Siri Inimigo Gigante

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Caretamonstro.png Este artigo só pode ser coisa de MONSTROS!

Estrague este artigo que eles vão avançar e te comer! Nos dois sentidos!
Para não despertar a fúria deles, melhore este artigo, tá?

AGORA CORRE!!!

Sculpture samurai.jpg

Made in Japan
Este é um artigo com tecnologia do sol nascente né.
Trabalha e fica na escola mais do que qualquer outra coisa.


Siri Inimigo Gigante
Gigantus Fudidonius
Gigantus Fudidonius
Classificação científica
Reino: Animal
Filo: Artropde
Classe: Crustáceo
Ordem: Brachyura
Família: Grotesque
Gênero: Gigantus
Espécies
  • Gigantus Niponicus
  • Gigantus Fudidonius
  • Gigantus Lazarentus

Cquote1.png Eles são baseados em famosas batalhas que aconteceram no Japão medieval. Cquote2.png
Sony sobre Siri Inimigo Gigante

Cquote1.png Você deve atacar seu ponto-fraco para causar dano massivo! Cquote2.png
Sony sobre Siri Inimigo Gigante

Os Siris Inimigos Gigantes são uma espécie muito foda de siris do mal. Eles são como siris comuns, só que 500 vezes maiores e mais famintos.

História[editar]

A famosa batalha dos samurais contra o Siri Inimigo Gigante.

Os Siris Inimigos Gigantes surgiram na época do Japão medieval, em alguma ilha radioativa no meio do Oceano Pacífico (provavelmente a mesma onde surgiu o Godzilla). Tais siris fugiram dessa ilha, e acabaram invadindo o Japão. Os Shoguns da época enviaram seus melhores samurais para combater a ameaça, mas seus exércitos foram facilmente aniquilados pelos crustáceos super-desenvolvidos. Foi então que um dos samurais sobreviventes teve a brilhante ideia de procurar pelo ponto-fraco do bicho, ao invés de continuar atacando inutilmente a carapaça do bicho. O bravo samurai, cujo nome foi esquecido, com um só golpe atingiu a testa do siri, causando-lhe dano massivo. Logo os samurais conseguiram deter a ameaça crustácea e salvar o Japão.

Sobre o bicho[editar]

Reza a lenda que um Siri inimigo Gigante foi encontrado na Europa pelos cruzados. Tal siri dizimou um exército inteiro deles, até que um bravo soldado descobriu seu ponto-fraco e dizimou a terrível criatura.

Os Siris Inimigos Gigantes são como os siris comuns: tem oito patas, duas pinças, uma carapaça indestrutível, vivem em ambientes aquáticos e andam daquele jeito engraçado. Lógico, suas oito patas passam por cima de arranha-céus, suas pinças são capazes de estraçalhar tanques de guerra, sua carapaça consegue resistir até a bomba-atômica, nenhum ser aquático ousa se aproximar da criatura, e seu andar não parece nada engraçado quando ele detona sua casa sem o menor esforço.

Sua dieta é bastante variada, sendo composta por carne de seres humanos, concreto proveniente das construções que ele destrói, metal retorcido dos carros e caminhões pelos quais ele passa por cima, fios de cobre da rede de transmissão de energia elétrica, árvores, cabines telefônicas, orelhões, terra proveniente de morros e estátuas de mármore.