the CasettE

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de The GazettE)
Ir para navegação Ir para pesquisar
Alice-nine0001.jpg
Phantasmagoria 8265.jpg

Spark! Este artigo é sobre algo relacionado a J-Rock!!!

Qualquer ligação com Visual Kei é mera coincidência


Cquote1.svg Você quis dizer: The gazettosos Cquote2.svg
Google sobre The Gazette
Cquote1.svg Quando eu crescer eu quero ser igual eles! Cquote2.svg
Otaku de 30 anos sobre Gazette
Cquote1.svg Essa banda é muito boa Cquote2.svg
Surdo sobre Gazette
Cquote1.svg Não é gazette, é The GazettE! Cquote2.svg
VKeir sobre Gazette
Cquote1.svg A pronúncia é GazettOOOO! Cquote2.svg
Outro VKeir sobre Gazette
Cquote1.svg gazzete? nyaaaaa *-* mas eles são tããããão kawaiis! *-* são meus maridos tira o olho u.ú Cquote2.svg
Fangirl sobre Gazette
Cquote1.svg Porra, quanto mulher gostosa! Cquote2.svg
Heterossexual sobre Gazette
Cquote1.svg Carry e Uruha são o casal mais kawaii ever, eles vão casar e ter filhos nhaa u.u Cquote2.svg
fangirl sobre Gazette
Cquote1.svg Nossa, que voz de pato é essa? Mais excêntrico vocalista de todos os tempos! Cquote2.svg
fangirl sobre Gazette
Cquote1.svg gazette? Não era Gazettosos o nome da banda? Cquote2.svg
Pessoa normal sobre Gazette

the GazettE
Gazette1.jpg
Hmm... sorrisinhos safados...
Origem Barriga da mãe deles
País Japão
Período 2002 - atualmente
Gênero(s) J-Rock
Gravadora(s) People Shiny Company (PSC)
Integrante(s) [Incrível] Hulk, Êita, Ur Urra, Ah oi!, Caí.
Ex-integrante(s) {{{exintegrantes}}}
Site oficial {{{site}}}


Gazette The Gazette the GazettE (カセッテ k7) é uma banda visual kei made in nihon especialmente popular entre Otakus, vkeiers, são um dos exemplos mais notáveis da "perversidade" na cena musical japonesa, além de serem conhecidos como esutora timpanô. Atualmente, faz parte da gravadora Companhia PS, extremamente conhecida por lançar bibas divas como Miyavi, AlIcE NinE Alice Nine e Kagrra,.

História

antes da fama

No início, a banda se chamava the Gazetchê. Vendo que a coisa não ia pra frente (nem para trás/frente/trás/frente Goza!), pensaram muito e concluíram que precisavam de dinheiro para se mudar para o Japão. Como a música era muito difícil, procuraram contrato com a TV. Depois de diversas tentativas frustradas de fechar contrato com as grandes emissoras, juntaram-se à TV Gazeta, gravando filmes pornô comerciais de pasta de dente e vídeos sobre educação sexual.

Os vídeos "educativos" fizeram tanto sucesso, que ganharam seu próprio programa no canal, o the GazettEducators, exibido às 03:15 da manhã. O nome, como podem notar, era um apelido clichê chique para o nome original, Os Educadores da TV Gazeta. O seu visual era um apelo ao público travesti. Logo, o pé de meia ficou grande o bastante, e lá se foram eles para Japorungalandia. Como o som da banda era péssimo bem diferente, resolveram manter o nome the GazettEducators, e é claro, as roupas super-pink-fashion cintilantes e purpurinadas também, para não perderem a clientela audiência duramente conquistada. Mais pra frente, cansados de repetir um nome tão grande comprido, e abreviaram para the GazettE. E assim ficou.

Os homens [?]

ルキ (incrível hulk) - vocalista

O Incrível Gigante Anão Vocalista Hulk!

Famoso por seus sedutores 162 cm de baixura ou exatamente meio Miyavi, a medida de altura oficial do mundo Gay Rock, Ruki é um dos anões integrantes mais kakkoi desu ne pela garotada, seja por seus visuais super-fashion, por suas milenares técnicas de massagem peniana ou por suas capacidades sobre-humanas de mover a própria língua de modo a enlouquecer as taradas fangirls (e/ou boys).

