Pravda

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Cquote1.svg Você quis dizer: Privada Cquote2.svg
Google sobre Pravda
Cquote1.svg Este é o meu jornal! Cquote2.svg
Putin sobre Pravda
Cquote1.svg Essa Vodka é boa! Cquote2.svg
Lula sobre Pravda
Cquote1.svg Mas eu prefiro 51! Cquote2.svg
Lula sobre Pravda
Cquote1.svg Você traiu o movimento soviético, véio! Cquote2.svg
Dado Dolabella sobre Pravda

Uma típica notícia do Pravda anunciando mais uma gloriosa vitória soviética.

Pravda é um tipo típico de jornal russo, sendo feito de noticias feitas por russos para os russos, servindo com esse propósito aos interesses de dominação mundial tramados pelos russos desde os tempos da Guerra Fria, que de tão gelada, acabou por se derreter como um picolé graças ao Aquecimento Global.

Depois do fim da União Soviética e do tempo em que os jornais editavam você, as notícias liam você e os gatinhos cheiravam você, o jornal começou a ganhar destaque graças a beleza de seu papel no processo descivilizatório do povo russo, que estava deixando o comunismo para os pobres.

A verdade é que o papel higiênico produzido por essa agência russa de dominação era tão bom a ponto de ser uma grande marca, inicialmente na União Soviética e depois no mundo, graças aos efeitos da globalização.

Atualmente[editar]

O Pravda também se adaptou aos tempos de internet, tendo noticiário em línguas para o entendimento de todos os russos, incluindo os russos portugueses, como o Renato Russo, que de tão português não entendia nada, a ponto de só fazer "música".

A verdade é que por detrás de toda esta estratégia, há o interesse do governo KGBiano de Vladimir Putin, também conhecido por seu poderoso poder de se transformar em um vampiro vampirista, de transformar o mundo na meca do comunismo comunista.

Popularidade dessa bosta[editar]

A marca do jornal se tornou grandiosamente famosa em alta classe, a ponto de fazerem piadas no Google sobre o fato do nome do jornal ser Privada, Prada ou Pravida, uma vez que o Google não consegue entender nada mesmo na língua russa.

O incrível disso tudo é que as notícias russas do jornal é mais compreensível do que a linguagem do WordPress, um serviço vagabundo de blog que tem um monte de aficcionados pelo mundo afora.