Missy Stone

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Missy Stone
Missy Stone 2.jpg
Indo pra escolinha da Naughty Bookworms
Nascimento 26 de Novembro de 1987
Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Ocupação Companheira de trabalho da mãe e da esposa do Chefe O'Hara
Altura 1,57
Signo Sagitário
Cabelo Castanho

Missy Stone (26 de Novembro de 1987) é uma simpática jovem, que nasceu em algum estado perdido dos Estados Unidos. Por possuir uma beleza ímpar (pelo menos na opinião dos punheteiros de plantão), quando tinha 20 anos, resolveu trabalhar em um mundo de sonhos e fantasias, se tornando a companheira de trabalho da mãe e da esposa do Chefe O'Hara. Obviamente, por ter entrado nesse ramo, Missy Stone teve que conceder o que tinha de melhor para tudo e todos, até mesmo para o famoso açougueiro com gonorréia, o lendário personagem do Filme do Batimã. Atualmente, como Missy Stone diminuiu um pouco o ritmo por não aguentar mais o tranco, está ganhando a vida recebendo comissões pelos seus vídeos, que são exibidos em todos os sites de pirataria conhecidos, sendo os principais deles o Megaupload, o 4Chan e o Baixaki.

História[editar]

Missy Stone brincando de cachorrinho, mas não daqueles que dão mordidinhas.

Assim como qualquer garota estadunidense que nasce em alguma cidade interiorana (para não dizer roceira e esquecida pelo resto do mundo), Missy Stone sempre sonhou em seu mudar para Nova Nova Nova Nova Iorque, pois sabia que, uma vez morando em uma cidade grande, as chances de realizar os seus sonhos seriam muito maiores. Creio que nem preciso dizer que os sonhos de Missy Stone eram os de fazer sucesso mostrando a bunda na televisão, ganhar muito dinheiro e, quando estivesse idosa, nadar em todo o dinheiro acumulado, igual o Tio Patinhas. Porém, a realização desses sonhos estava bem longe, pois a realidade era que Missy Stone mal tinha dinheiro para comprar comida para as galinhas que criava em seu quintal.

Porém, a sorte de Missy Stone estava prestes a mudar: Em uma bela tarde de Sol, na primavera de 1900 e não vem ao caso, Missy Stone foi encontrada por um estranho sujeito, que se vestia de preto e não era moleque. No princípio, Missy Stone achou que o sujeito era apenas mais um grileiro de terras que estava querendo conseguir a sua fazenda de maneira fácil, para depois plantar maconha e revender para a Holanda. Porém, após uma pequena prosa, o sujeito disse que era um agente, e que achava que Missy Stone conseguiria se dar muito bem no cinema destinado ao público adulto em geral. Missy Stone não estava com muita vontade de aceitar estar proposta bocammm sujammm sem vergonhammmm, até porque ela era uma moça de família [carece de fontes], porém, quando o sujeito disse que ela ganharia um ânus ônus toda vez que algum punheteiro tocasse uma para ela, Missy Stone logo mudou de ideia, e aceitou sem pestanejar, pois sabia que essa era a oportunidade ideal para começar a realização de seus sonhos.

Carreira[editar]

A carreira de Missy Stone no mundo da putaria é bastante comum, sendo que, desde a sua entrada, ela vem atuando nos mais diversosn filmes, atuando com todos os tipos de homens e mulheres, não importando se estes são brancos, negões ou japoneses. Por conta disso, a sua entrada de serviço está bastante aberta, e nela pode-se entrar até três pessoas ao mesmo tempo.