São José do Divino (Piauí)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: roça Cquote2.png
Google sobre São José do Divino
Cquote1.png sua pesquisa "São josé do Divino (Piauí)" não encontrou nenhum documento correspondente Cquote2.png
Google sobre São José do Divino do Piauí
Cquote1.png Esta é uma cidade insignificante! Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre São José do Divino
Cquote1.png Acho que foi lá onde eu perdi minhas botas. Cquote2.png
Judas Iscariotes sobre São José do Divino

São José do Divino é uma cidade desimportante e esquecida do Piauí, normalmente não passaria de uma vila ou aldeia indígena, mas devido à baixa demografia piauiense, foi considerado um município próprio.

História[editar]

A ponte que dá acesso à São José do Divino, a única do mundo que se torna um viaduto dependendo da época e da estiagem do ano.

A cidade foi fudida fundada depois de um acordo entre o Satanás e o prefeito de Piracuruca, o capeta queria dispor de um espaço no qual ele pudesse tirar férias, sem perder o conforto do seu lar. Mas depois de uma visita à capital Teresina, que ele adotou como segunda casa, ele abriu mão desse local e deixou-o disponível aos caipiras que já habitavam essa região.

Geografia[editar]

A cidade limita-se com grandes centros urbanos como Joaquim Pires, Piracuruca e Batalha, com altitude de 666km abaixo do nível do mar e com o solo constituído basicamente por piçarra, poeira, barro e pedras.

Clima[editar]

É quente durante o verão e faz calor no resto do ano. A temperatura máxima nunca pôde ser medida, já que com um termômetro comum isso não é possível, seria necessário o mesmo termômetro que faz a medição em Terehell, mas nada da capital chega em São José do Divino.

Economia[editar]

A cidade é a maior produtora de leite de burra do país, sendo responsável inclusive, pelo abastecimento de grande parte do mercado internacional, o produto é exportado para dezenas de países, como o México.

Transportes[editar]

As carroças são o meio de locomoção mais usado, já que nas ruas estreitas de São José do Divino não há espaço suficiente para o trânsito de carros ou qualquer outro tipo de veículo similar. Ônibus, nem pensar.

As bicicletas são mais usadas para passeios, e para impressionar as mulheres geralmente os raios são enfeitados com macarrão ou pedaços de fitas coloridas!

O carrinho-de-mão é o veículo mais próximo de um carro que um habitante desta cidade pode adquirir, sendo este bastante usado pra levar as crianças para escola em idade entre 3 a 8 anos, é comum se ver de 4 a 5 crianças amontoadas, enquanto o pai pilota o veículo a caminho das creches.

Turismo[editar]

  • Festa do leite - Todos os anos a cidade se prepara para receber visitantes de diferentes lugares do mundo, o leite de burra é bastante apreciado, Don Ramón afirmou em entrevista recente que consome dois copos por dia todas as manhãs. Faz parte da programação do evento, a ordenha de cabras, a ordenha das vacas e a ordenha das burras, durante a festa, várias mulheres participam do concurso para a escolha da rainha do leite, que geralmente também é ordenhada ao final do evento (ou não).