Trauma

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Cquote1.svg Parem de chamar a Dona Clotilde de velha, isso poderá provocar um trauma pelo resto de seus minutos! Cquote2.svg
Seu Madruga sobre Dona Clotilde.

Trauma é uma falha cerebral que até os dias de hoje ainda não se sabe como corrigir, apenas amenizar e, assim mesmo, depende do tamanho do trauma. Os traumas ficam gravados na parte do cérebro que corresponde à memória, dessa forma se alguém tiver lapsos de memória é uma vantagem para que esqueça o trauma.

Mais informações[editar]

Duas reações diferentes a um trauma: Imbecil felizinho e imbecil sem humor.

O cérebro não é tão evoluído assim, principalmente o de primatas humanos, é muito imbecil para memórias. Por exemplo, se na situação em que houve a desgraça existe o predomínio da cor verde, a pessoa pode ter um monte de pitis apenas por ver algo dessa cor, pois o cérebro identifica perigo associado à cor, mesmo que não haja perigo nenhum na situação.

O exemplo foi cor, mas dependendo da pessoa pode associar a um som, a um fedor maldito ou a um lugar. Isso se prova facilmente, pois aquela primeira porrada que você levou no meio da face, até hoje fez com que toda vez que você observa uma mão fechada comece a querer chamar a mamãe, ninguém ao redor entende a sua reação. Nesse caso sua memória associou à um gesto. Se alguém malvado souber disso, poderá ainda usar desse recurso para conseguir algo de você ou te intimidar ou apenas te tirar mesmo.

Os traumas são provocados poucas vezes, sem querer e muitas vezes, por filhadaputagem mesmo, mas a merda costuma ser a mesma com o agravante de que, se quem provocou sequer foi impedido de voltar a fazer, a sensação de injustiça ainda fica martelando junto com o trauma. Nesses casos a causa dos traumas foram desgraças mesmo, nenhuma frescura da parte do(a) traumatizado(a). Há muitas maneiras de se curar um trauma desses... Na verdade nenhuma das formas é 100% eficaz e ainda é difícil conseguir psis o que for, bons mesmo, pois até nessa área está difícil conseguir gente que pareça gostar da profissão e faça o serviço com boa vontade.

Como se livrar de um trauma[editar]

Na sessão anterior já dito que quase todo mundo irá recomendar um psi alguma coisa e, sim, pode ajudar a pessoa traumatizada, mas achar quem preste nessa área(e em muitas outras) é difícil, embora não impossível, principalmente nos citados casos graves, e é bem deles que eu estou falando. Nesses casos graves apenas uma solução para mandar o maldito trauma para o fundo do inferno e não voltar nunca mais...

...exatamente, mandar também quem causou a desgraça para o fundo do inferno e não voltar nunca mais. Dessa forma a vítima poderá se livrar do trauma e ainda saber que, o causador do trauma não fará mais o que fez pra mais ninguém. Daí você lembra das sábias palavras do mestre Madruga: Cquote1.svg A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena. Cquote2.svg Mas o Madruginha(não é o cachorro, é o próprio), se referiu à coisas como os tapinhas da Dona Florinda que, embora desagradáveis e seguidos de insultos humilhantes, ainda passa. Mas o Madruginha não disse nada em casos como esses, onde a desgraça provocada é grande e, ao sair da cadeia, o desgraçado fez novamente com outro(a) infeliz, e sempre que possível voltará a fazer.

No caso citado até mesmo o Madruguinha poderia executar algumas vinganças, não duvide. Ao menos baixando o Tripa Seca, no Seu Madruga, ele faria. Sendo possível, essa é a melhor forma de superar um grande trauma e evitar que outros infelizes sejam traumatizados. O traumatizado(a) pode se munir de coisas do tipo metralhadora, peixeiras, porretes... Assim poderá se livrar do trauma.