Toppo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
┘¶Æ╦Ù⌂ï◙ Ð˧©Î©£ØÞѮÐÎÅ !!!

Este artigo contém altas doses alienígenas! Não estranhe se encontrar uma sonda no cu dedão do seu pé ao terminar de ler este artigo. Se vandalizar, o Pai E.T enfiará uma sonda em você!

Alienwantyou.jpg
Muscledog.jpg Toppo usa esteroides anabolizantes!

Isso explica porque tem músculos enormes, voz grossa pra caralho,
pinto pequeno e nenhum cérebro.

Toppo
Toppo-cosplay.jpg
Nome completo Toppo
Local de nascimento Em algum lugar do Universo 11
Raça Leonciojin
Técnicas Justice qualquer coisa
Profissão Herói da justiça
Hobbies Nenhum, mas ele tenta...
Frases preferidas Cquote1.png JUSTICE!! Cquote2.png e Cquote1.png HAKAI!! Cquote2.png

Cquote1.png Sua intenção era pesquisar: Leôncio do Dragon Ball? Cquote2.png
Google dando uma de adivinho com a pesquisa de Toppo
Cquote1.png Experimente também: Topo Gigio Cquote2.png
Sugestão do Google para Toppo
Cquote1.png Son Goku! Lute comigo! Cquote2.png
Toppo sobre Goku.
Cquote1.png Eu tô com fome! Cquote2.png
Goku sobre citação acima.
Cquote1.png Surprise, motherfucker! Cquote2.png
Murichim sobre a mesma citação.
Cquote1.png Vou arrebentar a cara desse gordo! Cquote2.png
Vegeta sobre Toppo.
Cquote1.png Vou virar o deus da destruição! Cquote2.png
Toppo ficando bombado sobre citação acima.
Cquote1.png HAKAI!!! Cquote2.png
Toppo sobre destruir tudo.
Cquote1.png Você é patético! Cquote2.png
Jiren sobre Toppo perder pro Vegeta.
Cquote1.png Por causa desse orgulho idiota você levou uma surra daquele dourado sem rola e do metrossexual! Cquote2.png
Toppo sobre Jiren perder pro Freeza e o 17.

Toppos.png

Toppo é um personagem foderoso que apareceu no anime/mangá Dragon Ball Super. Ele é o líder da Tropa do Orgulho, a Liga da Justiça do Universo 11, e também candidato para ocupar o cargo de deus da destruição no dia que o Belmod se aposentar ou ir trabalhar no McDonald's. Toppo ficou muito puto depois que Goku encheu o saco do Zen-Oh pra fazer um torneio chato pra cacete e ele ter que lutar nessa merda.

Aparência[editar]

Toppo mostrando seus músculos.

Toppo é todo bronzeado, careca e tem um bigode gigante pra esconder a feiura. Ele é o Leôncio cuspido e escarrado, digo, esculpido em Carrara. Melhor dizendo: esculpido em banha de porco, mastigado, cuspido e massageado com minoxidil e um pau de macarrão. Enquanto a cabeça do Leôncio parece uma piroca feia, Toppo tem cabeça em forma de batata podre, e seus olhos são amarelos e esmigalhados, como os do Dabura. É gordo feito uma boliña de golfe, mas quando se transforma em deus da destruição, fica todo bombadão, brilhando com luz negra e se abençoado pelo Jesus Negão, perdendo até as perninhas de grilo, mas mantendo as mãozonas que não dão nem pra tocar uma bronha.

Personalidade[editar]

Toppo quer VOCÊ pra fazer justiça no Universo 11.

Toppo é um tremendo puxassaco dos deuses da destruição, especialmente o dele, não é a toa que é o únicos principal candidato para ocupar o topo do Universo 11, ao invés do Jiren, que é muitissississississíssimo mais forte que ele e só não é o líder da bagaça porque não quer. Toppo é todo metido a certinho e está sempre comprometido à fazer justiça de qualquer forma, tirando gatinhos de árveres ou ajudando velhinhas a atravessar a rua, se achando o contrato social em pessoa. Como líder da Tropa do Orgulho, está no topo da equipe, mas ele puxassaco de todos os outros, principalmente Jiren, não só por ser mais forte, mas também um amigão (ou não).

História[editar]

Passado[editar]

Há muito, muito tempo, Toppo nasceu no longínquo planeta dos caras de morsa (vulgo: Suécia). Desde pequeno [carece de fontes], ele era um guerreiro bem fortinho e honrado, com todos admirando seu nobre sentimento de justiceiro e dando corda para que ele começasse a juntar um grupo de guerreiros para formar sua "turminha de guerreiros fodas". Na adolescência, Toppo e seu amigos goonies se deram conta que esse nome era uma porcaria e desmantelaram o grupo, arrumando um estágio na Tropa do Orgulho, mas sem condições de lutar contra os vilões espaciais que queriam dominar o universo usando as gemas do Infinito e o Gerador de Improbabilidade Infinita. Após 18 anos (de estágio), finalmente, Toppo foi contratado como guerreiro oficial da Tropa do Orgulho, e em pouco tempo, já era o líder da bagaça.

Para melhorar a equipe, começou a juntar uma galerinha pra fazer segurança jurídica: foi no planeta natal do Bills dos coelhinhos e conheceu o Dyspo, foi até no planeta dos Greys, que estava desolado e todo fodido, e conheceu Jiren, que viria a ser best friend forever, sempre disputando um truco valendo o toba (da Cocotte) para ver quem é o mais forte, já que Jiren ganharia fácil se fosse na porrada. Belmod, o deus da destruição do Universo 11, já estava assinando contrato para trabalhar no McDonald's e estava perto de se aposentar do cargo de deus da destruição, então resolveu indicar um membro da Tropa do Orgulho para ocupar a sua posição. Jiren era o mais forte, mas não queria ocupar esse cargo nem fodendo, então sobrou pra Toppo se tornar o estagiário (outra vez...) do Belmod.

Exibição Zen[editar]

Toppo puto ao saber que vandalizaram este artigo.

Estava Belmod relaxando com 3 putas e comendo frutas do bosque, enquanto Toppo se perguntava se teria que dar uma de Dan Bilzerian quando assumisse o cargo de deus. A putaria teve um fim prematuro depois que Belmod foi chamado para ver Zen-Oh com urgência, pois os dois pivetes chamaram todos os deuses da destruição pra uma conversinha, e Toppo foi junto. Chegando lá, Daishinkan veio com uns papos doidos de organizar um torneio multiversal, mandar 10 guerreiros de 8 dos 12 universos caírem na porrada, o universo que perdesse seria eliminado, aquela merda toda do Torneio do Poder que você já conhece. Toppo ficou muito puto com essa porra e queria saber quem foi o retardado que pediu pra fazer essa merda, descobrindo que foi o mortal zé ruela que tava do lado do Bills, Goku, é claro. Toppo o chamou educadamente pra cair na porrada e os dois começaram a lutar, com Toppo mostrando que era peixe graúdo ao conseguir dar uns cascudos em Goku, forçando-o a pintar o cabelo de azul e apertar os peitinhos de Toppo, fazendo a luta entre os dois ficar feia.

Toppo como deus da destruição. Para manter o padrão de nomes de bebidas, seu nome seria mudado para Quentão.

Depois da luta, Toppo intimidou Goku dizendo que tem um guerreiro forte pra caralho que ia enfiar a pica no cu dele, Jiren, no caso. Depois da treta, Toppo foi pra um bar encher a cara sob recomendação médica, já que a treta piorou o estresse que já tinha por trabalhar sem relaxar, e vestido a caráter, com terninho e gravata. Sem ao menos dar um mísero golinho no que parecia uísque barato com purê de maçã e couve (credo), ele reuniu a turma mais porreta da Tropa do Orgulho pra entrar no torneio.

Torneio do Poder[editar]

Toppo acendendo a luz neon de deus da destruição.

Toppo, Jiren, Dyspo e outros 7 fanfarrões da Tropa do Orgulho chegaram com estilo pra disputar o Torneio do Poder, com direito a fogos de artifício e gases tóxicos coloridos. No torneio, Goku quis uma revanche por causa do chute que o fez cair da arena ou do Daishinkan interromper a luta antes que se matassem (mas não os dois ao mesmo tempo) e Toppo correspondeu, mas um galinha e um bochechudo resolveram se meter, fazendo ambos levarem um tapão no meio da orelha. Goku desistiu de Toppo e foi louco atrás do Jiren, já que queria lutar com ele feito mulher de malandro.

Toppo não era bobo e sabia que os 7 fanfarrões eram café com leite perto de Dyspo, que era bem mais fraco que dele e o Jiren, não sendo a toa que a maioria deles apanhou para duas mulherzinhas que aprenderam a lutar um dia antes do torneio. Vendo seus subordinados caírem um a um, Toppo resolveu ficar quieto num canto e deixar o resto se matando na porrada igual maluco, até que só sobrou eles três contra metade dos guerreiros do Universo 7.

Antes das mulherzinhas serem jogadas pra cima de uma logo da Brazzers na arquibancada, quem foi pra briga contra Toppo foi Vegeta, que se distraiu com o ki das duas e levou um socão na boca. O anão irritadinho quis uma revanche e foi pra dentro com o gordinho, mas Toppo não aguentava mais que ficassem apertando seus peitinhos e resolveu mostrar sua forma oculta: ficou bombadão, sob efeitos de anabolizantes e ascendeu uma luz neon, tornando-se um deus da destruição informal, igual ao Zamasu quando roubou os brincos do Gowasu. Toppo deu uma surra no Freeza, brincou de polícia e ladrão com o 17, ficou muito louco e tacou Hakai pra tudo quanto é lado, literalmente destruindo a arena. Vegeta ficou de saco cheio, tirou sarro da careca de Toppo, que chamou ele de segundo escalão pela segunda vez, aí ele ficou puto e lançou Toppo pra fora da arena, destruindo metade da arena. Depois que o time Universo 11 se fodeu, foi restaurado pela boiolagem do 17, perdendo uns quilinhos no processo (60, pra ser exato).

Dados pessoais[editar]

  • Nome: Toppo
  • Idade: ninguém se importa.
  • Estado civil: provavelmente solteiro, pois é muito feio.
  • Principal qualidade: é candidato a deus da destruição.
  • Principal defeito: é muito feito mais fraco que o guerreiro que não quer ser deus.
  • Família: a Tropa do Orgulho (solteiro, lembra?).
  • Batalha inesquecível: contra o Vegeta.
  • Ataques mais fortes: Hakai, HAKAI e HAKAI.
  • Objetivos: proteger o Universo 11 do crime e das forças do mal.
  • Como morreu: com Jiren no colo, quando os Zen-Ohs apagaram seu universo inteiro.