Descitações:Se sente mal?

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Se sente mal?)
Ir para navegação Ir para pesquisar
Descitacoes logo.png

Este artigo é parte do Descitações, a sua coletânea de citações inúteis.

Reação típica do Seu Madruga à pergunta.

Cquote1.svg Sente-se mal? Cquote2.svg
Chaves sobre Seu Madruga.
Cquote1.svg Se sente mal? Cquote2.svg
Moradores da Vila sobre Seu Madruga.
Cquote1.svg Se sente mal? Cquote2.svg
Seus vizinhos sobre você.
Cquote1.svg Se sente mal? Cquote2.svg
Sensato sobre personalidades da televisão.
Cquote1.svg Se sente mal? Cquote2.svg
Países desenvolvidos sobre Brasil.
Cquote1.svg Se sente mal? Cquote2.svg
Criados a leite-com-pera sobre Gil Brother.
Cquote1.svg FILHA DAS PUTA!! PARA COM ESSA PORRA AÍ, MERMÃO!! Cquote2.svg
Gil Brother sobre as citações acima.

Se sente mal? é uma fatídica pergunta que foi repetida mais de oito mil vezes pelos moradores da Vila do Chaves, da qual acabaram surgindo outros significados e utilizações. Mas por que quer saber disso? Se sente mal?

Surgimento[editar]

Tudo começou quando Seu Madruga foi se olhar no espelho, pressentindo indícios de que estava mal. Após sentar-se bem numa cadeira, começou a refletir como se estivesse se esquecendo de algo (o próprio aniversário), ou como se, de repente, se sentisse mal. Instantes depois, Seu Madruga foi abordado pela Chiquinha.

Cquote1.svg Olá paizinho, como vai? Me dá um dinheirinho pra comprar um pirulito lá na venda? Cquote2.svg
Chiquinha, amolando de novo.
Cquote1.svg Sim... Cquote2.svg
Seu Madruga, coçando a testa.
Cquote1.svg Ah, sabe, eu nem queria... *cara de surpresa* *volta* Você disse que sim?! Cquote2.svg
Chiquinha sobre frase acima.
Cquote1.svg Sim, sim, sim. Toma, toma. Cquote2.svg
Seu Madruga dando o dinheiro e roendo a unha.
Cquote1.svg Se sente mal? Cquote2.svg
Chiquinha sobre o que aconteceu.

A partir daí, Seu Madruga desconversou e inventou uma história sobre uma amigo de infância, o qual está vivo [carece de fontes].

Repercussão no seriado (em discurso direto)[editar]

Segunda vez[editar]

Depois de um bate-boca, Chiquinha sai e não fecha a porta. É a gota d'água, e Seu Madruga sai de casa furioso (ou seja, ele já não estava bem).

Cquote1.svg Deixou aberta... Eu disse pra fechar a porta! *sai de casa* VOCÊ NÃO TEM ORELHAS?! Cquote2.svg
Seu Madruga, gritando no ouvido do Quico.
Cquote1.svg Sim, tenho duas, mas a esquerda já ficou surda! Cquote2.svg
Quico sobre suas orelhas.

Seu Madruga começou a desconversar de novo, mas desta vez gaguejando. Ele tenta sair dando uns tapinhas no ombro do Quico, mas nessa hora vem outra vez a célebre pergunta...

Cquote1.svg O senhor se sente mal? Cquote2.svg
Quico fazendo a pergunta mágica.

Terceira vez[editar]

Adiantemos a fita... Como em todo episódio do seriado, toda vez que acontece algo com o Quico, adivinha quem aparece?

Cquote1.svg Cristóvão Colombo!! Ah, o Costinha? O Pedro de Lara, é isso! Chapolin Colorado? Não deu. Cquote2.svg
Quico adivinhando a minha pergunta.

Não, seu burro do caramba! É a sua mamãe!

