em seus sonhos.

NewBouncywikilogo.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: MeruPuri.


MeruPuri
めるぷり メルヘン☆プリンス
Merupuri01.jpg
Que lindo
Gênero Shoujo, Gay
Mangá
Autor Hino Matsuri
Divulgação Hakusensha
Onde sai Nas bancas
Primeira publicação 2002
N° de volumes 4
Anime
Dirigido por Ninguém
Estúdio Nenhum
Onde passa Nem no Acre
Primeira exibição Nunca
N° de episódios Não há anime
Filmes
OVAs

Cquote1.png Você quis dizer: MelôPuro Cquote2.png
Google sobre MeruPuri

Cquote1.png Nyaaaaaaaaaaaaaa!Lindos,kawaiis S2 d+ <33333333333!!! Cquote2.png
otaka sobre bichonas bishounens de MeruPuri

Cquote1.png Que porra é essa?Prefiro Naruto! Cquote2.png
Algum guri qualquer sobre MeruPuri

Cquote1.png Meru meru mei! Cquote2.png
Cavalinho doido do Zatch Bell sobre MeruPuri

Aili olhando com uma cara de interssada para o pedido do embrião pequeno Alam

Meru meru mei! MeruPuri,ou Marchën Prince ou MelôPuro,ou até MerdaPura,como você preferir,é um mangá miojo shoujo que conta as aventuras de uma guriazinha noveleira chamada Ali na China Aili Hoshina que quer casar com um cara lindo e maravilhoso e viver com ele eternamente como uma trouxa graciosa dona-de-casa,até que um dia conhece um guri fofo que possui uma "maldição":quando fica no escuro vira um rapazote de 17 anos, e aí só pode voltar ao normal com um beijo de eu verdadeiro amor.E adivinha quem é esse verdadeiro amor:Aili! MeruPuri,além de ter essa apologia disfarçada à pedofilia,tem um elenco lotado de bichonas bishounens,que são rapazes bonitos de anime/mangá, e não raramente mais magricelas que modelos.

História[editar]

Aili sem saber se vai desmaiar ou não com tanta opção (se bem que o moreno não conta,ta aí só pra não ficar tanto branquelo...ah e o loiro de cabelo liso não conta também...)

Aili Hoshina,de 15 anos,é mais uma protagonista menina-retardada-sonhadora de shoujo,que é viciada em uma novela chamada "Um Casamento no Campo",e de tanto ver a tal novela,quer porque quer um cara lindo de morrer e que a aguente até a morte,até que um dia,quando ia para escola,deixou cair um espelho que é a herança de sua tatara(tatara?)avó.Quem o pegou foi um garotinho de 7 anos chamado Alam,que é o princípe do reino encantado de Aster,mas o garotinho era muito arrogante (também,tinha que ser princípe) e xingou a garota de plebéia.A menina foi saindo toda braba e só se lembrou de catar o espelho de volta minutos depois.Estranhando o fato do garoto ainda ter estado naquele lugar,convida-o para sua casa,já que ela andava se sentindo muito solitária,pois seus pais viajaram a trabalho.Apenas algumas horas na casa dela e o moleque já havia se viciado em omelete de arroz e Poke Rangers (uma imitação paraguation de Power Rangers,é crianças realmente são facilmente maniipuladas...)!E pra piorar tudo,aparece o pajem de Alam,Lei RipilicaRipli,que logo à primeira vista,não vai nem um pouco com a cara de Aili (enfim,esse cara tem cérebro...).E mais tarde,aparece também o irmão de Alam,Jeile,um mulherengo cujas cantadas lembram mais trechos de algum livro do José de Alencar,e ainda por cima,é metido a feiticeiro fodão,apesar de não fazer nada direito e ser burro feito uma porta.Acontece que ele acaba se apaixonando pela Aili também,tanto é que Jeile adora chamá-la de "virgem dos lírios". Enfim, o mangá gira em torno de Aili e sua relação com Alam,cujos laços,à medida que vão se estreitando,vão deixando o pessoal da realeza de Aster putos da vida,pois Aili,além de ser sei-lá-quantos-anos mais véia que Alam,tem uma tataravó que na verdade,é a traidora do movimento família Ae Daemonia Eucaristia,véio!,por ter fugido de um casamento arranjado (daqueles casamentos de Idade Média pra fortalecer reinos) pra viver com o seu verdadeiro amor (oohhhh,que lindo!).

