Pico 31 de Março

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

O Pico 31 de Março é o terceiro maior morro de favela do Brasil, perdendo apenas para o Pico da Neblina e o Morro do Alemão, localizado na cidade de São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas na Venezuela.

História da Exploração[editar]

Banheiro para atender as necessidades dos turistas visitantes do pico.

Sagrado entre os antigos indígenas, o Pico 31 de Março é o Olimpo da mitologia do Antigo Brasil, é de lá que Tupã joga seus raios nos guaranis.

O pico foi descoberto pelo exército brasileiro em 1964 durante a Cabanagem, quando as Forças Armadas caçaram os insurgentes até o fim do mundo (aka Pico 31 de Março).

Apesar disso, a Venezuela já caçava militantes das Farc muito antes dos brasileiros não-indígenas descobrirem o 31 de Março.

Atualmente o governo boliviano pensa em nacionalizar o Pico 31 de Março, rico em gás.

Topografia[editar]

Hã? Topografia? O Pico 31 de Março é uma rocha pontuda de 2.973 metros de altitude perto do nada e de porra nenhuma, de acordo com o Instituto de Burrices Geográficas e Estatísticas (o IBGE).

Considerado também o primo pobre do Pico da Neblina e do Monte Roraima, muito mais atrativos para o plantio de coca, tornam o 31 de Março esquecido no meio do nada.