Miata (Claymore)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Miata
Cquote1.pngOlhos de SangueCquote2.png
Miata2.jpg
A mais sanguinária das Claymore
Informações inúteis
Classificação Claymore, Digíto único
Ranking Claymore 4
Técnicas Matar mais de mil
Parceiros Clarice
Status Atual Foragida
Símbolo Miatarank.png

Cquote1.png Você quis dizer: Ophelia Cquote2.png
Google sobre Miata (Claymore)
Cquote1.png Experimente também: Pirralha Psicopata Cquote2.png
Sugestão do Google para Miata (Claymore)
Cquote1.png Sai! Chispa! Cquote2.png
Clarice sobre Miata.
Cquote1.png Ela me lembra alguém... Cquote2.png
Ophelia sobre Miata.
Cquote1.png Será que toda número 4 da organização é assim? Cquote2.png
Miria sobre Miata.
Cquote1.png Miata, I am your father! Cquote2.png
Gatts sobre as semelhanças entre ele e a guria.
Cquote1.png AAAAAAAAAAAA!!!! Cquote2.png
Youma ao encontrar Miata.
Cquote1.png Não é a mamãe! Cquote2.png
Baby Miata sobre qualquer um.

Miata, alcunhada de Miata olhos de sangue é mais uma personagem loirinha do anime de tendências, extremamnete visíveis, yuri Claymore. É a versão futurista e ainda mais pirada da Ophelia, morta previamente, isso sem falar nos surtos emo que ela sempre dá.

Miata na infância.

Começo[editar]

Como toda boa história a de Miata, também inicia-se no começo. A pequena Miata nasceu numa casa como qualquer outra no incrível mundo de Claymore, ou seja, ela nasceu num barraco, sem luz elétrica e tendo de contentar-se com um sistema econômico de subsistência que ainda não foi devidamente especificado na história, afinal de onde aqueles vilarejos tiram dinheiro? Mas isso não deve ser tratado aqui, ou não.

Miata quando nasceu era o xodózinho da mamãe, era vestida com aqueles vestidinhos repletos de babados, tratada com creminhos, brinquinhos, tudo do bom e do melhor. A garota era tão mimada ao ponto de combinar todas as roupas de forma perfeita. Mas num triste e enevado dia do mais árduo verão um Youma atacou a casa de Miata, nada inesperado afinal Youmas brotam do chão naquela ilha, o Youma veio e pôs todo o mundinho da, então, superpirralha Miata, abaixo.

Mas a bondosa Claymore que arrasou o demônio decidiu levar a garota para a organização a fim de treiná-la para se tornar no futuro uma outra esquizofrênica poderosa membro da Organização.

Árduo Treinamento[editar]

Miata reclusa, nem as roupas aguentam ela.

Miata logo após ser integrada a organização por uma Claymore aleatória, muitos dizem que foi a Ophelia porque as semelhanças entre ambas são, praticamente, inexistentes, mas a loira sádica nega veementemente quelquer relação com o ocorrido:

Cquote1.png Se eu a tivesse encontrado ela estaria, bem, em um estado menos compacto... Cquote2.png
Ophelia.

Miata, também, é sensível.

Voltando ao que interessa, Miata foi enviada ao local onde faziam as tais experiências com garotinhas transformando-as em máquinas de destruição semidemoníacas e lá encontrou ninguém mais, ninguém menos, que o Dr. Jekyll que logo começou a mexer no DNA em em outras coisas da garota, mas acabou sendo descoberto e foi indiciado pelo Conselho de Proteção à Moral da Família Soviética sendo posteriormente condenado às gulags.

Durante o treinamento da pequena, ela se mostrou extremamente habilidosa empunhando uma Claymore e, ologo, arranjou algumas fangirls estúpidas que babavam por ela, jamais esqueça que em Claymore só existem loiras que convivem juntas, então, yuri não é nada além do esperado. Retornando ao assunto, Miata foi, desde o início, apegada ao extremo a mãe e costumava matar aqueles que "Não fossem a mamãe".

Por isso ela se manteve reclusa durante toda a duração do treinamento e, assim, perdeu suas puxa-saco, coisa a qual ela não ligou.

Claymore efetivada[editar]

Miata, após todo esse sofrimento finalmente terminou seu treinamento, rima péssima e involuntária, o fim do treinamento não trouxe novas perspectivas para a garota, ela continuou a mesma guria surtada, maluca, psicótica e extremamente carente de sempre, na verdade piorou, já que agora estava sozinha e com centenas de youmas pela frente. Nada que a assustou, afinal ela sempre gostou de mandá-los para o saco manualmente, ou seja, Miata sequer saca uma espada, ela decapita o ser na base do pescotapa.

Após algum tempo efetivada no cargo os chefões da organização perceberam que não dava para a menina continuar assim, ela era super-habilidosa, mas possuía problemas graves de desvio comportamental, então eles, após uma ampla conversa decidiram resolver isso.

Miata na capa do mangá.

Cara 1: Ei, sabe aquela pirralha loira?
Cara 2: Tem muitas.
Cara 1: A Pirada.
Cara 2: WTF?
Cara 3: A Pirada?
Cara 1: É acho que é isso.
Cara 3: O que que tem ela?
Cara 1: Ela é pirada.
Cara 3: Eu sei.
Cara 1: O que fazemos com ela?
Cara 2: Chama a Super Nanny.
Cara 1: Boa ideia.
Cara 3: Agora deixa a gente ver o jogo do Curímtxa.

Dupla dinâmica, Clarice e Miata.

A Super Nanny veio, e tentou. De forma vã. A Miata não deu bola para uma velha vestida estranho e quando foi mandada para o quartinho da educação arrancou a pobre cabeça da babá/pedagoga que mais tarde foi restaurada pelo pessoal da organização. O problema da garota continuava em aberto sem solução aparente, todavia tudo que importava para a organização era por a Miata o mais rápido possível na ativa e nessa hora, eis que do nada surge uma Claymore do mais baixo nível, a Clarice, uma guria retardada salva anteriormente pela panelinha da Clare.

Conhecendo a "mamãe"[editar]

Clarice apareceu meio que de "sopetão" na sede da organização, na ilha situada no fim do mundo, onde passa-se a fictícia história. Clarice estava lá contando suas desventuras no norte, quando recebeu a insólita proposta de trabalhar com uma parceira.

Miata se fudendo.

Cquote1.png Senhorita, quero apresentar-lhe sua nova parceira, é uma menina muito meiga, mas um pouco tímida, gostaria que você a inserisse no mundo e... Cquote2.png
Chefe da organização.

A tonta da Clarice achou estranho mas aceitou com um sorriso no rosto, ao ser apresentada ela levou o baita de um susto ao ver uma garota nua, munida de uma espada desproporcional ao próprio corpo e dizendo frases aleatórias sobre mães, pais e sexo na van.

No entanto, a garota enigmática, na verdade, desvairada, não queria picotar a Clarice, que por sinal não seria páreo para a fúria da Miata, a guria apenas queria aconchegar-se no colo de alguém e poder mamar, isso mesmo, mamar, como um bebezinho. Clarice foi derrubada e mamada pela Miata, numa cena que em qualquer lugar seria classificada como hentai yuri.

Um autorretrato da Miata.

Ao final Clarice e Miata fazem um acordo: Clarice seria a mamãe de Miata se ela a ajudasse nas missões, pacto acertado pelas claymores que logo partiram. Após a ida delas os chefes da organização fizeram uma festa, comemorando o dia em que se livraram da Miata.

1ª Missão[editar]

Clarice se cagando na capa.

Tudo começa numa tarde de inverno, daquelas ensolaradas em que abundam flores e nuvens de insetos, sem dúvidas, um belíssimo dia, Clarice e Miata se encaminhavam para uma missão de praxe: enfrentar meia dúzia de youmas sedentos por sangue e, se desse, outra coisa.