Personagens[editar]

Ali na China Aili Hoshina[editar]

É a protagonista da trama,viciada em novelas e coisas fofas,é descendente de uma família real do reino mágico de Aster e...bem ela gosta de um colega da sua sala chamado Nakaooji...e...ela e o Alam viram um casalzinho depois...e...puta que pariu,que personagem mais sem graça, o que eu falo mais dela...hmmm...deixa eu ver...há sim mais duas informações muito relevantes:ela possui dois cachorros e a coleção completa da novela Um Casamento no Campo (sua novela preferida) ,incluindo o especial de TV de 5 horas de duração!

Alam Ai da demônia da eucaristia! Aster Ae Daemonia Eucarystia[editar]

Alam fazendo um ensaio sensual pra uma revista yaoi

Príncipe esnobe,arrogante e meio tarado de 7 anos que no início chama Aili de plebéia respondona,mas depois começa a gostar tanto dela que antes de dormir no quarto de Aili,chega a se transformar em rapaz com o poder das trevas (mwahahahahahahahahahahaha!!!!!!!!!) tira a roupa e vai dormir na mesma cama dela (e isso é só o começo das taras dele).Também é viciado em omelete de arroz e Poke Rangers e adora ficar posando peladão,às vezes em sua forma de criança mesmo.

Jeile Aster Ae Daemonia Eucarystia[editar]

Irmão de Alam,é um tarado mulherengo que por um trauma de infância que explicarei mais adiante,sai oferecendo rosas pra todas as mulheres que acha bonita,tanto é que no castelo onde mora em Aster ele possui umas 10 escravas sexuais e empregadas,que hipnotizadas pela beleza dele,fazem qualquer merda que ele pedir.Apesar de Aili normalmente ser uma típica guria lesada de shoujo,ela é a única que não foi trouxa de cair na dele,chegando a dar socos e pontapés em Jeile,sempre depois dele dar uma de suas cantadas "infalíveis". Foi ele quem lançou o feitiço que faz o Alam crescer apenas no escuro e perder seus poderes nesse período,que na verdade foi mais uma tentativa mal-sucedida de vingança,já que Alam saiu na porrada pra cima dele,pois este o afogou de apertões nas bochechas e abraços excessivos por anos (também pudera,imagine você tendo um irmão assim...) Quanto ao trauma de infância,Jeile,quando era mais novo,havia oferecido uma rosa para uma garota pela qual tinha se apaixonado perdidamente.Quando chegou o dia de se apresentarem formalmente,Jeile acabou descobrindo que aquela bela garotinha,na verdade era um GAROTO, que ainda por cima,trabalharia para a sua família como pajem, e esse pajem é justamente o Lei Ripilica Ripli!!!!!

Fazendo sacanagem num mangá pra menininhas,issu num pódi'!(se você ampliar a imagem,vai ver que o Alam tá quase metendo a língua no zoião da guria)

Nakaooji[editar]

Colega de escola da Aili,é digamos assim,"o cara perfeito":bonito,educado,popular e blá,blá,blá,blá,etc.Aili chegou a gostar dele antes de conhecer o garotinho 2 em 1,tanto é que Nakaooji chega a pedí-la em namoro,mas o guri nessa hora estraga tudo se transformando em rapazote e fala pra tirar o zóio que ele já era dono dela.Aí o Nakaooji fica puto da vida e vira inimigo mortal do pirralho.Acontece que o cara,na verdade,é o grande mago do reino de Aster.Provavelmente deve ter vazado de lá de tanto trabalho que tinha pra fazer.

Esses dois são um lóoosho,querida!(ui!)

