Página principal

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bem-vindos à Desciclopédia

A enciclopédia livre de conteúdo que qualquer um pode editar.

53 349 artigos · 181 515 imagens

Ajuda

Embaixada

Perguntas

Políticas

Mídia

Contribuir

Artigo em destaque
A vente famof inofenti. Tamo caf mão limpa!

Lula pode ser ao mesmo tempo um sapo barbudo ou um amigo/primo do polvo, cheio de tentáculos. Alem de amigo do polvo é amigo do povo também. Lula é o menos inteligente dos presidentes do Brasil (afinal nunca sabe de nada). Sua carreira política está intrinsecamente vinculada à história deste incrível mundo surreal conhecido como Brasil. Seu slogan para a sua campanha de re-eleição é: "É Lula de novo com a força do polvo"

O nome muito citado pela Rede Glóbulo de Televisão é Luiz Alface Lula da Selva. Mas Lula gosta de ser chamado de Companheiro Lula-lá. Em seus poucos momentos de sobriedade, participa como figurante de uma novela da Globo chamada Belíssima na qual é conhecido por Jamanta e repete variações de seus discursos presidenciais (e.g. -Jamanta não sabe de nada).

O Lula encontra grande dificuldade em governar, pois não forma maioria no congresso. Isso se deve a ferrenha oposição do partido com a maior bancada no congresso, o PT. Teoricamente, deveria ser o partido do Lula, mas não é o que funciona na prática.

Presidente do Sindicato do Brasil, Lula (Mastigoteuthis flammea) é um senhor fanático, que pensa que é a reencarnação de Tibério Cesar, seguido por positivistas que pregam entre outras coisas que o presidente Lula é também a reencarnação de Getúlio Vargas. Segundo consta, a barba de Lula esconde cicatrizes de uma operação plástica muito mal realizada, que, esconderia o sua verdadeira face, ou seja, esconde o próprio "Che" Guevara, que havia sido posto numa câmara criogênica em Cuba.



Eventos recentes


Neste dia...



Imagem do dia
 
Apresentação
Batata desciclo sem texto.gif
Bem-vindo(a) à Desciclopédia, uma (des)enciclopédia escrita com a colaboração de seus leitores. A Desciclopédia é um site de humor debochado e seu conteúdo não deve ser levado a sério. Todas as nossas regras e políticas convergem para um só princípio: ser engraçado e não apenas idiota. É um princípio amoral, mas que implica numa ética subjacente. Significa que, no âmbito da Desciclopédia, só podem ter procedência as críticas que se refiram à qualidade divertida de um artigo. Não tem, portanto, nenhum sentido tentar defender os méritos morais ou artísticos de algo que você gosta (banda, filme, personalidade, programa, game, etc.) e que tenha sido sacaneado num artigo da Desciclopédia. Essas coisas não interessam nem um honorável pouquinho aqui.


Participação

Todos podem publicar conteúdo on-line desde que não sejam vândalos ou desrespeitem as regras.

Dentre as diversas páginas de ajuda à sua disposição, estão as que explicam como criar um artigo, editar um artigo ou inserir uma imagem. Em caso de dúvidas, não hesite em perguntar e dar sua apnião.


Comunidade
A comunidade vem crescendo dia após dia. Porém precisamos de mais colaboradores para podermos ampliar o número de artigos em língua portuguesa e expandir, melhorar e consolidar os que já existem.


Projetos irmãos

A Desciclopédia existe graças à entidade sem fins lucrativos Fundação Desciclomídia. A Desciclomídia opera vários projetos em diversas línguas, sempre com conteúdo livre: