Parceria Europeia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
SquigglyTop.gif
Este artigo é sobre humor europeu

Desculpem, o humor deste artigo é ininteligível para brasileiros e sul-estado-unidenses.
Então, nada de zoar Argentinos, Portugueses ou sua mãe aqui, certo?


Cquote1.png Você quis dizer: União Européia Cquote2.png
Google sobre Parceria Europeia

Cquote1.png Tenho Medo Cquote2.png
Regina Duarte sobre Parceria Europeia

Você ao ser pego por descobrir os planos da máfia europeia.

Cquote1.png A parceria europeia começou na Europa? Cquote2.png
Carla Perez sobre Parceria Europeia
Cquote1.png Não! Foi em Bagdá e é sobre isso que veremos no meu programa Charme ás 16:00h da manhã! Cquote2.png
Adriane Galisteu sobre Parceria Europeia
Cquote1.png Muito difícil sobreviver aqui Cquote2.png
Bear Grylls sobre Europa

A parceria européia teve seus primórdios primordiais há bastante tempo. Por ser um continente relativamente pequeno ficou até de certa forma fácil formar-se uma parceria. A Europa toda tem mais ou menos o tamanho do Brasil; podendo assim simplesmente ser uma península russa, ou apenas se integrar como uma parte da Ásia. O porquê de isso não acontecer é devido a vinda de lá das maiores fontes revolucionárias de todo o mundo, á começar com o iluminismo, os direitos humanos e grande parte de direitos existentes hoje. A Europa apesar de ser um continente pequeno é dividida em cerca de 30 países, o que torna cada país em pequenos terrenos, chegando alguns ao tamanho do Distrito Federal, como a Croácia por exemplo. Por causa de tal parceria mais tarde a Iugoslávia viria à se separar e outros fatos inexplicáveis como o surgimento e ascensão e influenciação do nazismo e do comunismo. Como pode 1/20 de um país virar 10 países? (como aconteceu com a Rússia na união soviética). Dentre outros fatos estranhos que mais tarde viria à acontecer seria formada devida a esta coligação secreta maléfica que viria assombrar-nos e conspirar secretamente algo ou alguma forma ultrassecreta um plano maléfico de objetivo simples e prático: A dominação do mundo.

Top 7's dos países da coligação[editar]

Reino Unido e suas maracutaias[editar]

Bandeira do Reino Unido

O Reino Unido é um reino unido, ou melhor, um reino úmido, porque neste reino chove bastante. Não se sabe quais países integram esta umidade, mas a Britânia, a Escócia, o País de Gales, a Bahia e a Irlanda de Cima já confirmaram sua presença.

O governante é a rainha Elizabeth (a rainha reserva é o Elton John), que assim como seus súditos, adora chá com leite, torradas, cricket, relógios e odeia quem mora do outro lado do Atlântico.

O Reino Úmido Unido, vangloria-se de um dia ter sido um império onde o Sol nunca se punha, isto é, suas extensões de terra se estendiam por todo o ciclo terrestre, podendo assim os habitantes deste reino enfrentar todas as estações em um único dia (que não acaba, pois o sol nunca se põe). Infelizmente (para eles), quando a terra foi provada como redonda, o império foi transformado em uma pequena casca de terra entre a América e a Europa, povoada por indivíduos estranhos advindos de toda a parte do globo terrestre. O reino unido sempre foi a coligação mais diferente de toda Europa. Por ser uma ilha e não estar fisicamente integrada ao continente. O que mais separou-os foi o fato de ficar do lado dos Estados Unidos ao invés do lado Soviético como a maioria da Zoropa ficou.

Inglaterra[editar]

A inglaterra e toda sua formalidade.

Nem os Romanos, loucos como eram por praticar o esporte de invadir e ficar cagando na casa dos outros aguentaram ficar naquela porra de ilha. Principalmente depois de queimarem as florestas de toda aquela merda incluindo a Escócia pré-Whisky/monstro do Lago Ness e País de Gales nem tanto pra foder de vez com a resistência ao Império mas pra plantar grama naquela joça toda e transformar a Ilha num grande campo de férias e recreação do exército Romano para as práticas de Futebol, Golfe, Cricket, Bolinha de gude e Cuspe à distância entre outras modalidades que os Romanos já havia surrupiado de outros povos e rebatizado como suas invenções ( hábito aliás que os Ingleses copiariam destes à exemplo da grama, do imperialismo, do futebol etc etc etc ) e, devido por isto mesmo terem mudado completamente o clima da Ilha transformando-a num imenso chuveiro natural ( daí a expressão "chuveirinho" no Futebol Inglês ) em que chove dia sim, dois dias também e quando não chove não se enxerga um palmo a frente do nariz nem pra achar um copo e encher a cara pra esquecer aquela merda toda; decidiram os Romanos abandonar o projeto esportivo, a ilha e largar tudo na 1ª oportunidade, ou seja no 1º dia de sol que desse pra navegar de volta ao continente, coisa que só aconteceu dezenas de anos depois.

Escócia[editar]

Escócia. ENTRE já!.

Originalmente chamada de Ex-Cócia, este país localizado no norte da Europa, entre a Inglaterra e a Terra do Nunca, e se mantém firme e forte na economia com as exportações de tocos de madeira e pedaços de pau adversos. Por ser um país muito próximo da Inglaterra, pode-se dizer que eles copiaram grande parte de sua cultura, incluindo aquelas caras de cavalo e dentes enormes. Alguns homens até se arriscam manter-se na moda usando próteses de orelhas, para ficarem parecido com algum famoso príncipe que há anos tenta, tenta, e não consegue. Só conseguiu ser um absorvente íntimo até agora.

São governados pela Rainha Elisabeth II B, uma cópia da Rainha Elisabeth II da Inglaterra. Nota-se a diferença pois esta possui um olho no meio da testa e pode derreter se exposta ao sol.

Também é costume local os homens usarem o kilt, uma saia emo masculina. E passarem batom e dizer "Eu ser macho man!". Uma vez por ano eles se reúnem para dançar pela lua, e nesse festival "os meninos viram homens". Só vão homens no evento, que se toca muitos sucessos do Calypso.

França[editar]

Cidadão francês num momento de êxtase.

A França foi fundada por Asterix e Obelix em 2000 a.C. Porém, no ano 27, Chuck Norris eliminou toda a antiga civilização com um peteleco, o que ocasionou, também, a completa destruição da Bélgica, da Holanda e de Budapeste que era realmente uma peste.

Eles passaram por sucessivas dinastias, e não fizeram nada de muito importante, a não ser impedir os árabes de transformar a Europa numa grande esfiha, na Batalha de Poitiers. Desde então os árabes se vingam dos franceses imigrando para a França e jogando na seleção francesa de futebol. Outros feitos importantíssimos dos franceses foram criar o Napoleão, um robô que tentou dominar a Europa, mas perdeu pros ingleses idiotas e pro rigoroso inverno russo, que congelou a bunda do Napoleão.

Um fato estranho do país é que a França adora perder guerras. Ela já conseguiu ser derrotada duas vezes pela Itália e a cada 50 anos os franceses são humilhados pelos alemães (que tradicionalmente os atacam por trás), mas são salvos pelos ingleses e americanos, seus maiores inimigos-e-aliados. Ultimamente, argelinos, canadenses e até argentinos vêm dando um pau na França.

A única vez na história que a França obteve vitórias em guerras foi sob o comando do francês mais bravo de todos os tempos, Joana D'Arc. Mas os viados dos franceses, porém fizeram questão de queimar a moça proferindo ofensas do tipo: Sai para lá, baranga! e Te odeio, horrorosa!.

Espanha[editar]

A verdadeira inspiração da bandeira nacional

A Espanha pertence a Portugal que guarda isso em segredo em troca de putas e cerveja e lhes garantindo todo o lucro do país. A Espanha é principalmente conhecida pela espanhola. A Espanha, junto com outros países, também é muito conhecida por sua grande importação de prostitutas da República Checa e do Brasil. A Espanha é dividida em muitas regiões autônomas, algumas delas são separatistas. Brasil e o São Paulo são alguns desses estados separatistas. O rio que corta a Espanha é o Rio de Janeiro, por onde os conquistadores espanhóis andaram de caravela por muito tempo.Na Espanha é realizada todo ano o esporte de queimar hereges na Inquisição Espanhola. Se os franceses tem a "Tour de France", a Itália tem o "Giro d'Italia e a Alemanha tem "Töhdstjudnawehetörpatönkühlße", algo como "Caça aos judeus" que, apesar da popularidade, está oficialmente proibida desde 1945.

