Teke Teke

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Ghostrider39.jpg Este artigo é ASSOMBRADO!

Algum espectro que atravessa paredes e adora pregar peças em cagões
está vigiando este artigo, então cuidado com os objetos flutuantes e não vandalize,
ou ele virá puxar seu pé enquanto dorme.

Night creature.JPG Teke Teke surgiu das trevas!!

E está aqui pra puxar seu pé!

Puro osso.gif
Wikify.png Por favor, alguém arrume este pobre artigo segundo as diretrizes estabelecidas no livro de estilo antes que alguém infarte lendo esse artigo mal formatado...
AVISO: NÃO REMOVA ISSO ANTES DE TER CERTEZA ABSOLUTA QUE O ARTIGO JÁ FOI COMPLETAMENTE "WIKIFICADO", SENÃO VOCÊ PODERÁ SOFRER AS CONSEQUÊNCIAS!
Dica: não sabe como wikificar um artigo? Então leia AGORA o nosso Tutorial Wiki! Ou peça ajuda para os usuários mais experientes...
"Vou te cortar porra!"

Cquote1.png Você quis dizer: Doida sem pernas? Cquote2.png
Google sobre Teke Teke

Cquote1.png Experimente também: Pernas de aço? Cquote2.png
Sugestão do Google para Teke Teke

Cquote1.png Essa é perigosa! Cquote2.png
Chico Buarque sobre Teke Teke

Cquote1.png É por isso que é bom olhar as pernas de uma colegial antes de querer passar a jabiroca Cquote2.png
Japonês sobre Teke Teke

Cquote1.png Isso non ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Teke Teke

Cquote1.png Pise na cabeça da cabeça filho de Deus! Pisa! Pisa! Pisa!!! Cquote2.png
Marcelo Rossi sobre Teke Teke

Teke Teke é uma lenda urbana popular na terra da corda curta e que põe pavor no coração dos cagões japas e dos tarados que acham que toda colegial nasceu para queimar a rosca.

Aqui no Brasil, ninguém tem conhecimento da existência dessa lenda o que mostra uma profunda falta de cultura cultural.

Mesmo a comunidade científica dizendo que essa coisa não existe, muitas pessoas japonesas afirmam que viram Teke Teke dando uma de bebada e passeando por aí.

História[editar]

Teke Teke te chamando para flertar.
Você depois de alguns segundos.

A lenda diz que uma garota chamada Aiko Pinako um dia foi tomar saquê. No bar, Aiko acabou derrubando vodka (não era saquê?) no par de melancias da mulher de um chefe da Yakuza; irritada, a mulher deu um sacode em Aiko que, sem mais nada pra fazer, foi bebada pra estação de metrô.

Esperando o subway 425, um magricela, que foi mandado pela mulher do chefe da Yakuza, empurrou Aiko nos trilhos; a Pinako acabou sendo decepada ao meio pelo metrô enquanto o magricela dizia "Foi sem querer querendo".

As pessoas ao redor até tentaram parar o metrô e avisar ao maquinista que ele fez merda, mas não adiantou.

Ressurreição[editar]

Típica expressão de alguém que acabou de encontrar a Tek... AAAAA! Cuidado!...
... Tarde demais...

Depois de anos após o acidente, o espírito de Aiko soltou a franga e começou a empalar todo mundo que visse. Os únicos que estavam a salvo era os que sabiam aonde as pernas da doida estavam.

A partir de algum tempo, o fantasma de Aiko ficou conhecido como Teke Teke, por causa daquele barulho infernal que as lâminas dela faziam ao tocar no chão, junto com um cheiro de maconha misturado com peido de ganso.

Tek tek tek tek tek tek tek tek... "Que barulho é esse!?"
Outra vítima da implacável assassina.

O problema é que poucas pessoas conseguem se safar, já que, quanto ela te perguntar "cadê minhas pernas?", você tem que responder "No metrô." em japonês. Se conseguir se safar dessa, você vai, no máximo, cagar nas calças.

Curiosidades[editar]

Broom icon.svg
Tua mãe desencoraja seções de curiosidades, mas nós não ligamos a mínima! Sob as políticas da Desciclopédia
Mas bem que esta seção pode ser aproveitada integrando-se piadas decentes às seções mais adequadas.
Cada curiosidade pode render uns bons parágrafos, então faça direito!


  • Essa lenda é velha pra caralho (lá pelo século XIX) e o mais estranho é que já existia metrô naquela época.
  • A Teke Teke gosta mais é de atacar garotões desavisados, já que, quando era Aiko, não conseguia esconder a sua tendência a pedofilia.
  • Mesmo bebada, Aiko sabia que estava em um metrô, mas quando virou Teke Teke se esqueceu onde as pernas tinham ficado.

Veja também[editar]