Sylvinho Blau-Blau

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Rioband.jpg Coé, merhmão, eshte arhtchigo eh CARIOCA!

Não vandalize, senão a chapa vai ficarh quentche, cara. Agora deixa eu irh na praia pegarh um bronze nesse sol de 50 graush, comendo unsh bishcoitosh.

Emblem-sound.svg.png Sylvinho Blau-Blau
Sylvinho blau blau.jpg
Coçando o saco
Nome Sylvio Luiz do Rego Junior
Origem Rio de Janeiro Bandeira do Brasil Brasil
Sexo link={{{3}}} Masculino
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.png
Punheta
Gênero Brega
Influências Balão Mágico
Nível de Habilidade Baixo, ruim, pobre...
Aparência Caquético
Plásticas Várias, mas nenhuma adiantou
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Cheirar gatinhos ursinhos
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Fofão

Cquote1.png Ai ai ai, ui Blau Blau! Cquote2.png
Sylvinho Blau-Blau soltando a franga cantando seu único sucesso
Cquote1.png AAAA, meus ouvidos! Cquote2.png
Pessoa normal sobre o hit acima

Sylvinho Blau-Blau, antigamente conhecido apenas como Sylvinho, é um cantor brasileiro que fez muito sucesso por volta de 1900 e guaraná com rolha com somente uma música, que foi a responsável pelo eterno apelido que carrega até os dias atuais: Ursinho Blau Blau, considerada um clássico do rock nacional. Pior que é sério, desta vez a Desciclopédia não está sendo irônica.

Sobre[editar]

O famoso Ursinho Blau Blau, responsável pelo estrelato de Sylvinho, cheio de pulgas no focinho.

Sylvinho é um carioca nascido no Rio de Janeiro. Iniciou sua carreira musical em 1982, como vocalista de uma banda desconhecida chamada Absyntho, onde compôs seu grandioso e único hit Ursinho Blau Blau, que foi escolhido para ser a primeira música de trabalho do grupo. Com uma letra estúpida de fazer inveja ao funk carioca, a canção tornou-se uma das mais pedidas nas rádios brasileiras durante os anos 80.

Após o Absyntho falir em 1988, Sylvinho lançou-se na carreira solo, mas não conseguiu emplacar mais nenhum sucesso nesta fase de sua vida. Mesmo lançando novos álbuns com repertório inédito, ele continuou sendo lembrado apenas por Ursinho Blau Blau. E já devia estar satisfeito com isso, porque seu talento era completamente nulo.

Em meados de 1999, foi convidado a posar nu em uma revista fuleira que era plágio da G Magazine, mas recusou porque havia se convertido evangélico, para alívio geral de todo mundo. Afinal, se ele já é uma desgraça total vestido, pior ainda seria pelado.

No ano de 2001, fez um show considerado histórico no Rock in Rio, quando se apresentou junto com outro fóssil vivo da música nacional, o roqueiro caquético Sergay. No palco do festival, tentou imitar a icônica cena em que Ozzy Osbourne arrancou a cabeça de um morcego com a boca e fez o mesmo com seu ursinho de pelúcia, o famoso Blau Blau, a fim de se livrar de uma vez de seu estigma. Porém, não adiantou porra nenhuma, e tal atitude causou revolta na plateia, já que ninguém entendeu porque destruir um bichinho tão fofinho.

Passou muitos anos fora da mídia, até que foi convidado em 2012 pela Record para integrar o elenco de A Fazenda 5. Foi um dos primeiros eliminados do reality show, já que sua feiura estava queimando a retina dos telespectadores.

Desde 2013, Sylvinho vem realizando apresentações que passam despercebidas por qualquer um em Copacabana, onde mora com sua mulher. Sim, por incrível que pareça, o meliante é casado.