Alemanha[editar]

A primeira coisa que você vê quando chega na Alemanha.

A Alemanha (Germânia, na época de Asterix) é um país frio para caralho, que faz fronteira com o Acre, a França, Rússia, Turquia (uma mistura do "paraíso de produtos piratas e de contrabando" chamado Paraguai com as hordas de imigrantes do México e um leve pesado toque fundamentalista islãmico) e a Calota Polar Ártica. As principais cidades da Alemanha são Berlim, Munique, Blumenau e Varsóvia, que fica na Polônia, mas isto é um detalhe, já que a cada 30 anos a Alemanha declara guerra contra a Polônia e expulsa os poloneses de lá. Os alemães também costumam tirar férias em Paris. Estes períodos eles chamam de "Guerra Mundial" e a viagem até lá de "blitzkrieg". O típico animal domestico alemão é o cachorro, sendo as raças preferidas o Pastor Alemão (Cão Luterano à serviço de Deus) e o Doberman, além óbvio do cão chef da culinária alemã o cão-salsicha (mistura de Pincher com hot-dog e temperamento explosivo de Dobberman).

Itália[editar]

O glamuroso pais da Itália.

Começou com um menino que mamou numa loba, e fundou a cidade de Roma. Depois, esse povo metido nascido em Roma passou a conquistar todos os povos ao redor, usando pizzas como armas, e depois prendendo os derrotados com tiras de tagliarini al dente. Derrotaram inclusive Cartago, potência que usava elefantes, orks, e emos como armas de guerra. O problema foi que em Cartago o cozinheiro errou na mão e jogou sal de mais, por isso tiveram de jogar Cartago no lixo e nunca mais reapareceu. Eles conquistaram todo o mediterrâneo e chamaram de "Privada nostrum". Mas os romanos começaram a ficar insanos, e se perderam em orgias com mulheres, homens, pizzas, putas pagas, e todo tipo de desgraça. Até que a gente pela-saco de Hitler e gorda do norte, veio e pôs um fim a tudo aquilo.

Depois os italianos ficaram na moita, divididos, sem se importar com o resto do mundo. Mas até que Tiago Lacerda, saiu do elenco de "Terra Nostra" e veio unificar a Itália, junto com sua amante, a Ana Paulo Arósio, que veio a ser conhecida como Anita Garibaldi. Depois de unificada, veio a Primeira Guerra Mundial, onde a Itália deu uma de judas e traiu a Alemanha, e passou para o lado dos franceses e ingleses idiotas. Si fu, pois levaram uma coça e não receberam o que os aliados prometeram. Mas Mussolini, a namorada de Hitler, levou a Itália ao esplendor com a ideologia do fascismo, e ajudou Hitler a brincar de boneca (O que ficou conhecido como Segunda Guerra Mundial). Mas a Itália é tão ruim, que acabou atrapalhando Hitler, conseguindo inclusive ser derrotada pela pequena e fraca Grécia. Depois dessas patéticas participações, a Itália percebeu que ela era péssima em guerras de decidiu fazer o filme La Vita è Bella, e se voltou para a recuperar o país, matando Mussolini e colocando outro político no comando, logicamente voltou a reconstrução com massa de pizza. No entanto, Mussolini ressuscitou, na forma de Berlusconni, o namorado de George W.C. Junior.No período jurássico, a Itália era uma ilha coberta de gelo, onde habitavam vários ursos polares comedores de Pizza de calabresa. Com os anos, as placas tectônicas cheias de gases levaram a Itália a ficar nos pés, ou nas botas, do Velho Continente.

A Itália fica, geograficamente falando, fica logo abaixo do círculo polar ártico.

Na Itália é onde anualmente há o "Giro d'Italia", assim como na França se tem o "Tour de France", na Inglaterra o "Madame Tussaud's", na Alemanha o "Töhtdesjudeusplätzchenwurstbrotbierundmilch" (algo como "caça aos judeus") e nos EUA o "Fuck the Foreigners" (algo como... who cares?)

Romênia[editar]

O presidente da romenia posando para foto.

A Romênia (aka. República dos Vampiros) é o país que atualmente corresponde ao antigo Império Romano e revolucionou a humanidade respeitando às teorias de Darwin, sendo habitada pela evolução do Homo Sapiens, o Homo vampiricus. Seus habitantes são descendentes degenerados dos antigos romanos, e são chamados, é claro de romanos(Alguns autores preferem "romenos", mas isso não faz diferença. É a mesma merda).

A Romênia é um país bastante populoso, apesar das tendências homoeróticas disseminadas. Antes do desenvolvimento da inseminação artificial a principal forma de crescimento demográfico era a adoção de crianças bárbaras.

Os romanos falam latim, quando não gritando de desespero. O exército romano é famoso pela habilidade de seus soldados no manejo da lança, no combate homem-a-homem, na formação em grupo e na chupação de sangue.. A Romênia é famosa pelos seus vinhos franceses, suas massas italianas, sua cozinha tailandesa, seus massagistas alemães, suas saunas turcas, pela alta costura, produz botinas e sapatões femininos típicos e conhecido como Casa da Mãe Joana.

Nos últimos anos a música da Romênia ganhou destaque, com o surgimento de um grupo cover do Latino, o O-Zone.

Rússia[editar]

Um típico soldado russo.

A Rússia é a parte do mundo onde os sóbrios e americanos não querem nem ouvir falar. Seu território é composto de neve e um pouco de vodka derramada por autênticos russos fazendo o que sabem de melhor: dormir em posições esdruxulas depois de um porre homérico. A história russa se baseia em czares psicopatas ou esquizofrênicos, teóricos comunistas completamente alienados, armas nucleares congeladas, presidentes inescrupulosos e lindas mulheres de cabelos loiros e olhos azuis à procura de maridos na América devido ao fato que foram trocadas por 1 garrafa de vodka por seus conjugues. A Rússia, famoso país do vangloriado personagem de jogos eletrônicos Zangief, foi a causadora da derrota de Napoleão, uma vez que a neve ressecava a pele e anulava o perfume das forças armadas lideradas por Napa, apelido carinhoso dado pela rainha da Inglaterra no Século XVII. Sendo assim, os franceses morriam de desgosto pela vida, e ao contrário de que muitos acreditam, não morreram durante batalha alguma, mas fizeram o favor de matar uns aos outros quando o frasco de perfume francês esgotou e teriam de tomar banho. Tendo em vista esta situação um sentimento de piedade por seus parceiros, um matou o outro e assim o exercito de Napoleão foi dizimado.

A Rússia é o melhor país do mundo, tem os caras mais inteligentes ,as putas mais gostosas, as mais belas paisagens, inventaram a bomba atômica, a AK-47, escreveram os melhores poemas, ganharia fácil uma guerra contra os EUA. Tudo isso enquanto bebiam muito.

Aplaudindo.gif
Parceria Europeia merece
uma salva de palmas por Ter muitos anos de existência e não ser descoberto


Outros Países da parceria Europeia[editar]

São tão insignificantes e inúteis nos planos malvados deles que eu prefiro não comentar... E não vamos ficar mesmo só com os do top 7 ok??? Pois só não foram pegos pois o governo é BURRO!

Brasil e EUA envolvidos???[editar]

Sim! É verdade quando você menos pensa muitas pessoas aqui no nosso país estão envolvidas nessa parceria como informantes de lá, pois é isso que ela quer a dominação mundial!!! MWAHAHAHAHAHA!!!! Então como a Desciclopédia é um lugar de informação confiável aqui está a lista dos dedos duros daqui do país ou até de outros daqui:

Depois dessa lista tire suas conclusões sobre essas pessoas....

Veja Também[editar]