Poliana Abritta

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gina.jpg Poliana Abritta é uma ruiva!

Era feia quando pequena, mas agora põe loira pra comer poeira.

Clique aqui para conhecer outras deusas do fogo.

TCPolitic Joranalistas.jpeg Atenção! Este artigo informa sobre um jornalista!

Poliana Abritta é mais um(a) mala sem alça que deve saber do mais novo escândalo de Brasília.

Confira outros oportunistas pseudo-intelectuais clicando aqui.


Cquote1.png Você quis dizer: Napolitana Abrida Cquote2.png
Google sobre Poliana Abritta
Cquote1.png Experimente também: Ruiva que apresenta o Fantástico Cquote2.png
Sugestão do Google para Poliana Abritta

Poliana CAbritta (18 de setembro de 1975) é uma das milhares de jornalistas que fazem parte da golpista e manipuladora imprensa global.

Sobre essa ruiva de farmácia[editar]

Poliana respondendo ao vivo a uma telespectadora que tentou imitar o seu cabelo.

Poliana nasceu em Brasília, onde conviveu em meio aos políticos e aprendeu assim a ser cínica naturalmente.

Desde jovem, vivia no meio dos metidinhos a populares e por isso fez tatuagens e pintou o cabelo de ruivo para se mostrar radical (oh coitada!).

Acabou se envolvendo com um filho de algum ricaço que tem conchavo com a Rede Globo e acabou conseguindo um emprego por lá.

Inicialmente trabalhou de estagiária, mas aí uma apresentadora de telejornal inventou de engravidar e pediu licença-maternidade e como não tinham ninguém melhor para colocar no lugar dela (até fizeram uma seleção, mas todas as candidatas ou eram feias ou velhas), acabaram por optar em colocar Poliana mesmo.

Poliana conseguia decorar bem o que falar na televisão, o que facilitou para conseguir ser tapa-buraco sempre que precisavam substituir uma outra jornalista que engravidava.

Como era invejosa e queria engravidar para não ficar de fora dessa moda, ela fez fertilização (porque seu marido era broxa) e conseguiu emprenhar de trigêmeos.

Ao voltar da longa licença-maternidade que tirou, fez por um tempo umas pontas no Jornal Hoje (foi lá que conseguiu a maior furada o maior furo de sua carreira, a Desnotícia sobre a beatificação do pau do papa). Depois, apresentou o fracasso do Globo Mar.

Em 2014, aproveitando que Renata Vasconcellos ia ser a nova apresentadora do Jornal Nacional, ela tratou de pegar o lugar vago que Renata deixou no Fantástico e está até hoje apresentando aquele programa.

Seu cabelo acabou fazendo sucesso entre as gurias retardadas, fazendo seu corte de cabelo se tornar especialidade da maioria dos alheiros salões de beleza do Brasil.

Atualmente além do que foi citado acima, é também conhecida por sempre entrevistar personalidades políticas extremamente odiadas não muito bem vistas como Lula, Dilma Rousseff, José Serra e Henrique Meirelles.