Cquote1.png Peraí! Não é porque a gente é do mal que somos zoófilos... Cquote2.png
Youma sobre comer Claymores do jeito mais legal.

Tudo ia normalmente, os youmas devoravam tudo, a Clarice tremia, mas ninguém contava com a minha astúcia com o fato de uma garota de 12 anos, ou mais, ela é bem desenvolvida, sairia matando feito um animal e, quando, a Clarice estava em perigo a Miata arremessa a espada para salvá-la e passa a matar os demônios na base da força bruta. Isso mesmo, ela decapita um com a mão, transpassa o peito do outro com o braço, quebra pescoço com a perna, faz uma festa.

Sendo que quem sai mais assustado de tudo isso, nem são os pobres youmas e, sim, a Clarice. Tudo bem que convém ressaltar que não sobraram youmas para sentirem medo, mas a claymore de nível mais baixo ficou, simplesmente, aterrorizada com a ferocidade da garota a qual, de uma forma no mínimo esquisita, amamentava.

Galatea durante a luta.

Após esse preview, a mais nova dupla dinâmica recebeu uma missão mais complicada, se livrar da ex-número 3 da organização, a Bela Galatea.

Em Rabona[editar]

A Galatea após matar mais de mil, decidiu virar uma personagem do bem, arrancou os próprios olhos (WTF?) e virou uma das freiras ninjas cegas tocadoras de piano de Acapulco, com seu trabalho beneficente indo de vento em popa, a carreira como Claymore fodona foi para o espaço, o que deixou o pessoal da organização puto. Pela traição eles mandaram a mais berserk das recrutas para acabar com a antiga número 3.

Miata e Clarice, incubidas da missão, vão a Rabona para acabar com a vidinha pacata da ex-Claymore e para piorar apareceu, do nada, um kakuseisha de uma Claymore que já foi uma número 2, uma tal de Rosemary. Como toda boa Claymore Miata decide seguir as ordens e atacar a Galatea, enquanto o youma destrói a cidade.

Galatea, se bem que a Miata é a cara dela.

A luta vai se tornando estranha, a Miata de uma hora para outra começa a lutar contra a youma, e nessa a Miata foi completamente detonada, teve os braços transpassados, tronco cortado, cabeça quebrada, tudo que pode ocorrer em um clássico hentai guro.

Após essa derrota, aparentemente inevitável, vem uma sessão de chororô entre a Miata e a Clarice, repleta de declarações de amor, choros, promessas de amizade eterna, quem vê essa parte jura que está lendo um shoujo, tal como Full Moon wo Sagashite.

Quando tudo parecia perdido, elas são salvas pela panelinha da Clare e pela Galatea, que matam o youma, que mais parecia uma aranha-polvo gigante. Por terem sido salvas bate nelas um sentimento de gratidão e abandonam a missão, tornando-se foragidas, tal como as que lhes salvaram.

Futuro[editar]

Miata e Clarice, relação maternal, fraternal ou vaginal mesmo?

O mangá para por aqui, mas segundo spoilers de otakus desocupados (redundância), a Miata revela ser a reencarnação da Ophelia, dá uma mordidinha no pescoço da Clarice, trai o movimento antiorganização da Miria e começa a participar de outros animes.

Fatos[editar]

  • Miata foi treinada pela Ophelia, as duas são igualmente malucas.
  • Ela é filha do Gatts, vide ferocidade.
  • Também, é filha da Galatea, elas são idênticas.
  • Miata, a mais assassina das Claymore, é deixada sob a tutela da mais fraca da organização.
  • Os youmas não dormem de medo da Miata.
  • Tem o hábito de morer os peitos da Clarice enquanto mama feito um bebê.
  • Ela mata quem disser que ela parece um bebê chorão.
  • Miata mata qualquer coisa, mas chora quando a Clarice diz que doces são só depois da janta.
  • Miata só aparecerá no anime, quando o Corinthians ganhar a Libertadores.

Ver também[editar]

Ligações externas[editar]

Miata reunida com as colegas.