OFF (jogo)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Secretary1.png
Virtualgame.jpg OFF (jogo) é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, Chris Redfield esta matando algum hunter.


Night creature.JPG OFF (jogo) surgiu das trevas!!

E adora assustar criancinhas!

Puro osso.gif


Spoiler5.JPG ATENÇÃO! O texto abaixo pode conter (ou não) um ou mais SPOILERS!

Ou seja, além de deixar o artigo com mais pressão aerodinâmica nas retas e mais estável nas curvas de alta, ele pode revelar, por exemplo, que O Dr. Malcolm Crowe estava morto em O Sexto Sentido, ou que Shun é, na verdade, Hades.

Spoiler3.jpg


OFF
OFF!.jpg
Informações
Desenvolvedor Mortis Ghost
Publicador Unproductive Fun Time
Ano 2008
Gênero RPG
Plataformas PC, Mac, Linux
Avaliação 666/10
Idade para jogar Não recomendado para nenhuma idade

Cquote1.png Você quis dizer: Undertale de terror? Cquote2.png
Google sobre OFF (jogo)
Cquote1.png Experimente também: ON Cquote2.png
Sugestão do Google para OFF (jogo)

OFF, é um jogo criado em RPG Maker com temática de terror, suspense e caganeira. Tendo seu criador, Mortis Ghost, um sujeito da equipe Unproductive Fun Time, que desenvolveu o jogo com o intuito de fazer algo mesmo, pois ele se encontrava num momento onde estava muito inspirado para criar algo, e acabou saindo esta aberração. OFF é mais um daqueles jogos que não recebem tal renumeração na época em que são criados, mas acabam fazendo sucesso em pequenas comunidades que descobriram o game recentemente depois de alguns anos, como os filmes do Tarantino.

O jogo possui uma história repleta de ambiguidade e personagens enigmáticos e até mesmo uma quebra da quarta parede. Sem mencionar que tem a fama de "jogo de RPG mais macabro", além de possuir cenas que podem causar incomodo nos jogadores.

História[editar]

Batedor reclamando de você e de sua inutilidade.

Batedor, ou Batter, um sujeito que é obcecado pelo desejo de purificar o mundo (Jesus do beisebol), certa vez, se encontra perdido num local denominado 'Zona 0'. Um local hostil e inabitado, à não ser pela presença de um gato psicopata chamado Juiz, ou Pablo no narcotráfico. O Juiz vendo a personalidade do Batedor, aceita-o ajudar na sua missão sagrada.

O batedor e os Add-On's hão de percorrer por 3 zonas e comer todas as putas que conseguirem iniciar o tal processo de purificação em cada uma delas, que nada mais é do que matar os respectivos guardiões das zonas e os fantasminhas que ficam perambulando pelo local.

Este possui três finais alternativos e blá, blá, blá... dependem de suas atitudes durante o decorrer da jogatina. Isso se você não sofrer algum surto psicótico ou crise existencial por conta dos elementos do jogo, o que incapacitaria você de continuar à jogar.

Jogabilidade[editar]

Uma mera lutinha dentro do jogo

O jogo é como qualquer outro game de RPG, tendo a diferença de que é uma porcaria. Você pode interagir com tudo ao redor, abrir baús, ler placas, conversar com personagens, lutar com eles e etc.

Como foi plagiado inspirado em Final Fantasy e outro demais jogos, como a franquia Mother, tem o estilo de luta por turnos, onde os aliados permanecem no canto direito, e os inimigos no esquerdo.

No jogo, cada personagem possui habilidades, só que estes, por frescura do criador, são denominadas competência.


Personagens[editar]

Eis aqui, as horripilantes e mirabolantes criaturas.

Principais[editar]

Ventríloquo O Ventríloquo, Deus, filho da puta, ou simplesmente você, é nada mais de que o jogador que está controlando o protagonista. Mesmo não existindo dentro do jogo, é citado em diálogos.
Le batteur.png
Batedor Um homem vestido de jogador de beisebol, cego e sedento pelo seu desejo maior; purificar o mundo com o poder da palavra da Igreja Universal. Este é o protagonista do jogo. É um sujeito quieto e bem frio, não demonstrando nenhuma emoção durante seus diálogos. Este possui consciência de que está sendo controlado por alguém.
Add on.png
Add-On Diretamente da franquia dos jogos do Sonic, são anéis que lhe acompanham durante as batalhas para ajudar à derrotar os oponentes. São descritos como 'entidades espirituais' ou 'anéis de cebola' mesmo. Não basta apenas serem meras argolas de batalha, pois ainda estes seres possuem nomes de letras gregas! Alpha, Ômega e Epsilon.

Apoio[editar]

Zacharie.png
Zacharie Depois de ser expulso dos Trapalhões, tornou-se um mero vendedor de itens do jogo. O mesmo parece estar interessado no progresso do protagonista e parece saber também que há alguém que o controla. É praticamente o sabe-tudo do jogo, tão sábio que até tem consciência de que tudo não se passa de um jogo eletrônico.
JudgeSprite.png
O Juiz Um gato psicopata e culto, habitante da Zona 0, que auxilia o protagonista e lhe fornece dicas ao longo do jogo. O mesmo se auto denomina "Guardião" do Batedor. Este também é chamado de Pablo Escobar durante algumas partes do jogo.

Vilões[editar]

Dedan.png
Dedan Um filho da puta arrogante e grosso, trata à todos com ignorância. Chefe da Zona 1, macabro e feio.
Japhet.png
Japhet Pássaro gigante e culto, pois além de ser guardião da Zona 2, é também guardião da biblioteca. Pois pássaros adoram ler.
Enoch.png
Enoch Capitão Cueca Um obeso executivo que é um super filho da puta, trata à todos seus funcionários como meros pedaços de merda. Este gordo maldito é guardião da Zona 3.

Ambíguos[editar]

HugoSprite.png
Hugo A criança perdida do jogo, fora abandonado por sua própria mãe e deixado sozinho nas mãos do mau pela mesma. Você pode-o encontrar na Zona 4, conversar com ele e até mesmo, matá-lo, digo, purificá-lo.
RainhaSprite.png
A Rainha Uma suposta amante maluca do Batedor que foi despejada pelo mesmo por não raspar sua região pubiana antes do coito. Hoje, por conta disso, ela é um fantasma que o persegue querendo o dinheiro do programa.
Valerie.png
Valerie O irmão do Juiz, não tem muita aparição dentro do jogo. É usado como hospedeiro de Japhet, que o tornou seu disfarce.

Link[editar]

Para os interessados no game: