Revista de videogame

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


A90.jpg

Este artigo discute coisas intrínsecas aos Anos 90's!
Se você NÃO teve infância naquela época, com certeza você está no Facebook ou no Whatsapp neste instante.


Credibilidade na análise de um bom jogo.

Cquote1.png O Mega Drive com seus 16 bits terá os gráficos mais radicais da geração Cquote2.png
Revista de videogame

Revista de videogame é (ou era) a fonte de informação para nerds no tempo do ronca (leia-se década de 80 e 90), criada para pais gastarem toneladas de dinheiro para poluirem ainda mais a Terra para dar informação inútil a pirralhos chatos.

Eram sustentadas pelo dinheiro da guerra da publicidade entre Nescau e Toddynho, tentando enganar crianças com reportagens "radicais" sobre a guerra dos bits e como aquilo era importante para os jogos.

Revista Videogame[editar]

Gamers Book, a arte de colocar spoilers na capa.

A primeira revista de videogame tupiniquim, com um nome altamente original, feita para crianças retardadas com nariz escorrendo, não era a toa que ninguém gostava dela.

Super Game Power[editar]

Fusão das revistas Super Game e Gamepower, era uma das mais amadas da molecada porque era a mais barata tinha boas matérias, bons detonados, e claro, a Marjorie Bros, que a galera se matava na punheta por causa dela.

Ação Games[editar]

A revista dos ricos, era cara pra cacete e tinha muita propaganda do Dynavision, da Tectoy e dessas podreiras.

Gamers[editar]

Criada por um dono de loja de games para vender seus produtos, costumava ser amada por ter muitos detonados, tanto que deixou de frescura e lançou logo a Gamers Book, aquela famosa revista que vinha com um spoiler na capa.

Revista de games de PCs[editar]

Revista de videogame prevendo o futuro.

São as revistas que ninguém lê, afinal o pessoal só compra por causa do jogo "completo" que vem na capa, incluindo os clássicos Counter Strike (sem Half Life) e Dota (sem Warcraft 3), ou algum jogo realmente completo que ninguém liga mais como Quake 2, GTA 2, Tomb Raider 2 ou Age of Empires II, e mais trocentos jogos em flash que podem ser jogados de graça na internet.

Ver também[editar]

Ptbosta.gif Este artigo tá uma bostinha.
Ele está pequeno, chato e sem graça. Será que teria alguma alma caridosa capaz de fazer uma boa ação, tipo a de editar e colocar coisas engraçadas, de forma que ele fique mais engraçado e menos idiota? Só tome cuidado porque o Moderador Malvado está de olho em VOCÊ!