Nova Santa Helena

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Nova Santa Helena faz parecer o Acre um lugar cheio de agitações Cquote2.png

Nova Santa Helena é mais uma dentre mais de 500 "novas" cidades em Mato Grosso, tudo viadagem de gaúchos esses nomes. A Santa Helena coitada, não tinha nada com isso, teve que terminar batizando uma cidade dessas.

História[editar]

Este sítio insignificante não tem história porque não existe alma desocupada o suficiente para registrar uma coisa dessas onde quer que seja. Sabe-se apenas, de acordo com a tradição oral dos índios Tupigambás, que antigamente era um povoado chamado de Cachorro Sentado, mas depois que todos os índios foram expulsos por fazendeiros, madeireiros e posseiros, esse nome perdeu popularidade e foi mudado para Santa Helena em homenagem à Santa Helena, mas posteriormente, com a chegada dos gaúchos, eles decidiram colocar uma purpurina no nome da cidade e ficou combinado Nova Santa Helena.

Separou-se de Itaúba em 2000 (mas e daí?).

Atualmente a cidade está em graça depois que primeira vez na história foi citada em algum artigo na Internet em 2010 num site chamado Desciclopédia.

Geografia[editar]

Uma roça completa meio misturada com faroeste, muito barro e aqueles mosquitos de 2 metros típicos da Floresta Amazônica. O calor insuportável já é subentendido quando você fala que Nova Santa Helena é uma cidade de Mato Grosso.

População[editar]

Nova Santa Helena possui uns 40 habitantes de acordo com as estatísticas feitas por mim.

Transportes[editar]

Esta se trata de mais uma roça localizada em algum lugar às margens da BR-163, a única rodovia federal do Brasil que foi construída por índios apenas com facões.

A NASA em parceria com o Google conseguiu após muito trabalho divulgar um mapa de Nova Santa Helena na Desciclopédia.

A metrópole Nova Santa Helena e seus arredores vista de uma foto de satélite tirada pela NASA.