Canal do Povo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Programa Léo Oliveira)
Ir para: navegação, pesquisa
Pewds Psicopata.jpg Este artigo é sobre uma subcelebridade

Artista(s) classe B pode(m) ser citado(s) neste artigo.

Cuidado: Canal do Povo pode cobrar cachê por ler este artigo.
Serjão entrevista.jpg Enxada-1.png Esti artigu é caipira, sô!! Enxada-2.png

Este tar di artigu pareci caipira, foi escritu purum caipira, ô ele é de fato
CAIPIIIIRRA!!!

Num istraga eli naum, si não nóis crava a inxada pra riba docê!

No Wikipedia.png QUEBROU A CARA!

Os espertalhões da Wikipédia NÃO têm um artigo sobre: Canal do Povo.

Cquote1.png Você quis dizer: Datena Light Cquote2.png
Google sobre Canal do Povo
Cquote1.png Experimente também: Jorge Kajuru Cquote2.png
Sugestão do Google para Canal do Povo
Cquote1.png Que que é isto? Cquote2.png
Alguém que more longe de Ribeirão sobre o Canal do Povo
Cquote1.png Este é o mió nuticiáriu de Riberão e região! Cquote2.png
Morador de Ribeirão Preto sobre Canal do Povo

O que é isso?[editar]

Pessoa comum assistindo ao Canal do Povo.

O Programa Oliveira Júnior Programa Léo Oliveira Canal do Povo é um noticiário conhecido pela sua qualidade de papel marrom e que é exibido em cidades como Ribeirão Preto, Franca e Barretos, sendo que seria um programa especificamente criado para substituir as bizarras propagandas do Polishop, que não davam lucros suficientes para a Bandeirantes.

Ela se baseia em grandes ensinamentos do mestre Alborghetti e é uma estranhamente esquisita mistureba de coisas idiotas que são a alegria dos noobs vagabundos que ficam em casa assistindo a TV enquanto deveriam arranjar coisa melhor para fazer, como por exemplo uma punheta básica.

Por incrível que possa parecer, o programa só é superado em audiência na região pelo do Jorge Kajuru, pelas novelas da Globo e pelo Big Brother Brasil, sendo o programa de maior sucesso da Bandeirantes, sendo até cogitada a ideia de que caso o Datena deixe de dar lucro, o Leo Oliveira venha a ser o seu substituto, pelo tanto que é o talento do cara com sua conversa para boi dormir.

Como funciona[editar]

Típica programação do Canal do Povo.

Este programa, para ter audiência e manter a atenção dos telespectadores de Ribeirão Preto e região, apela para o requentamento de notícias locais com expressação de opiniões ao famoso estilo que é marca registrada de gente como Datena e Sônia Abrão.

Sem contar entrevistas idiotas com políticos regionais e prefeitos, que talvez sonhem em algum dia se transformar em algum novo Palocci, bem como entrevistas com artistas autistas que fazem sucesso cantando modões de popnejo, sem contar as propagandas, que são um caso a parte de tão comédia besta.

Propaganda[editar]

Como se tudo isso não bastasse, tem todos os dias uma via-crucis de propagandas idiotas envolvendo as coisas mais noobs que se possa ter na face da terra, tais como:

  • Colchão Kenkomax - O colchão "magnético" que promete dar 500 reais no seu usado contanto que aceite o deles, que é mais caro que qualquer produto do Polishop.
  • Revendedoras de Carro - Temos como grandes destaques a Atri, que tenta a todo custo te empurrar um Fiat, a Dante, que quer porque quer que você compre um Renault e a Santa Emília, que é o cartel que controla as marcas da Volkswagen e da Toyota pelos lados de Ribeirão Preto, além de ocasionalmente aparecerem anúncios de revendedoras de veículos usados. Este é um tipo de comercial que é exibido a exaustão total, a ponto de você se sentir um excluido social caso não tenha um carro.
  • Chopperias - Especialmente para que você transgrida o famoso "Se beber, não dirija" e bata o carrinho que você acabou de comprar em trocentas prestações com uma das empresas acima. Também é justamente a propaganda de uma área tão segura que você pode facilmente ser vítima de um latrocínio se ficar fazendo muita graça com o carrão.
  • "Remédios" de segunda linha - Como se isso não bastasse, é um programa que tenta te empurrar a todo custo opções medicamentosas como uns tais de Vitamel e Varicel como se isso fosse alguma salvação para os pobres como você que não tem saúde nem para trabalhar.
  • Revendedora de celulares USADOS - Isso mesmo que você ouviu... Revendedora de celulares usados que vende celulares que já saíram de linha há uns 2 ou 3 anos com o discurso de seminovos, chegando ao ápice de contratar um bozo para tirar um gozo com a molecada.
  • Supermercados - Como não podia deixar de ser em um propagandistico de segunda linha, temos também propaganda de supermercados neste programa de segunda linha... E olha que não é nenhum Pão de Açucar e nem mesmo feras internacionais como Wal-Mart e Carrefour e sim um supermercadinho de Classe Comédia chamado Savegnago, que ao que parece, é dominado por uma gangue aliada do PCC e que teria vindo de Sertãozinho.

Bizarrices[editar]

Como se tudo isso não contasse, vez por outra aparece um pobre no tal programa querendo que algum Zé Mané faça uma caridade para se ajudar a boa alma...

E olha que em termos de bizarrices, não se faltam casos, se tendo inclusive um caso completamente ininteligivel de uma garota de 20 anos que sofreria de anorexia e teria apenas 12 quilos.

Depois de tantas, é de se pensar o porque de tanto sucesso, uma vez que ao que parece, o apresentador do programa segue mesmo a grande trilha do mestre Alborghetti, sendo cogitado para seguir carreira política.

No entanto, por incrível que pareça, o cara refuta com todas as forças e todos os argumentos essa ideia, uma vez que não se sente disposto para concorrer com o corno que é o atual prefeito, que não por acaso seria tão tucano quanto ele, mas que ao que parece tem tudo para ser derrotado pelo fenômeno Darcy Vera.

Ver também[editar]