Cquote1.svg O que foi Tesouro? Esse barbudo te fez alguma coisa? Cquote2.svg
Dona Florinda sobre a confusão.
Cquote1.svg Não mamãe, ele não fez nada. Cquote2.svg
Quico sobre frase acima.
Cquote1.svg Olha seu... *ergue a palma da mão* *reflete* Se sente mal? Cquote2.svg
Dona Florinda sobre Seu Madruga não ter feito nada.
Cquote1.svg *se vira lentamente* O que disse? Cquote2.svg
Seu Madruga sobre frase acima.
Cquote1.svg Se você se sente mal! Cquote2.svg
Dona Florinda repetindo o que respondeu.
Cquote1.svg Não, não, não, não é possível, vocês combinaram, não é? Cquote2.svg
Seu Madruga sobre o que o elenco faz no seriado inteiro.

Mesmo após mais discussão, Seu Madruga não escapa de levar mais um belo tapa, e o resto já sabemos.

Quarta vez[editar]

Sim, ele se sente bem...

Assim que Quico vai pra casa, eis que surge a Miss Clô. Como é de costume, ao ver o Seu Madruga ela arruma a peruca, dá um gemidinho e vem até ele... desfilando.

Cquote1.svg Bom dia, Seu Madruga! Cquote2.svg
Dona Clotilde, cumprimentando calorosamente.
Cquote1.svg O QUE É QUE TEM DE BOM??? Cquote2.svg
Seu Madruga sobre frase acima.

Ela olha para ele, espantada, e...

Cquote1.svg Se sente mal? Cquote2.svg
Bruxa do 71, lançando mais um de seus feitiços.
Cquote1.svg *se vira em pausas* Me perguntou se, eu me sinto mal? Cquote2.svg
Seu Madruga sobre frase acima.
Cquote1.svg Sim(e)! Cquote2.svg
Dona Clotilde sobre frase acima.
Cquote1.svg E por que? Cquote2.svg
Seu Madruga sobre frase acima (o leitor finalmente deve estar estranhando não estar escrito "citação acima").
Cquote1.svg Bem, é que... não gosto nada da sua cara... Cquote2.svg
Dona Clotilde sobre frase acima.
Cquote1.svg Que... coincidência! (Hum?) Eu também! Er, er, digo... er... Cquote2.svg
Seu Madruga sobre a cara dele (ou seria dela?)

E os dois ficam conversando naquele mesmo esquema, a bruxa jogando cantadas no boneco Seu Madruga. Enfim, vamos adiantar a fita, de novo...

Finish Him![editar]

...aparentemente.

Ela vai embora, e nessa mesma hora vem o cavaleiro valente que enfrenta todos os dagrões:

Cquote1.svg Chaves, Chaves Chaves, vem cá, vem cá, vem cá, vem cá, vem cá. Cquote2.svg
Seu Madruga, puxando o Chaves.
Cquote1.svg Não, nananão pense que eu vou levar algum recado porque já me deve catorze meses de recados dados... Cquote2.svg
Chaves sendo burocrático.
Cquote1.svg Não, não, Chaves, eu não quero pedir pra levar nenhum recado! Cquote2.svg
Seu Madruga sobre cuzisse acima.
Cquote1.svg Então? Cquote2.svg
Chaves sobre plot twist acima.
Cquote1.svg Me diga-me uma coisa Chaves, como você me vê? Cquote2.svg
Seu Madruga recomeçando a investigação.
Cquote1.svg Ora, com os olhos! Cquote2.svg
Chaves sobre frase acima.
Cquote1.svg Mas isso eu já sei! Cquote2.svg
Seu Madruga sobre fra... ah, foda-se, cansei de escrever isso!
Cquote1.svg Então porque pergunta? Cquote2.svg
Chaves.
Cquote1.svg O que eu tô perguntando, é se eu dou a impressão de estar cansado! Cquote2.svg
Seu Madruga.
Cquote1.svg Cansado de quê, se não faz nada! Cquote2.svg
Chaves
Cquote1.svg QUEM DISSE QUE EU NÃO FAÇO NADA??? Cquote2.svg
Seu Madruga
Cquote1.svg Ué, o senhor nunca trabalha... Cquote2.svg
Chaves
Cquote1.svg Bom, bom bom, é que há muita falta de emprego, e eu gosto de dar oportunidade às pessoas jovens, e eu tenho tomado essa nobre atitude desde quando eu tinha quinze anos! E não tente mudar de assunto Chaves, diga, como você me encontra? Cquote2.svg
Seu Madruga
Cquote1.svg Como o encontro? Cquote2.svg
Chaves
Cquote1.svg Sim sim! Cquote2.svg
Seu Madruga
Cquote1.svg Procurando! Cquote2.svg
Chaves
Cquote1.svg Quero dizer como pareço de saúde, tenho algo errado na cara? Olha, olha, olha... Cquote2.svg
Seu Madruga
Cquote1.svg Tudo! Cquote2.svg
Chaves sobre frase acima
Cquote1.svg Tá querendo dizer que eu sou feio? Cquote2.svg
Seu Madruga
Cquote1.svg Não só de cara, mas também de corpo. Mas eu, eu acho que isso é bom né, porque o homem deve ser feio, forte e formal! Cquote2.svg
Chaves
Cquote1.svg Um-hum... Cquote2.svg
Seu Madruga
Cquote1.svg E pro senhor acho que só tá faltando ser forte e formal... Cquote2.svg
Chaves
Cquote1.svg Hum... Cquote2.svg
Seu Madruga, bufando de raiva
Cquote1.svg Isso quer dizer que não lhe falta muito pra ser homem... Cquote2.svg
Chaves

A essa altura, Seu Madruga faz um gesto com a cabeça...

Cquote1.svg Ou então quer dizer que... Cquote2.svg
Chaves, antes de ser interrompido
Cquote1.svg JÁ ESTÁ BEM! Olha Chaves, você tem sorte, eu não vou te fazer nada porque você foi o único que me animou! Cquote2.svg
Seu Madruga sobre frase acima. (He is back, babies...)
Cquote1.svg Eu por quê? Cquote2.svg
Chaves sobre frase acima.
Cquote1.svg Porque você não fez a pergunta que todos me fizeram: "Se sente mal?"... Cquote2.svg
Seu Madruga sobre indagação acima.
Cquote1.svg Quem perguntou isso? Cquote2.svg
Chaves, curioso à respeito.
Cquote1.svg Todos! Um amigo meu, a Chiquinha, o Quico, a Dona Florinda, a Bruxa do 71, todos! Cquote2.svg
Seu Madruga, 200% putasso.
Cquote1.svg Que burros, não é? Cquote2.svg
Chaves animando Seu Madruga de novo.
Cquote1.svg Claro, Chaves, claro! (Como que...) *começa a fazer poses* Cquote2.svg
Seu Madruga sobre animada acima.
Cquote1.svg Pra quê perguntar uma coisa que se nota a quilômetros! Cquote2.svg
Chaves misturando a cuzisse e o plot twist da conversa anterior.

Derrotado, Seu Madruga vai pra casa muito triste (até prende o braço na porta), de tão mal que ele ficou. E o Chaves, como sempre, não entende nada. Mas de qualquer maneira, ele acaba fazendo a mesma pergunta mais adiante no episódio.

Conclusão: Seu Madruga ganhou um chute quádruplo na coluna (com direito a fatality), e na continuação do mesmo episódio, no mesmo canal, no mesmo horário e na mesma televisão ainda conspiraram para matá-lo.

Aplicações[editar]

Muito simples, basta perguntar para alguém que esteja padecendo. Para ver mais detalhes, faça um pequeno esforço: volte pro início e veja as citações. A menos que você esteja se sentindo mal.

Vídeo[editar]

A famigerada pergunta...

Cquote1.svg Até tu, Brutus, meu filho? Cquote2.svg
Seu Madruga fazendo cospobre do Júlio César.