Toyota Supra

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Jaspion metaltex.jpg

Made in Japan
Este é um artigo com tecnologia do sol nascente né.
E prefere Karate do que Taekwondo.

Cquote1.png Experimente também: o carro dos velozes e furisos Cquote2.png
Sugestão do Google para Toyota Supra
Cquote1.png Tenho um desse........no Gran Turismo Cquote2.png
Você sobre Toyota Supra
Cquote1.png Tenho um desse........no forza horizon 2,3 e 4 Cquote2.png
gamers sobre um supra
O Toyota Supra é um carro de brinquedo criado pela Hot Wheels Motor Company. Desde 1996 o modelo foi reatualizado e depois colocado novamente à venda por função de não estar vendendo. O modelo é popular em jogos de corrida, e apareceu nos jogos do Need For Speed: Rio de Janeiro, e uma breve aparição em jogos de rally como Death Rally ou Gran Turismo 10. O carro parou de ser fabricado em 2002 por problemas com emissões e normas técnicas apertadas no país de origem, a Mafagafolândia. O Toyota é um grande carro, ou seja, uma grande porcaria, que tem um motor fedido, usado para processar estrume e para secagem de toalhas em grandes corporações hoteleiras para eqüinos. A Toyota falhou ao realizar seu projeto pelo fato de estar contando com um esquema de 1900 em que o motor do carro derivou de uma máquina a vapor para processar carvão. O fato do motor do Toyota ficar dando pau o tempo todo é devido à falha na engenharia e ao corte de giro ser baixo em torno das 6.500 rpm, momento em que o motor começa a soltar fumaça e a pedir arrego. O Toyota Supra é conhecido por ser um carro muito ruim e por apenas "fazer barulho" e perder em qualquer espécie de campeonato, além de ser o carro que Brian O' Connor usou antes de sua última corrida, momento em que um Porsche 911 passou por cima dele e quebrou o seu Toyota ao meio. O pobre motorista não sobreviveu aos ferimentos devido àos estilhaços do carro terem ido parar diretamente no seu rosto, o que fez com que seu dublê ficasse em seu papel principal nos filmes da série Velozes e Furiosos, Velozes e Furiosos 10 e Velozes e Furiosos 14.

Produção[editar]

Eis o Suprão

O carro começou a ser feito em 1900 e depois teve seu projeto relançado em 1989, sendo derivado do Toyota AE86, mas não necessáriamente seu sucessor. Históricamente o carro é um modelo à parte, e seu insucesso se deve ao problema de que ele não passou nos requisitos para ser vendido pela Toyota em 1900 e que os ovnis vieram a abduzí-lo posteriormente para que ele podesse ficar em paz consigo mesmo e encontrar a paz interior. O carro não tem grandes ambições na sua vida e infelizmente não pode ser vendido, e nunca passará a ser um modelo histórico, pelo fato de mais de 8000 unidades terem sido vendidas ao longo da história do homem. Diz-se que seus descendentes possuíam um modelo de Toyota Supra que era fabricado no Acre, não neste que se encontra em terras brasileiras, mas no Acre da Terra Santa durante o período das cruzadas. Este modelo de carro era uma mistura do Chevrolete Chevette, Corvette e o Supra, que juntos formavam o Charrete, popular animal de carga conhecido por transportar mercadorias e servir de bucha de canhão para as tropas dominarem as cidades da Terra Média. Quando os visigodos invadiram o Brasil em 1500, Pedro Álvares Cabral deixou de trocar mercadorias com os índios e matou todos eles porque ele estava com muita raiva da Desciclopédia. Quando sua nau afundou antes de chegar na Grã-Bretanha, os Médici pediram a Eliana para que falasse com a Toyota e desse tempo para eles fazerem uma nova nau que não fosse tão ruim quanto o Toyota Supra. O que eles fizeram foi pegar leão da savana para que eles remassem até chegar na Índia, onde comprariam da Companhia das Índias novelas para que fossem produzidas pela Rede Globo pelo Leão Marinho antes de época de PC Farias alegar que não sabia de nada sobre subornos em obras públicas.

Fim da produção[editar]

O carro deixou de ser produzido porquê o Administrador (malvado que só ele) da Wikipédia, da Desciclopédia e do Facebook decidiram fechar a conta de usuário na Guerra mundial em 1919. Quando esta terminou a Segunda Guerra Mundial usou os restos do motor do último Toyota em produção para munição e como penico para que seus dejetos não fossem jogados a céu aberto e a contaminarem o solo com seu cocô. Quando o artigo deixou de ser escrito e o editor morreu por um enfarto fulminante, o Scout veio ao artigo e decidiu nomeá-lo como o melhor artigo da Melhor Página do Universo, por Maddox, conhecido charlatão e transsexual homofóbico. Depois de ler os artigos da Desciclopédia o Toyota Supra consegiu ser semi-sapiente e começou a escrever artigos sobre o Honda Civic seu maior colega desde os tempos de infância. O carro deixou de ser produzido em 2002 e desde então modelos são encontrados em ferros-velhos ou por colecionadores de traquitanas e outras porcarias que ninguém precisa.

Veja Também[editar]

v d e h
*Automóveis, atropelamento e fuga
Típico sonho de consumo da classe média. Este artigo é sobre um carro.

♫ Não é homem, não é nada, mulher gosta é de carro... ♫

Ele queima óleo, suja sua garagem, solta fumaça e sempre lhe deixa na mão no meio da estrada!