El HazardZelothyia Razard[editar]

Primo de Alam e Jeile,juntamente com Lei,fica fazendo tramóias pra separar o casal principal da história.Se acha o fodão só porque é o único moreno na trama (não é branquelão que nem os outros) e ao mesmo tempo que tenta separar Aili do Alam,fica tentando acabar com a raça dela de vez e nunca consegue porque o príncipe encantado sempre aparece pra salvar sua donzela.

Hezekiel Lei-Ripli[editar]

É o pajem do Alam,se finge de preocupado,mas não está nem aí pra ele,quer mais é meter a mão na grana e vive puto da vida com a Aili por ser a descendente da mulher que ferrou com todo o reino de Aster pra fugir de um casamento arranjado (e é pelos mesmo motivos que Razard quer mandar ela pra PQP também).E quer porque quer casar Alam à força com uma menininha chata de nariz empinado que mais parece uma bonequinha encapetada (mas pelo menos é da idade dele...).Tanto é que no número 3 dá uma caixinha pro Alam de presente,que na verdade é um porta-cérebro sugador e acaba sugando quase todo o cérebro dele, e ficou um tempão sem lembrar de qualquer coisa que tenha tido com a Aili.

Maria Crisbelle[editar]

Pirralha chata e mimada que era o par oficial de Alam,ou seja a escolhida pela realeza.Mas no final acaba é quebrando a cara,já que Aili e Alam ficam juntos.Saiba mais detalhes sobre o final feliz fofuxo de MeruPuri a seguir.

Conclusão[editar]

O casamento[editar]

Aili consegue a caixinha de lembranças do Alam de volta,já que o amor entre eles era muito forte (é sério!Acho que uma certa Matsuri Hino tava meio sem ideias quando bolou esse mangá),então o Razard tava lá e acabou desistindo de atrapalhar os dois, e como já estava ficando enojado com aquela cena,catou um pássaro gigante e saiu voando. Aili é levada pelo Alam à realeza Ae Daemonia Eucaristia para ser aceita, e assim ele poder casar com ela.Depois de uma série de provas,entre as quais "corrida na piscina de 1000 litros",concurso de comer churrasco grego" e "maior velocidade na dança do créu",Aili infelizmente felizmente passou nas provas e se casou com Alam.

A escola de magia[editar]

Pô Ali na China,tu não se contenta só com um não?

Pra não ficar excluída da zelite macumbeira de Aster,Aili é meio que obrigada à ingressar na escola de magia de Hogwarts,cujo melhor professor é justamenter o Jeile,ou seja o que mais se vê nas aulas é meninas babando ao ver o tal professor escrevendo na lousa em vez de prestar atenção.Mas o pior nisso tudo é que,em uma das aulas, o professor vira um menininho (ou seria uma menininha aquilo?) e pede um beijo da Aili pra voltar ao normal,os dois aí brigam,brá,brá,brá aí Aili fica tão empolgada com tanta fofura que faz os dois se darem uns pega "acidentalmente".Ah e como não poderia faltar num típico shoujo,Hoshina ganha um báculo gigante e um vestido ridículo pra fazer poderzinho e conseguir voltar pro mundo dela quando quiser.

Anos depois...[editar]

Alam enfim,está com 17 anos, e Aili apesar de já ter uns 30,aparenta ainda ser aquela guria retardada de sempre.O motivo?Simples!Acontece que além de ela ser descendente de uma mulher de Aster,ela é também descendente de Sayajin (afinal passam-se anos em Dragonball e o Goku e o Vegeta não envelhecem nunca...),pois a grande verdade da mãe de Aili é que ela tinha também tido um caso com um Sayajin quando já tinha acabado de engravidar (mas o marido não ficou sabendo disso). Apesar de Alam ter crescido,Hoshina sentia saudade de dar uns agarra naquele corpinho minúsculo e pediu pro Jeile fazer uma macumba pra ele encolher toda vez que ele ficasse no escuro.

Um número bônus de MeruPuri que só foi lançado no Japão em que Alam e seu irmão tem um caso

Ver também[editar]

  • shoujo - se algum dia esse artigo vir a existir,claro
  • pedofilia
  • Zettai Kareshi - afinal também trata-se da história de uma menininha bocó que do nada,ganha também um rapaz magricelo ninfomaníaco que tá sempre peladão.