Cquote1.svg Tamanho: ou você tem, ou você não tem. Cquote2.svg
Fiat Stilo sobre Ruki
Cquote1.svg De quem é essa criança?" Oo Cquote2.svg
Policial que encontra Ruki perdido
Cquote1.svg Se tamanho fosse documento, esse aí seria um indigente Cquote2.svg
Cartório sobre Ruki
Cquote1.svg Eu tenho como provar que ele tem menos da metade da altura do Miyavi! Cquote2.svg
Staff que acompanha a banda sobre Ruki

麗 (Ip!ip! Ur... URRA!!!) - guitarrista

O que a falta de maquiagem e photoshop não fazem...

Famoso por seus sedutores 207 cm (NÃO É DE ALTURA!) e pelas coxonas incríveis hummm boiola!, Uruha, além de músico, é um verdadeiro pioneiro da ciência, sendo a ele atribuída a criação da unidade "ano-luz" para medir sua própria potência peniana durante a adolescência. Sex-symbol da banda, o jovem é popular por exibir suas lindas e macias coxas cuidadosamente cultivadas em laboratório com muito creme e sake, o que provoca o ciúme de seu namorado, o ex-dançarino de cabaré Aoi. Ip! ip! Uruha tem problemas com cachaça. É doidão por uma champanhe, já ganhou um garrafão tamanho Fórmula 1. Um dos fãs que bebeu sozinho (lógico). Antes de entrar para o the GazettE, Uruha, garoto prodígio, era um exímio escoteiro. Sua maior habilidade era armar várias barracas, que abrigavam todos os seus coleguinhas, e providenciar um saco, onde todos pudessem dormir com conforto.


Miau, fiquei shekshi.

Toda Sexta-Feira 13, Uruha vai ao cemitério com 13 crianças, às 4 horas da manhã (1+3). É então que ele faz um ritual satânico invocando Marilyn Monroe, e absorve a jovialidade e beleza das pobres crianças, que viram pó, instantaneamente.

Em uma entrevista com Dercy Gonçalves, ela afirma que, em sua juventude, (256aC), Uruha era o "broto", o "xuxuzinho", o delírio da moçada, sempre exibindo os coxões perfeitos como isca para os incautos. Isso comprova que a moça o rapaz tem utilizado sua técnica de absorção de juventude há séculos.

Uruha, ultimamente, não tem mostrado muito as coxas, prova de que Aoi, enciumado e aborrecido, usou a mesma estratégia que Uruha usou para fazê-lo tirar o piercing do beiço. Ou era a cinta liga, ou era o Aoi. Já que Uruha não é burro, Aoi venceu.

れいた (Êita!) - baixista

ReitaHUASHUASHU.png

Reita é o homem-saúde da banda. Saradinho, tem como passatempo ir à academia, fazer natação e, principalmente, à aula de ginástica, no que é acompanhado com prazer por seus companheiros, em especial, Hulk. Sua paixão por malhar é tamanha que Reita, em carreira solo, lançou seu único single, Aula de Ginástica, sucesso absoluto nas favelas melhores baladas do país. Por causa de seu narcisismo,

Reita fazendo cosplay de kakashi um serial killer

Reita foi pego por Jigsaw e acabou perdendo o nariz. Teria tido uma vida horrível, se seu amigo Michael não o tivesse levado a uma famosa clínica que, apesar de lhe tomar thousands and thousands of dollars, arranjou-lhe uma prótese nasal. A única lei de Reita é fazer cosplay do Kakashi colocar uma gravata no nariz e ficar com ela pra sempre. A única vantagem é que quando ele espirra não precisa de lenços.


Cquote1.svg O que vocês acham do meu cosplay? *___* Cquote2.svg
Otaku com durex no nariz sobre Reita

Cquote1.svg E aê, galo de briga! Cquote2.svg
Fake do Aoi sobre Reita

Cquote1.svg Porque vocês acham que eu tenho essas coxas ? Cquote2.svg
Uruha sobre Reita e seu single.

Cquote1.svg "O que vocês asham do meu cosgay? *___*" Cquote2.svg
Correção do Word do "Otaku com durex no nariz."

