The Hurricanes

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
The Hurricanes
TheHurricanes.png
Nome Os Imigrantes Ilegais
Território Spanish Harlem
Líder Vargas e Diego
Afiliados The Boppers
Rivais The Warriors


Cquote1.png Escutem aqui, seus punheteiros! Se quebrar meu bar, enfio minha faca no cu de vocês! Cquote2.png
Dono do bar puxa-saco dos Hurricanes sobre The Warriors
Cquote1.png Fudeu. Cquote2.png
Sanchez sobre os dois líderes dos Hurricanes tomar uma porrada dos membros dos Warriors

Os Hurricanes são uma gangue quase secundária do jogo e do filme The Warriors, onde são uma gangue formada por membros hispânicos, principalmente a maioria deles são imigrantes ilegais vindo do Porto Rico, onde costumam chamar os membros de pai de "família", e adoram escutar músicas horríveis espanholas em seus bairros.

Os Hurricanes foram fundados em 1979, como a maioria das gangues dessa merda, e adotaram a região de Spanish Harlem para mandar, já que era a única região onde a maioria das pessoas fala espanhol, já que o inglês dos mesmos são uma verdadeira merda. A gangue é liderada por dois abusadores de anabolizantes chamados Diego e Vargas.

No jogo[editar]

Os membros dos Hurricanes tristes por terem um artigo. (ou não)

Os Hurricanes aparecem no jogo, na missão sete quando um membro da classe alta dessa gangue chamado Sanchez fica muito endividado com a gangue dos Warriors, tenta se esconder em um bar qualquer do bairro, mas consegue ser achado, no qual aparecem vários membros dos Hurricanes tentando proteger esse sujeito, mas se fodem e Sanchez usa o poder do Correr para caralho para escapar dos membros dos Warriors.

Cochise e Ajax, perseguem-o, mas pelo fato de Sanchez conseguir correr pra caralho, o mesmo se esconde em uma casa velha, no qual chama Diego, o líder dessa porra toda, que estava cagando e andando para Sanchez, até que o mesmo decide cortar as dívidas dele com Sanchez, inclusive chamando o mesmo de "puto", no qual irritou Diego, acordando-o.

Cquote1.png Seus asquerosos! Vocês estão mortos! Vou cagar na mãe de vocês, Warriors! Cquote2.png
Diego sobre ter sua sessão de sexo interrompida ser acordado

Em uma tentativa frustada de tentar acabar com os mesmos, resolve apelar para usar um pedaço de madeira para tentar acabar de vez com essa porra toda, mas apenas toma refrigerante japonês e apela para a batalha em duplas com seu irmão Vargas.

Cquote1.png Puta que pariu, Diego! Que merda está acontecendo? Cquote2.png
Vargas sobre Diego
Cquote1.png Irmão, esses filhos da puta estão mexendo com o Sanchez! Enterre esses bostas, as ruas estão olhando! MWAHAHAHAHAHAHA! Cquote2.png
Diego sobre Frase acima
Cquote1.png Suas putinhas, vocês vão virar história! Preparem-se para virarem presunto! Cquote2.png
Vargas sobre Warriors

Vargas primeiramente começa jogando mais de 8000 objetos para tentar matar qualquer membro dos Warriors, como caixas pesadas, televisões, vasos sanitários, garrafas de cerveja, tua mãe, entre outras merdas, mas mesmo assim não dá certo pelo fato de Vargas ser meio vesgo e se junta para lutar.

Cquote1.png Ei, Fuentes, traga toda a família, irmão! Essas disgraças morrem hoje! MWAHAHAHAHAHAHA! Cquote2.png
Vargas sobre seu plano de atirar mais de 8000 objetos ter falhado pela sua vesguice

Vargas lutando é um pouco menos apelão que Diego, e possui golpes mais fracos (também pelo fato de Diego usar um pedaço de madeira como arma em vez das próprias mãos), no qual os dois são derrotados. Sanchez burramente tenta fugir até o teto do prédio, no qual os membros dos Warriors conseguem achá-o no topo. Sanchez dá um pouco do dinheiro, mas mesmo assim não era o bastante para pagar a dívida e Ajax tenta dar um susto no mesmo, no qual Sanchez prefere se suicidar e pula do prédio, indo pro colinho do capeta cinco segundos depois.

Os Hurricanes depois da missão também tiveram uma briga com os Panzers, quando uns quatro membros perdidos da gangue sem querer pararam sem querer querendo no território dos Hurricanes, no qual levaram um Especial de Porrada do Diego, e seu irmão Vargas.

Aliados[editar]

  • The Wizards: Gangue figurante que tentou puxar o saco mais possível dos Hurricanes para não apanharem dos mesmos.
  • The Boppers: São amigos pelas duas gangue terem territórios em bairros vizinhos.
  • The Destroyers: Não se sabe como as duas gangues ficaram amigas, mas pode ser pelo fato dos Destroyers serem rivais na única gangue revelada que conseguiu dar uma porrada nos próprios Hurricanes.
  • The Rogues: Luther revelou que votou na Hillary Clinton.
  • The Savage Huns: Os membros dos Hurricanes adoravam os pastéis de flango que os Savage Huns preparavam, além de fazerem vários negócios da China.

Inimigos[editar]

  • The Gramercy Riffs: Os Hurricanes são uma das únicas gangues que não puxam o saco dos Riffs, que apenas gostam de gangues americanas.
  • The Lizzies: Uma das membros dessa gangue se recusou a dar pro Vargas ou pro Diego, alegando ser lésbica.
  • The Moonrunners: Um membro dos Moonrunners disse que os Hurricanes não sabiam pintar e que seu logotipo era uma bosta, fazendo os membros dos Hurricanes ficarem putos com isso.
  • The Orphans: Os Orphans, mesmo tomando um pau dos Warriors por terem falado merda, não aprenderam a lição, e continuaram sua série de mentiras, onde falaram que comeram a mãe do Diego e do Vargas, no qual os mesmos conseguiram dar um Especial de Porrada nos membros dos Orphans.
  • The Panzers: Os Hurricanes odeiam os Panzers pelo fato de Jonah, o líder deles ter votado no Donald Trump, já que os próprios são imigrantes ilegais.
  • The Punks: Vance também votou no Donald Trump.
  • The Turnbull AC's: Thrash também votou no Trampo Trump.
  • The Warriors: Os Hurricanes odeiam os Warriors pelo fato dos mesmos perseguirem o maior endividado do grupo, o Sanchez, que devia 14 meses de aluguel mais de 8000 dólares pros mesmos, no qual se irritaram e passaram a querer matar o mesmo.
  • The Electric Eliminators: Os líderes dos Hurricanes são homofóbicos simplesmente não confiam nessa gangue.

Ver também[editar]