葵 (Ah, oi.) - guitarrista

Aoi seduzindo Uruha você
Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: Aoi (Gazette)

Ex-dançarina de cabaré, modelo frustrada e gato moreno impetuoso, Aoi, juntamente com seu namorado Uruha, toca punheta guitarra no the GazettE. Já deu para todos os outros membros da banda. Possuía piercing no umbigo, que fez escondido de sua mamãe. De acordo com Jesus, representa a exposição do corpo, visto que as pessoas que os usam gostam de deixá-los à mostra. Ou seja, ele é uma puta adorável mocinha exibicionista. Voltando ao seu namorado, este que sabia que o provocativo piercing no umbigo de Aoi causava tanto tumulto na comunidade homossexual, pediu que movesse o acessório metálico para o beiço, por causa de seu ciúme. Mesmo assim, o piercing continuou dando origens a fantasias gays, então Uruha pediu que Aoi escolhesse entre o piercing e ele. Uruha venceu.

Existem rumores de que Aoi tenha ascendência negra, pois seu ágil, delicioso e gostoso habilidoso rebolado latino e seus grossos beiços lábios dão a entender tal coisa. Sua diferença dos membros da banda também é acentuada, pois fala com sotaque nordestino, leva eras para entender uma indireta/se dar conta de que estão falando com ele, é retardado, maluco, altamente viciado e terrivelmente LENTO. Além disso, Aoi se destaca na banda por ter um rebolado sexy gostoso sedução que ele mostra toda vez quando finaliza um solo em sua super guitarra paraguaia. Fontes comprovam que Aoi passou pelo mesmo tratamento que Michael Jackson, sendo que, suas ascendências negras são percebíveis a quilômetros. O tratamento, assim como o de Michael Jackson, não deu muito certo.

RAAWWR

Cquote1.svg Kanooooon?! *0* Cquote2.svg
Fangirl de An Cafe confusa.
Cquote1.svg Ele é minha musa inspiradora! Cquote2.svg
Aoi sobre Michael Jackson.
Cquote1.svg O Aoi é seme, tá! ¬¬ Cquote2.svg
Fangirl de yaoi estressada sobre Aoi.
Cquote1.svg Você ainda acredita mesmo nisso...? Cquote2.svg
Eu sobre fangirl acima.
Cquote1.svg Eu sou flex. Cquote2.svg
Aoi tentando inocentar-se na discussão das fangirls acima.

戒 (Caí) - baterista

nao se engane por esse sorriso...

Tem um sorriso maroto. Desde pequeno, Kai sempre teve um lado espiritual e trabalhava como pai-de-santo distribuindo pipoca no bairro da Liberdade, junto com seu mestre Yoda, um experiente macumbeiro estrelista que a-do-ra ignorar todo mundo. Cansando dessa vida, Kai decidiu apostar na culinária, mas como nem os adoráveis mendigos do bairro nipônico aceitavam comer sua carne, aceitou o convite para participar da banda de seus amigos danados após a misteriosa morte do ex-baterista Yune. Paparazzi de plantão e yaoi fangirls acreditam que ele tenha um caso com a diva Miyavi.

Embora seu simpático sorriso encante muita gente, Kai é uma pessoa terrível. Pisa em todos e usa de seu charme para chegar aonde quer. Kai não saciou sua sede por fama assassinando substituindo Yune. Tem planos para esquartejar Reita, logo seguido por Aoi, Uruha, e finalmente Ruki. Deseja tomar o the GazettE para si, e posteriormente, o mundo.

Kai sentindo a vibe dos espíritos de seus antepassados

Cquote1.svg "Sorria, sorria, ninguém resiste!" Cquote2.svg
Kai pensando quando está em publico.

Cquote1.svg Me vingarei! Cquote2.svg
Yune sobre Kai

Cquote1.svg Uruha fica no gol, Aoi fica na ponta direita, Reita na esquerda e eu fico de meio-campo! Cquote2.svg
Ruki organizando um jogo de futebol com os colegas de banda.

Cquote1.svg E eu, Ruki ? Cquote2.svg
Kai, tentando aparecer.

Cquote1.svg Fica em qualquer canto, ninguém lembra de você mesmo. Cquote2.svg
Ruki, ainda organizando um jogo de futebol com os colegas de banda.

ユネ (Eu Nê?) - falecido ex-baterista

Yune em 2003
Yune nos dias atuais. Dizem que este local escuro é o porão de Kai, que guarda seu esqueleto como troféu e se vangloria após cada turnê bem sucedida

Yune começou sua humilde vida como camponês. Ajudava seus pais na fazenda, tirando o leite das vacas, e arando a terra. Certo dia, ao chegar mais cedo da escola, viu seu pai vestindo as roupas de sua mãe, junto com alguns miguxos. Yune achou estranho, mas logo entrou na brincadeira. Então, ao verem como ele era ótimo pegando nas baquetas, o encaminharam para o Se Vira nos 35, uma cópia versão da TV Gazeta daquele programa lá, daquele certo canal. Yune fez um grande sucesso, e logo foi transferido para o programa de maior audiência da época, o the GazettEducators, onde se juntou à banda.

Algum tempo mais tarde, Yune se suicidou sem motivo aparente, se jogando da escada e se dando 18 facadas nas costas. Ainda insatisfeito, se estrangulou, e depois de morto, se jogou na piscina.

As digitais de Kai foram encontradas na faca, e o sangue de Yune estava nas roupas de Kai. O que obviamente não provou nada, uma vez que, de acordo com Kai, Yune entregou (gentilmente, claro) a faca para Kai após se suicidar, e cuspiu sangue em suas roupas, antes de se empurrar da escada. Mediante o sorriso hipnotizante a falta de provas contra Kai, a polícia apenas o interrogou e depois deixou-o em liberdade total.

Cquote1.svg Que descanse em paz! Cquote2.svg
Kai sorrindo sobre o cadáver de Yune

Os Álbuns

the GazettE possui três álbuns, todos gravados com ajuda de Satã, Xuxa. Os nomes foram escolhidos com propósitos muito especiais, demonstrando passagens da vida artística da banda.

Disorder (Dizórdi)

Êita e Hulk fazendo um fanservice básico.

Lançado em 13 de Outubro de 2004, Dizórdi refletia habilmente o estado caótico no qual a banda se encontrava, até porque era seu primeiro álbum. Decididos a pagar pau pro Dir en Grey começar inusitadamente sua jornada musical, gravaram o álbum numa bagunça total, nos renomados "Studios Jeremias Productions superLTDA", ao melhor estilo Tr00 Metal de ser. A profundidade das composições de Hulk tornaram-se a alegria da garotada.

Faixas:

  1. "Intrometido" – 0:48 (Intro)
  2. "De social ri do machinho" – 3:36 (THE $OCIAL RIOT MACHINE$)
  3. "Caí?" – 4:29 (Carry?)
  4. "Já curou a gata do Yutsu?" – 3:56 (Zakurogata no Yūutsu)
  5. "Max e um impulso" – 5:39 (Maximum Impulse)
  6. "Ana cortou-o-baço" – 4:45 (Hana Kotoba)
  7. "Toque o Shin e a Ju" – 5:47 (Tōkyō Shinjū)
  8. "Salamandras x Duendes x Ratinhos" – 3:22 (SxDxR)
  9. "Anti-Popeye" – 3:13 (Anti Pop)
  10. "Xí! Te castro, oká?" – 4:38 (Shichigatsu Yōka)
  11. "Saravá!" – 6:14 (Saraba)
  12. "Desordem na Rave" – 1:20 (Disorder Heaven)

Cquote1.svg Além de ser compatível com o meu quarto, ele reflete minha alma! \m/ Cquote2.svg
Adolescente preguiçoso revouts sobre Disorder

Nil (Neo do Matrix)

O Incrível Vocalista Hulk em momento criativo inventando novas letras

Depois de organizarem toda a Dizórdi, the GazettE lança, em 8 de Fevereiro de 2006, este novo álbum, que retrata uma NOVA fase de sua carreira. O nome original seria na grafia inglesa *NEW* (como os demais álbuns), mas por falta de verba, acabaram recorrendo a antigos amigos da época da TV Gazeta, e contrataram os serviços de uma produtora brasileira, cujo diretor analfabeto oriundo do Acre (segundo relato do mesmo) não sabia nada do idioma e acabou lançando como Nil. As correções tornaram-se inviáveis pois já não havia mais verba e todos estavam muito ansiosos.

Nil acabou fazendo muito sucesso nas “reivens” do Acre, porém este fato não foi divulgado na mídia, uma vez que supõe-se que o ACRE não existe fisicamente.

Faixas:

  1. "Duende" – 2:11 (The End)
  2. "Náusea enxuta" – 6:07 (Nausea & Shudder)
  3. "Beth's Room" – 5:06 (Bath Room)
  4. "Malotes" – 2:48 (Maggots)
  5. "Não atacai a mei zarolha Janete" – 3:04 (Namaatatakai Ame Tozaratsuita Jōnetsu)
  6. "Delineador" – 6:11 (D.L.N.)
  7. "Já dei VI+II+I" – 4:16 (SHADOW VI II I)
  8. "Varetta" – 5:44 (Baretta)
  9. "Cassilda" – 6:44 (Cassis)
  10. "Se liga no Disco" – 3:57 (Silly God Disco)
  11. "Diz, Charles" – 3:26 (Discharge)
  12. "Ta aí, ó" – 6:17 (Taion)

STACKED RUBBISH (Porcaria Empilhada)

O anão Hulk tirando uma casquinha das coxas de Urra, ao vivo.

Cansados de tentar compor algo decente, pegaram as melhores gemidas de banheiro composições de Hulk e jogaram tudo de qualquer jeito no CD, lançando-o em 4 de Julho de 2007. Surpreendentemente, fez grande sucesso nas quitinetes e lanchonetes hi-tech japonesas.

Faixas:

  1. "Touchdown! Bye, Vomit" – 1:49 (Art Drawn by Vomit)
  2. "Ah, Gone (Ah, se foi)" – 4:15 (Agony)
  3. "Hienas" – 4:16 (Hyena)
  4. "Aplicação Burrial" – 4:27 (Burial Applicant)
  5. "Gangues não acabaram" – 4:08 (Ganges ni Akai Bara)
  6. "Regride" – 4:30 (Regret)
  7. "Como eu vim" – 6:05 (Calm Envy)
  8. "Passeio no Vale Encantado" – 4:06 (Swallowtail on the Death Valley)
  9. "Roube 136 Bares" – 2:39 (Mob 136 Bars)
  10. "Gente lá, aí!" – 3:53 (Gentle Lie)
  11. "Fios em Debut" – 4:11 (Filth in the Beauty)
  12. "Círculo de Swing" – 2:58 (Circle of Swindler)
  13. "Tesouro" – 5:47 (Chizuru)
  14. "Pipoqueiros" – 2:58 (People Error)

Os Miniálbuns

Uruha fazendo um bico posando pra Playboy entre um álbum e outro.
  • [28 de maio de 2003] Coca-in-Soup (Coca-Cola na Sopa) (COCKAYNE SOUP)
  • [25 de junho de 2003] Ah, com o Kai... (Akuyūkai)
  • [30 de julho de 2003] Super Margheritta (Super Margarita)
  • [1 de outubro de 2003] Arrancou, seu bebum! (Hankō Seimeibun)
  • [30 de março de 2004] Mandaram (MADARA)
  • [3 de março de 2005] Layla (Eric Clapton cover) (Reila)
  • [3 de agosto de 2005] Cama (GAMA)
  • [3 de maio de 2006] Dá-lhe Nippon! Então queixou-se do sumiço, já que eu catei o Zé com o texugo (Dai Nippon Itan Geisha-teki Nōmiso Gyaku Kaiten Zekkyō Ongenshū)

Os DVDs

  • [28 de Abril de 2004] - Dia dos Jumentos (Judment Day)
  • [5 de agosto de 2004] - Cansei de te bancar (Heisei Banka)
  • [6 de julho de 2005] - Na real, Disórdi Máxima (Maximum Royal Disorder)
  • [6 de setembro de 2006] - Nem é liso! Libertem os Seis Guris... (Nameless Liberty. Six Guns...)
  • [13 de junho de 2007] - Dei com pozinho, viu, tio? (Decomposition Beauty)
  • [2 de agosto de 2008] - Repeti com incontáveis erros (Repeated Countless Error)

Ligações externas

Cquote1.svg Ma---as... Num era pra ser ao contrário? O Ruki é uke o__o" Cquote2.svg
Fangirl, depois de ver o que Ruki faz com Reita.
Cquote1.svg E você ainda acredita nisso? Cquote2.svg
Eu, a respeito do comentário da fangirl.
Cquote1.svg He...He...He... Já falei pra ele não fazer isso em público. Cquote2.svg
Reita depois do ocorrido.